Teatro Santa Roza traz o espetáculo ‘O Rei do Lixo’ e ‘Escolinha Profana’

O mês de maio começa com dois espetáculos imperdíveis no Teatro Santa Roza: ‘O Rei do Lixo’ e a ‘Escolinha Profana’. As duas peças estarão em cartaz no Teatro Santa Roza, no Centro de João Pessoa, aos sábados e domingos, exceto no dia 18. ‘O Rei do Lixo’ é uma peça para toda a família e será encenada sempre às 17h. Já a ‘Escolinha Profana’ será sempre às 20h.

“O Rei do Lixo”, espetáculo infantil com classificação livre, com texto de Luiz Navarro e  adaptado e dirigido por Eliezer Rolim é o mais novo espetáculo infantil da Agitada Gang, o espetáculo tem como objetivo não só entreter, mas, principalmente, educar as crianças sobre importância do conceito de sustentabilidade para suas vidas, o poder da reciclagem e o futuro do planeta.

Lançando o seu mais novo DVD “A Escolinha Profana” a peça vai trazer os mesmos personagens do espetáculo Pastoril Profano e vai mostrar diferenças gritantes da cultura brasileira  com o humor sarcástico, com diversas disciplinas distintas e com as alunas já conhecidas por todos.



Serviço:

‘O REI DO LIXO’

Horário: 17h / Valor: R$ 30,00 (inteira), R$ 15,00*(meia)

Classificação: Livre

 

‘A ESCOLINHA PROFANA’

Horário: 20h / Valor: R$ 40,00 (inteira), R$ 20,00*(meia)

Classificação: 16 anos

 

*(crianças, idosos, professores, portadores de necessidades especiais)

Sábados e Domingos (dias 11, 12, 19, 25 e 26) de maio – (exceto dia 18)

Local: Teatro Santa Roza, Praça Pedro Américo, s/n, Centro

 

*Ícaro Diniz assessoria de imprensa

Foto destaque: Divulgação

 

Leia também: Estação Cabo Branco recebe exposição “Canjerê” neste mês de maio

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

São João da capital paraibana: confira a programação completa

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) por meio de sua Fundação Cultural (Funjope) lançou a programação oficial do São João da Capital paraibana, que este ano homenageia o Centenário de Nascimento de Jackson do Pandeiro e terá como tema “São João do Jeito da Gente”. Tendo com atrações principais Jorge de Altinho, Waldonys e Kátia Cilene, que se apresentam no Ponto de Cem Réis, a festa terá mais 40 atrações, com shows, prévias nos bairros, Festival de Quadrilhas Juninas e o AnimaCentro, voltado para o forró, com atrações na Praça Rio Branco (Sabadinho Bom) e Centro Cultural Casa da Pólvora (Pólvora Cultural). A programação junina já começa neste domingo (12) e vai até 30 de junho.

João Pessoa, Cidade Criativa da Unesco, terá uma programação com 50 dias de festa com atrações que reforçam os valores da cultura nordestina e do forró. A programação São João da capital paraibana começou domingo (12) com as prévias juninas, com a apresentação de seis quadrilhas no Centro Cultural de Mangabeira. No domingo (19), será a vez do Parque da Lagoa receber as quadrilhas juninas. No dia 26 outras quadrilhas se apresentam no Centro de Cultura e Esportes Adeilton Pereira Dias, no Gervásio Maia. As prévias terminam no dia 2 de junho com a apresentação no Centro da Juventude do Alto do Mateus.

O Ponto de Cem Réis, espaço dedicado aos grandes shows, recebe, no dia 22, Quadrilha dos Bonecos Gigantes, a cantora Sandra Belê, com uma homenagem a Jackson do Pandeiro, e Kátia Cilene. No domingo (23), será a vez de Os 3 do Xamego, Assisão e Waldonys. Na segunda-feira (24), Os Fulanos e Cabruêra com o show “Jackson Racional e os Afrobatuques”, Dejinha de Monteiro e Jorge de Altinho.

A programação musical do AnimaCentro será toda voltada para o período junino, com cinco shows no Sabadinho Bom (com trios de forró pé de serra) e três no Pólvora Cultural, no Centro Cultural Casa da Pólvora, com shows de Geovane Jr., Os Filhos do Forró e do trio Fulô Mimosa. Além disso, a Ferinha de Tambaú, que já recebe o Forró na Feira, terá shows de Os Filhos de Jackson, Forró Bom que Só, Trio de Três, Werlainy Lopes e Maria Sem Vergonha.

Festival de Quadrilhas Juninas – O tradicional Concurso de Quadrilhas Juninas de João Pessoa, que este ano chega à 23ª edição, será realizado nos dias 13, 14 e 15 de junho, a partir das 19h, no Ponto de Cem Réis, com a participação de 24 quadrilhas.



PROGRAMAÇÃO SÃO JOÃO 2019

12 de Maio a 02 de junho – PRE-JUNINOS

19/05/2019 (Domingo) – 17hs – Parque da Lagoa

17h00m – QUADRILHA JUNINA SAPUCAIA – ALTO DO CÉU – MANDACARU

17h30m – QUADRILHA JUNINA NAÇÃO MATUTA – VALENTINA CUIÁ

18h00m – QUADRILHA JUNINA SUCUPIRA – PADRE ZÉ

18h30m – QUADRILHA JUNINA MANGUE SECO – SÃO JOSÉ

19h00m – QUADRILHA JUNINA XAMEGO ARRETADO – ILHA DO BISPO

19h30m – QUADRILHA JUNINA PARAÍBA – ROGER

 

26/05/2019 (Domingo) – 17hs – Centro de Cultura e Esportes Adeilton Pereira Dias – Residencial Gervasio Maia

17h00m – QUADRILHA JUNINA XIADO DO XINELO – FUNCIONÁRIOS IV

17h30m – QUADRILHA JUNINA SACODE POEIRA – JARDIM TREZE DE MAIO

18h00m – QUADRILHA JUNINA SÓ RISOS – JOSÉ AMÉRICO

18h30m – QUADRILHA JUNINA ZÉ MONTEIRO – CRISTO REDENTOR                                 

19h00m – QUADRILHA JUNINA PINDURA SAIA – TORRE

19h30m – QUADRILHA JUNINA EXPLODE CORAÇÃO – COLINA DO SUL

 

02/06/2019 (Domingo) – 17hs – Centro da Juventude do Alto do Mateus

17h00m – QUADRILHA JUNINA FOGUEIRINHA – CRUZ DAS ARMAS

17h30m – QUADRILHA JUNINA BOTIJINHA – CRUZ DAS ARMAS

18h00m – QUADRILHA JUNINA ACONCHEGO – CRUZ DAS ARMAS

18h30m – QUADRILHA JUNINA LAGEIRO SECO – ROGER

19h00m – QUADRILHA JUNINA FLOR DO MANDACARU – MANDACARU

19h30m – QUADRILHA JUNINA FULÔ DO SERRADO – FUNCIONÁRIOS II

 

01 a 30 de Junho – Projetos Culturais

01/06/2019 (Sábado)

12:30hs – Sabadinho Bom – Forró de Cabo a Rabo (Praça Rio Branco)

19:30hs – Forró na Feira – Os Filhos de Jackson (Feirinha de Tambaú)

 

02/06/2019 (Domingo)

16:30hs – Pólvora Cultural – Geovane Jr (Casa da Pólvora)

 

08/06/2019 (Sábado)

12:30hs – Sabadinho Bom – Tamborete de Forró (Praça Rio Branco)

19:30hs – Forró na Feira – Forró Bom que Só (Feirinha de Tambau)

 

09/06/2019 (Domingo)

16:30hs – Pólvora Cultural – Os Filhos do Forró (Casa da Pólvora)

 

15/06/2019 (Sábado)

12:30hs – Sabadinho Bom – Alexandre Carvalho (Praça Rio Branco)

19:30hs – Forró na Feira – Trio de Três (Feirinha de Tambaú)

 

16/06/2019 (Domingo)

16:30hs – Pólvora Cultural – Trio Soh Jackson (Casa da Pólvora)

 

22/06/2019 (Sábado)

12:30hs – Sabadinho Bom – Expressão Nordestina (Praça Rio Branco)

19:30hs – Forró na Feira – Werlainy Lopes (Feirinha de Tambaú)

 

29/06/2019 (Sábado)

12:30hs – Sabadinho Bom – Swing Nordestino (Praça Rio Branco)

19:30hs – Forró na Feira – Maria Sem Vergonha (Feirinha de Tambaú)

 

30/06/2019 (Domingo)

16:30hs – Pólvora Cultural –  Fulô Mimosa (Casa da Pólvora)



XXIII CONCURSO DE QUADRILHAS JUNINAS DE JOÃO PESSOA

13 a 15 de Junho – 19hs – Ponto de Cem Réis

13/06/2019 (Quinta-Feira)

19h00min às 19h20min – QUADRILHA JUNINA PINDURA SAIA

19h35min às 19h55min – QUADRILHA JUNINA PÓ DE SERRA

20h10min às 20h30min – QUADRILHA JUNINA ACONCHEGO

20h50min às 21h15min – QUADRILHA JUNINA XAMEGO ARRETADO

21h35min às 22h00min – QUADRILHA JUNINA LAGEIRO SECO

22h20min às 22h45min – QUADRILHA JUNINA FAZENDA LAMPIÃO

23h05min às 23h30min – QUADRILHA JUNINA LINDA FLOR DO SERTÃO

23h50min às 00h15min – QUADRILHA JUNINA FLOR DO MANDACARU

 

14/06/2019 (Sexta-Feira)

19h00min às 19h20min – QUADRILHA JUNINA BOTIJINHA

19h35min às 19h55min – QUADRILHA JUNINA ZÉ MONTEIRO

20h10min às 20h30min – QUADRILHA JUNINA MANGUE SECO

20h50min às 21h15min – QUADRILHA JUNINA TIKO SHOW

21h35min às 22h00min – QUADRILHA JUNINA FULÔ DO CERRADO

22h20min às 22h45min – QUADRILHA JUNINA SANFONA BRANCA

23h05min às 23h30min – QUADRILHA JUNINA FOGUEIRINHA

23h50min às 00h15min – QUADRILHA JUNINA PARAÍBA

 

15/06/2019 (Sábado)

19h00min às 19h20min – QUADRILHA JUNINA SAPUCAIA

19h35min às 19h55min – QUADRILHA JUNINA EXPLODE CORAÇÃO

20h10min às 20h30min – QUADRILHA JUNINA FLOR DE LÍRIO

20h45min às 21h05min – QUADRILHA JUNINA XIADO DO XINELO

21h20min às 21h40min – QUADRILHA JUNINA SACODE POEIRA

21h55min às 22h15min – QUADRILHA JUNINA SÓ RISOS

22h30min às 22h50min – QUADRILHA JUNINA SUCUPIRA

23h05min às 23h25min – QUADRILHA JUNINA NAÇÃO MATUTA (CONVIDADA)

 

PALCO PRINCIPAL – PONTO DE CEM RÉIS

DIA 22 (Sábado)

19:00h –Quadrilha dos Bonecos Gigantes – Apresentação do Boneco de Jackson do Pandeiro

20:15h – Sandra Belê – Show em homenagem a Jackson do Pandeiro

22:00h – Kátia Cilene

 

Dia 23 (Domingo)

19:00h –Os 3 do Xamego

20:45h – Assisão

22:30h – Waldonys

 

Dia 24 (Segunda-Feira)

19:00h – Os Fulanos

20:45h – Dejinha de Monteiro

22:30h – Jorge de Altinho

 

*Juneldo Moraes/Secom-JP

Foto destaque: Janine Moraes

 

 

Leia também: Estação Cabo Branco recebe exposição “Canjerê” neste mês de maio

 

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

 

Estação Cabo Branco recebe Roda de Leitura nesta terça-feira

A poetisa Francisca Vânia Rocha é a atração do projeto “Roda de Leitura” da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, no bairro do Altiplano, nesta terça-feira (14). O encontro acontece a partir das 9h30, na sala de práticas educacionais. O projeto tem o intuito de instigar o gosto pela leitura e o reconhecimento de escritores paraibanos e outras pessoas ligadas às artes e literatura. As atividades acontecem em momentos descontraídos de leitura de narrativas, poemas, textos visuais e performances teatrais.

O projeto Roda de Leitura tem o objetivo de orientar a prática da leitura, servindo como apoio à comunidade na construção do conhecimento, proporcionando a convivência com várias linguagens artísticas e científicas, ampliando o leque de possibilidade educacional. Durante esta edição do projeto, a poetisa Francisca Vânia Rocha irá trabalhar com os participantes o livro “Tecendo Poemas nos Ecos da Eu”.

Francisca pretende tornar a atividade lúdica e prazerosa trabalhando com o público a alma humana em seus altos e baixos. A poetisa também dará destaque às diferentes vozes femininas exemplificadas como misteriosas, sofridas, apaixonadas e atormentadas

Perfil – Francisca Vânia Rocha já publicou três livros, entre eles estão Das Palavras à Imagem Fílmica: A Cartomante pelo Viés da psicanálise, Ponto e Contraponto: releitura, e Tecendo Poemas nos Ecos do Eu, além de vários artigos em coletâneas organizadas por professores da UFPB.



Roda de Leitura

Atração: Francisca Vania Rocha Nobrega

Horário: 9h30

Local: Estação Cabo Branco – Altiplano

Entrada gratuita

 

*Luiz Carlos Lima/Secom-JP

Foto destaque: Divulgação

 

Leia também: Estação Cabo Branco recebe exposição “Canjerê” neste mês de maio

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Estação Cabo Branco recebe exposição “Canjerê” neste mês de maio

 A exposição Canjerê entrará em cartaz na próxima terça-feira (14), no Hall do prédio administrativo da Estação Cabo Branco- Ciência, Cultura e Artes, no Altiplano. A entrada é gratuita e a classificação é livre. O horário de visitação é de terça a sexta-feira das 9h até 18h e sábado, domingo e feriado das 10h até 19h.

O artista Alan Cruz intitulou a exposição com nome “Canjerê”, que na linguagem afro-brasileira significa reunião de pessoas para rituais de religiões africanas e brasileiras e também pode designar como o local, ou o espaço, onde acontece a reunião. A exposição ficará a mostra na Estação Cabo Branco até o dia 30 de junho.

Alan Cruz é um apaixonado pela história e cultura afro-brasileira. Nesta exposição, ele busca expressar e retratar o cotidiano do povo brasileiro e africano, e suas similaridades. Com um olhar crítico e provocador, o artista imprime nas telas o emocional de um canjerê e irradia sua energia continuamente, deixando sua marca na história desse povo.



EXPOSIÇÃO CANJERÊ

Expositor: Alan Cruz

Abertura: 14 de maio (até 30 de junho)

Local: Hall do prédio administrativo

Horário de visitação: terça a sexta-feira das 9h às 18h e sábado, domingo e feriado das 10h às 19h.  

 

*Dayana Nóbrega/Secom-JP

Foto destaque: Divulgação

 

Leia mais: Celeiro Espaço Criativo terá cursos gratuitos de pintura, violão e mais

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

 

X-Men: Fênix Negra, Cinépolis anuncia pré-venda do filme

A rede Cinépolis, anuncia que a pré-venda de “X-Men: Fênix Negra” começa hoje, dia 13 de maio, e os ingressos poderão ser adquiridos por meio do site. Para os fãs de mutantes, “X-Men: Fênix Negra” está sendo apresentada como o capítulo final da franquia dos mutantes com o elenco atual.

A trama de Fênix Negra se passa dez anos após os eventos do filme mais recente da franquia, “X-Men: Apocalipse”. Mística (Jennifer Lawrence), Fera (Nicholas Hoult), Noturno (Kodi Smit-McPhee), Tempestade (Alexandra Shipp) e Mercúrio (Evans Peters) são heróis nacionais. Charles Xavier (James McAvoy) consegue sair até na capa da revista Time. Jean Grey (Sophie Turner), já transformada em Fênix Negra, perde o controle de seus poderes e vira uma ameaça para o universo. Com direção de Simon Kinberg, “X-Men: Fênix Negra” chega ao Brasil em 06 de junho.



SINOPSE

Em X-Men: Fênix Negra, os X-Men enfrentam seu inimigo mais formidável e poderoso: um deles, Jean Grey. Durante uma missão de resgate no espaço, Jean é quase morta quando é atingida por uma misteriosa força cósmica. Quando ela volta para casa, essa força não só a torna infinitamente mais poderosa, mas muito mais instável. Lutando com essa entidade dentro dela, Jean desencadeia seus poderes de maneiras que ela não pode compreender nem conter. Com Jean fora de controle, e ferindo aqueles que ela mais ama, ela começa a desvendar a linha que mantém os X-Men juntos. Agora, com esta família desmoronando, eles devem encontrar uma maneira de se unir, não apenas para salvar a alma de Jean, mas para salvar nosso próprio planeta de alienígenas que desejam se armar com essa força e governar a galáxia.

 

Adquira os ingressos através do site. 

 

Ficha Técnica

X-Men: Fênix Negra

EUA, 2019.

Ação| Aventura.

Diretor: Simon Kinberg.

Elenco: Sophie Turner, James McAvoy, Michael Fassbender, Evan Peters, Jennifer Lawrence, Jessica Chastain, Nicholas Hoult, Tye Sheridan, Kodi Smit-McPhee, Alexandra Shipp.

Duração: 120 minutos.

Distribuidora: Fox Film do Brasil.

 

Assista ao trailer do filme:

 

*TZM Entretenimento assessoria de imprensa

Foto destaque: Divulgação

 

 

Leia também: Cinépolis anuncia pré-venda de Aladdin, Live Action do clássico da Disney

 

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Virando a Mesa do Poder: você precisa assistir ao documentário da Netflix

Virando a Mesa do Poder é um documentário que entrou recentemente na Netflix e mostra uma nova perspectiva na política norte-americana. Em menos de uma hora e meia somos apresentados a quatro mulheres que pretendem entrar para o congresso e desafiar o sistema estabelecido. Alexandria Ocasio-Cortez é uma delas e resolve mudar a situação política de seu estado ao concorrer para ser congressista do 14° distrito de Nova York. Ela torna-se rival de Joe Crowley, que se mantinha firme há catorze anos no poder como um grande oponente e recebendo milhões de dólares de financiamento para as campanhas.

Ocasio é filha de faxineira, de origens latino-americanas, e tem todas as características opostas de alguém que faz parte do cenário político dos Estados Unidos. Ou seja, é uma minoria. Quando resolve entrar para a carreira política, Alexandria se recusa a receber financiamento de multinacionais e decide aplicar o método do diálogo. Ela passa então a ir às ruas conversar com o povo para expor suas propostas, aparece em todas as reuniões e debates pela cidade, diferentemente de seu oponente, que faz raras aparições à população.



Knock_Down_The_House_00_27_51_15
Foto: Divulgação

Além da congressista nova iorquina, há também histórias de mais três mulheres que resolveram desafiar o sistema e concorrer ao congresso de seus estados. Após os eventos das eleições presidenciais estadunidenses com Donald Trump, houve mudanças drásticas no cenário, e isso foi refletido em 2018, quando 529 mulheres concorreram ao congresso no país. Tais números demonstram o crescimento que a população feminina está tendo para obter visibilidade na política e contrapor o contexto atual, em que há a predominância de homens brancos, héteros e acima de 45 anos.

O documentário Virando a Mesa do Poder mostra a realidade de pessoas que tiveram a iniciativa de mudar a situação na qual estavam inseridas, seja qual for o motivo que fez com que isso acontecesse. A narrativa que retrata as quatro mulheres tentando modificar o que já está estabelecido. É uma mensagem de que mesmo diante de situações injustas elas não aceitaram com normalidade o descaso advindo do governo. Procurando dar representatividade ao politicismo, elas tomaram a frente de sua comunidade através de uma ideologia partidária, buscando ter maior inclusão e mudanças verdadeiras e significativas, sem a necessidade de receber três milhões de dólares para isso. Essa subversão do poder retratada no longa dá esperança para as pessoas que ainda acreditam que política é algo que pode ser feito da maneira certa e que todos têm a vez de fazer algo e ser ouvidos.  

 

Assista ao trailer e veja o documentário o quanto antes!

 

*Isabelle Vasconcelos/Estagiária sob supervisão

Foto destaque: Divulgação

 

Leia também: Crítica: Vingadores Ultimato traz um desfecho mediano para a obra final

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Palhaço Wolverine faz alegria em apresentação no Parque da Lagoa

Personagem do cinema se mistura com a magia do circo no Parque da Lagoa Solon de Lucena, no Centro da Capital, neste domingo (12). A partir das 16h, na Praça Pedro do Reino, o palhaço Wolverine traz alegria e diversão para o público. O espetáculo faz parte da programação do AnimaCentro e é gratuito. A iniciativa é da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope).

A narrativa conta a história do palhaço Wolverine, que tinha um grande sonho de ter seu próprio circo e, na apresentação, o público vai conhecer como esse sonho se tornou realidade. Além de disso, entram na programação do espetáculo diversos números circenses.

“Vamos fazer uma apresentação bastante alegre e com muita interação. O Wolverine vai estar bem próximo do público, tirando fotos com a criançada e levando muita diversão”, disse Renata Paiva, diretora do circo. Além do palhaço Wolverine, outros artistas participam do espetáculo, encenando vários números.



Serviço:

Apresentação do palhaço Wolverine  

Local: Parque da Lagoa Solon de Lucena

Dia: Domingo (12)

Hora: A partir das 16h

Classificação indicativa: Livre

Evento gratuito

 

*Rômulo Teodorico/Secom-JP

Foto destaque: Rafael Passos

 

Leia também: Bandas Tosi e Sertão Sangrento se apresentam na Casa da Pólvora

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Espetáculo ‘Picadeiro Imaginário’ se apresenta na Praça da Independência

Quando se fala em circo gratuito, a Praça da Independência é o local certo. É que todos os fins de semana, o local se torna espaço para a imaginação através de números circenses. Neste domingo (12) não será diferente. O grupo Engenheiro Imaginário traz o espetáculo “Picadeiro Imaginário”, a partir das 16h. A iniciativa é da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope).

Com texto e direção de Valeska Picado, a programação faz parte das atividades do projeto AnimaCentro, que tem entrada gratuita e é aberto para todos os públicos. “É importante a existência de um projeto como o AnimaCentro. Com ele, os artistas têm um espaço para fazer circular seus espetáculos, bem como possibilita ao público o acesso gratuito a uma programação contínua”, destacou o ator Itamira Barbosa.

circo
Foto: Bruno Oliveira

A peça conta a história de Luzia, uma menina travessa que ao encontrar com o consertador de travessuras é levada para um mundo encantado do circo. Neste mundo, Luzia encontra personagens e vive situações lúdicas do universo infantil. O repertório musical é do compositor e maestro Carlos Anísio e é executado ao vivo.

O espetáculo conta com a participação de atores circenses que realizam números como: perna-de-pau, tecido aéreo, lira e swing poi. Entram em cena os artistas David Muniz, Itamira Barbosa, Nina Elssia, Naná Vianna, Carlos Anísio e Ysa Luna.



Sobre o grupo – ‘Engenho Imaginário’ é um grupo de pesquisa e produção artística que esteve ligado, há mais de dez anos, à Escola Fazendo Arte. Os integrantes são artistas e educadores que participam ativamente da história cultural da cidade de João Pessoa, em trabalhos solos ou com a participação em outros grupos.

 

Serviço –

Apresentação do espetáculo “Picadeiro Imaginário”

Local: Praça da Independência  

Dia: domingo (12)

Hora: a partir das 16h

Classificação indicativa: Livre

Evento gratuito

 

*Rômulo Teodorico/Secom-JP

Foto destaque: Divulgação

 

Leia mais: Celeiro Espaço Criativo terá cursos gratuitos de pintura, violão e mais

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Estação Cabo Branco oferece observação planetária neste domingo

O visitante terá a oportunidade de observar os astros e estrelas de nosso universo neste domingo (12), a partir das 18h, pelas lentes e telescópios do Laboratório de Astronomia da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, Altiplano. A entrada é gratuita para o público de todas as idades e a observação acontecerá no jardim da casa. A visitação está sujeita às condições climáticas do dia.

De acordo com o professor de Astronomia, Marcos Jerônimo, a Lua Crescente, em especial, estará visível no céu da cidade de João Pessoa. O professor lembra apenas que observação da Lua Crescente só será possível se o céu oferecer boas condições de visibilidade, ou seja, sem nuvens e chuvas. Através das lentes e telescópios do Laboratório de Astronomia da Estação Cabo Branco, o visitante tem a oportunidade de observar os astros e estrelas de nosso Sistema Solar.



Serviço:

Observação Planetária

Lua Crescente, planetário e robótica

Domingo (12)

Horário de funcionamento: Sábado e domingo – 10h às 19h

Local: Jardim da Estação

 

*Luiz Carlos Lima/Secom-JP

Foto destaque: Divulgação

 

Leia mais: Bandas Tosi e Sertão Sangrento se apresentam na Casa da Pólvora

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Bandas Tosi e Sertão Sangrento se apresentam na Casa da Pólvora

O rock volta a tomar conta do Centro Cultural Casa da Pólvora, neste domingo (12), com o show das bandas Sertão Sangrento e Tosi, a partir das 16h30, em mais uma edição do Pólvora Cultural, realizado pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) por meio de sua Fundação Cultural (Funjope). A apresentação faz parte do AnimaCentro.

A primeira banda a se apresentar será a Tosi, formada atualmente por Helton Pereira (vocal), Marcos Kovot (baixo), Rafael Lima (bateria) e Felipe Eduardo (guitarra). O grupo vai mostrar seu hardcore simples e cru, com influências do crossover, thrash e punk dos anos 1980/1990 e letras que falam de racismo, repressão, doutrinação religiosa entre outros temas.

A banda formada em 2011 já fez vários shows em cidades da Paraíba, Pernambuco e Ceará. Lançou o EP “Todos Obrigados no Sistema Imundo” (2012), participou da coletânea Underground Kids e lançou um Split com a banda de metal punk Brain Explode. O grupo trabalha na produção do segundo EP.



Depois o palco do Pólvora Cultural será da banda Sertão Sangrento, surgida em 2004 no Rio Grande do Norte. Formado por Popeye (vocal), Ely Sangrento (guitarra), Márcio Death Sangrento (baixo) e Markim Sangrento (bateria), o grupo de Horror Punk/HC vai tocar o punk rock cru de poucos acordes, com músicas rápidas e diretas.

O Sertão Sangrento tem como temática filmes e contos de terror, casos de serial killers, assombrações, possessões, morte, miséria e destruição, mas sem deixar de lado a diversão e a divulgação da cultura underground. Nesses 15 anos de estrada, a banda já se apresentou em várias cidades do Nordeste.

 

Serviço

Pólvora Cultural

Atração: Bandas Tosi e Sertão Sangrento

Local: Centro Cultural Casa da Pólvora (Ladeira de São Francisco, s/n – Centro)

Dia: Domingo (12)

Hora: 16h30

Classificação: 16 anos

Evento gratuito

 

*Juneldo Moraes-Secom-JP

Foto destaque: Divulgação

 

Leia mais: Samba de Dia das Mães acontece neste sábado no Espaço Mundo

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3