Saiba o que rola na sua cidade!

Ian Abé e Mariah Benaglia debatem produção audiovisual no Hotel Globo

hotel globo

Mais uma rodada de conversa sobre a produção audiovisual da capital acontece neste sábado (25), às 15h30, no Hotel Globo, desta vez com o diretor Ian Abé e a produtora criativa Mariah Benaglia. O bate-papo é parte do projeto “Encontros com o Cinema Paraibano”, realizado pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) por meio de sua Fundação Cultural (Funjope). O evento é gratuito e integra a programação do AnimaCentro.

O projeto “Encontros com o Cinema Paraibano” reúne os realizadores selecionados na última edição do Edital Walfredo Rodriguez de fomento ao audiovisual pessoense para falar sobre a produção cinematográfica, seus projetos e processos criativos, abrindo espaço para o diálogo entre os realizadores do município de João Pessoa com a sua população.

Os “Encontros com o Cinema Paraibano” acontecem sempre nas tardes de sábado, no Hotel Globo, e têm atraído um bom público. Segundo o chefe da Divisão de Audiovisual da Funjope, Paulo Roberto, muita gente tem comparecido aos eventos para dialogar com os realizadores sobre a produção audiovisual local.

“Além de promover esse diálogo com os selecionados no edital Walfredo Rodriguez, um dos nossos objetivos era trazer pessoas que não necessariamente são do movimento audiovisual para trocar ideias sobre nossa produção e é muito bom ver que o público tem correspondido às nossas expectativas”, disse Paulo Roberto.



Os convidados – Ian Abé é formado em Arte e Mídia pela Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), com especialização na área de Cinema e Vídeo. Desenvolveu o curta-metragem de ficção “Cova Aberta” como projeto final do curso. Foi membro dos cineclubes Machado Bittencourt e Mário Peixoto. Trabalhou como editor de Imagens e articulista do Jornal A Margem, da UEPB. É sócio fundador da empresa Vermelho Profundo. Foi selecionado no edital Walfredo Rodriguez com o longa-metragem “O braço”.

Mariah Benaglia é formada em Comunicação Social, com habilitação em Relações Públicas, pela Universidade Federal Paraíba (UFPB). Trabalha nas áreas de produção e gestão de projetos culturais desde 2006. Participou como produtora, diretora e atriz em dezenas de produções audiovisuais paraibanas. Integra a equipe de produção e curadoria do Tintin Cineclube e a Associação Brasileira de Documentaristas – Secção Paraíba (ABD-PB).

 

O projeto – O AnimaCentro tem como objetivo ocupar os espaços históricos revitalizados pela atual gestão com uma programação cultural diversificada no Parque da Lagoa, Praça da Independência, Hotel Globo, Praça Rio Branco, Pavilhão do Chá, Centro Cultural Casa da Pólvora, Villa Sanhauá, Galeria Casarão 34 e Praça Antenor Navarro.

Juneldo Moraes/Secom-JP

Foto: divulgação

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3