Saúde Mental: “Quando a boca fala, os órgãos saram”

O Brasil vem liderando um ranking nem um pouco louvável, sendo o país cuja população mais sofre com ansiedade no mundo. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 18,6 milhões de brasileiros sofrem com o transtorno, representando 9,3% da população. Em celebração ao Dia Mundial da Saúde Mental, que ocorre em 10 de outubro, a mentora para mulheres Ivana Cabral e a massoterapeuta Suane Fonseca ensinam técnicas de reprogramação mental e terapias que podem auxiliar no controle dos sintomas de ansiedade.



Em seu Instagram, @ivanacabral_oficial, é possível acompanhar mantras diários, técnicas para elevar a frequência vibracional e rotinas de autocuidado que ajudam no enfrentamento dos sintomas ligados ao transtorno: “Normalmente, o sofrimento vem quando não somos capazes de mudar nossas ações, quando ficamos presos e estagnados no mesmo padrão. Libertar-se dá não só alívio, mas a garantia do domínio da própria vida e de seus sentimentos mais íntimos”, conta.



Ainda que não substitua o tratamento médico, as técnicas de Ivana podem ser utilizadas como um método complementar, auxiliando pessoas que sofrem com os sintomas de ansiedade, depressão, entre outros transtornos. A coach, que tem formação em hipnose clínica, desmistifica em seu site como o processo de reprogramação mental e hipnose atuam na busca por uma melhor qualidade de vida do paciente: ”A Reprogramação Mental é indicada para aquelas pessoas que estão sendo dominadas pelos pensamentos negativos, perdidas sem saber qual caminho seguir, sem foco, sem amor próprio, desmotivadas… Durante o processo de cura, o paciente se liberta de padrões de autodestruição”, explica.



Segundo Ivana, durante o processo de hipnose o paciente encontra-se em estado alterado de consciência: “A pessoa não está dormindo. Muito pelo contrário: o cérebro trabalha intensamente e há uma ampliação da memória”, revela e aproveita para esclarecer sobre a segurança do procedimento: “Existe um medo injustificado de que o paciente pode ficar preso no transe. O transe, na verdade, é apenas um estado em que o paciente tem uma elevação de consciência e passa a ignorar determinados estímulos externos. Com isso, não existe um risco associado ao paciente não conseguir sair desse estado”, relata Ivana, que aplica técnicas de programação neurolinguística, constelação familiar, física quântica, entre outros.



Ivana disponibiliza meditações em seu canal no YouTube. Você pode ainda conhecer mais sobre as técnicas utilizadas nas sessões através do site.

Para quem procura relaxar o estresse do dia a dia, existem terapias que, combinadas com o acompanhamento médico, aliviam os sintomas de estresse e ansiedade. A massoterapeuta Suane Fonseca trabalha há oito anos aplicando as sessões de massagem relaxante: “O objetivo é trabalhar sobre os pontos de pressão de cada cliente para aliviar o estresse e trazer sensação de relaxamento”, explica.



Além de aplicar o Tok Sen, Suane também é professora da técnica terapêutica. Popular na Tailândia, consiste na aplicação de pressão entre um pino e um martelo contra o corpo, liberando energia nos pontos de pressão. “Como a técnica atua na linha energética de todo corpo, cada organismo reage de uma forma. Mas o comentário unânime entre os clientes é a sensação de alívio e relaxamento”, comenta Suane, garantindo que é perceptível a mudança de humor dos clientes após o fim de cada sessão.



As sessões de mini SPA tem duração de cerca de uma hora e contemplam as técnicas Tok Sen, reflexologia e massagem relaxante. Associadas, as terapias tem o objetivo de relaxar os plexos nervosos, potencializando a sensação de bem estar. Suane disponibiliza informações sobre saúde e bem estar em seu perfil no Instagram, @suane_fonseca. Os atendimentos ocorrem somente com hora marcada através do número (21) 96928-1503.



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

%d blogueiros gostam disto: