Você sabe o que é preciso para viajar com animais para o exterior?

viajar com animais

Só quem tem um bichinho de estimação sabe o quanto é difícil deixá-lo para viajar por muitos dias. O pior é que, por mais que você deixe o animal com alguém de confiança, essa pessoa não terá o mesmo comprometimento que você tem nos cuidados com ele. Colocar a quantidade certa de ração, evitar que ele entre em contato com algo que lhe dê alergia, ou mesmo fazer suas brincadeiras preferidas… A saudade também é outro desafio, tanto para os humanos, quanto para os bichinhos. São vários os motivos para viajar com animais de estimação nas viagens mais longas.

Por isso reunimos algumas dicas pra quem não sabe por onde começar a fazer a documentação. Sim, eles têm passaporte! É bem menos complicado do que parece levar os pets pra passear no exterior. Basta ficar ligado nas regras para não ter surpresas desagradáveis. Nas viagens internacionais com cães e gatos, é preciso solicitar ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) a emissão do Certificado Veterinário Internacional (CVI), que comprova a saúde do animal.



viajar-com-animais2

No trânsito internacional de pessoas e produtos, há grande preocupação com a transmissão de doenças de um país para o outro. É por isso que precisamos tomar certas vacinas para entrar em determinados países. A chave do negócio é saber quais são as exigências do país de destino e levar as provas de que o seu animal está protegido contra tais doenças.

Para os Estados Unidos, a solicitação de emissão do CVI online já é possível no Portal de Serviços do Governo Federal. No site, você envia o Atestado de Saúde, os comprovantes de vacina e os demais dados. Para entender todo o passo a passo para a emissão do CVI online para os Estados Unidos, clique aqui.

Para a emissão do CVI para outros países, é preciso ir a uma Unidade do Vigiagro. Veja onde está a unidade mais próxima de você no mapa abaixo:



A documentação (original e cópia) necessária para levar à Unidade Vigiagro é:

1. O requerimento preenchido de solicitação do Certificado Veterinário Internacional – CVI.

2. O Atestado de Saúde, que pode ser feito por qualquer veterinário, mas deve seguir o modelo exigido pelo país de destino.

3. Demais comprovantes (de vacinas, tratamentos anti-parasitários, comprovante de microchip, sorologia de raiva, e outros).

Veja as exigências específicas para cada país ou bloco, de alguns dos principais destinos:

União Europeia

Mercosul

Canadá

 

Leia mais 6 destinos que valem a pena visitar na baixa temporada

 

Por Larissa Rodrigues: desenhista do @be.my.type, internacionalista e mestranda de Relações Internacionais da UEPB. Adora falar de política, espiritualidade e coisinhas que amenizam nossa experiência de vida: filmes, moda, viagens e comida!!!

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

%d blogueiros gostam disto: