O Abrigo de Kulê: uma busca incondicional pela liberdade

O trabalho escravo nas fazendas brasileiras na década de 40 é o tema central do lançamento O Abrigo de Kulê. A obra, da jornalista e escritora Juliana Valentim, narra a história de Gabriel, um caixeiro viajante contador de histórias, e Maria, uma jovem que ama os livros e sonha em conhecer o mundo. Juntos, eles traçam um caminho em busca da liberdade.



O livro coloca em discussão assuntos que atravessam décadas e permanecem vivos até os dias atuais. Fala de amor, coragem e sororidade, a solidariedade feminina que nasce em tempos desafiadores. A narrativa é construída de forma leve e cheia de fantasia, fazendo o leitor passear por paisagens e costumes do interior do Brasil.

Assim como os protagonistas da obra, no alto dos seus 20 anos, o enredo se revela ao público jovem com uma sucessão de acontecimentos marcantes que transitam pela paixão, decepção, saudade, liberdade, encanto e desencanto.



A capa é um trabalho da desenhista Elaine Lyra, com ilustração digital da Flávia Hashimoto. “Imaginei uma capa que abordasse essa busca pela liberdade de forma lúdica. Por isso, trouxemos o desenho da jovem aprisionada, mas com lindas asas coloridas. É uma imagem que diz muito”, afirma a autora.

Juliana Valentim é jornalista de formação e possui um sólido trabalho nas redes sociais. Em seu perfil literário “Palavras que Dançam”, escreve diariamente textos curtos e fragmentos poéticos. Autora de dois livros anteriores, de crônicas e poesias, ela agora se aventura nas páginas do seu primeiro romance.

“Gerenciar um perfil literário na internet me fez conhecer melhor o meu o leitor. O que eu mais gosto de fazer na vida é escrever um texto e ver como ele chega nas pessoas. Sou eu em cada palavra, viajando por casas e corações que jamais conheceria, não fosse pela poesia”, diz a escritora.



Despediram-se, então, com uma inquietação na alma. Sentiam vontade de viver demasiadamente, até o talo da vida.
As peles queimavam feito uma febre faminta de tudo. Sentiam vontade de engolir o mundo. (O Abrigo de Kulê, p. 20)

Na escrita fluida, Juliana Valentim convida a todos a embarcarem nessa narrativa que enaltece a juventude e mostra que a liberdade é um direito pelo qual se deve lutar, sempre!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Literatura: Uma chance de respirar

Em 60 segundos, tudo pode mudar. Nesse curto espaço, por vezes, está uma das primeiras vitórias que os nascituros terão. O que exatamente acontece em um minuto? A diferença entre o choro e o silêncio é o que um grande profissional, o médico, fará para dizer sim à vida.



A região Nordeste do Brasil é a que mais concentra número de recém-nascidos que morrem com menos de uma semana de vida, e o Piauí é um dos estados com maior número de mortalidade neonatal. Para evitar mais mortes, em julho de 2018 foi iniciado na cidade de Floriano, a 240 quilômetros da capital, um treinamento do Programa de Reanimação Neonatal da Sociedade Brasileira de Pediatria, encabeçado pelo médico pediatra Renato Lima. O programa foi umas das estratégias utilizadas em uma tese de doutorado pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), que se estendeu ainda por outras cidades no sul do estado: Corrente, Bom Jesus, Uruçuí e São Raimundo Nonato, e entre profissionais que atuam no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

O livro “Uma chance de respirar”, de Renato Lima, lançado pela Literare Books International é resultado desse programa de reanimação neonatal no sertão do Piauí. O projeto deu tanto certo que recentemente a Organização Panamericana de Saúde (OPAS Brasil)/OMS está implantando-o em regiões críticas no Brasil sob supervisão do próprio médico.



Das mãos de Renato Lima, os pequenos receberam os primeiros cuidados para que possam ter uma chance, apenas para respirar. Com muito carinho e sentimento, o autor dessa obra mostra como foi sua atuação em um estudo de intervenção em que, por meio da metodologia do Programa de Reanimação Neonatal da Sociedade Brasileira de Pediatria, transformou uma realidade ao levar conhecimentos aos profissionais de saúde e reduzir mortes em locais de nascimento do sertão do Piauí.

Dados do IBGE apontam que a mortalidade neonatal precoce representa cerca de 70% da mortalidade infantil no Brasil, sendo que a região Nordeste lidera os números. De acordo com dados recentes do Ministério da Saúde, o Piauí é o 2º estado do País com a maior taxa de mortalidade neonatal precoce.



Os relatos do autor no livro são cheios de humanidade, de alguém que trabalha em prol do próximo e tem muito a ensinar aos leitores, independentemente da área de atuação. As lições descritas em cada página mexem com as emoções e mostram como é possível, sim, vencer qualquer batalha, desde que haja empenho e se faça o máximo para que, até mesmo nos momentos difíceis do pós-parto, este seja transformado em um evento único, de muita felicidade e celebração.

Sobre o autor: Renato Lima – Médico pediatra com área de atuação em Neonatologia pela Sociedade Brasileira de Pediatra (SBP) e Terapia Intensiva Pediátrica pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira (AMIB). Doutor em Ciências, na área de Saúde da Criança e do Adolescente pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Mestre em Ciências da Saúde pela Universidade Santo Amaro (UNISA), Professor Titular de Pediatria da Faculdade de Medicina do Centro Universitário São Camilo (CUSC), Membro do grupo executivo de Reanimação Neonatal da Sociedade de Pediatria de São Paulo (SPSP), Instrutor do Programa de Reanimação Neonatal da Sociedade Brasileira de Pediatria. Prestador de serviços na área de Neonatologia para a Organização Panamericana de Saúde (OPAS Brasil) e Assessor do Projeto QualiNeo do Ministério da Saúde. Instagram: @renato.ped



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Livro: Uma nova maneira de pensar a vida

Repensar a vida em todas as suas formas. Em um mundo onde estamos passando por transformações em todos os sentidos e adversidades, principalmente após o surgimento da pandemia de COVID-19, se não trabalharmos nossa autoestima, equilíbrio emocional e perseverança, é possível que em algum momento iremos “travar” e não conseguiremos viver a vida da forma como sonhamos e imaginamos.



Com foco no desenvolvimento pessoal, o escritor e consultor empresarial Eugênio Sales Queiroz escreveu “Uma nova maneira de pensar a vida”, uma obra lançada pela Literare Books International recheada de dicas, reflexões e inspirações para que você possa começar as mudanças que estava adiando.



O intuito é levar o leitor a se questionar com perguntas imprescindíveis para saber como está sua vida nesse momento e como planeja os próximos anos de sua jornada nesse mundo. Quem ler o livro poderá fazer uma análise profunda e completa da sua existência, das suas atitudes e das suas possíveis omissões. Saberá se está indo no caminho certo ou se precisa fazer mudanças importantes, abolindo alguns hábitos negativos e adquirindo novas atitudes e pensamentos para uma vida mais saudável mental, intelectual, espiritual e financeiramente.

É um livro para ler e reler, pois os conceitos contidos nele são alavancas para a motivação.

Mergulhe nessa leitura e extraia o melhor para a sua existência!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

5 e-books para quem deseja fazer as pazes com o dinheiro em 2021

O ano de 2020 está sendo considerado desafiador em todos os aspectos, por isso uma das mudanças que muitos almejam para o novo ano que está chegando é a de fazer as pazes com os boletos e ter um novo olhar para o dinheiro.

O Skeelo, maior app de e-books do país, elenca 5 dicas de livros para quem quer aprender mais sobre educação financeira e ter um futuro promissor:



A chave para a prosperidade, de Napoleon Hill
O último best-seller do autor, lançado este ano, mostra como aproveitar suas habilidades e aptidões para alcançar sucesso nos negócios, vitalidade espiritual e superioridade financeira.



Inabalável, de Tony Robbins
Considerado um verdadeiro guru, Tony Robbins já treinou milhares de pessoas em mais de cem países e é o grande nome quando se pensa em qualidade de vida e estratégias de negócios. O livro é um guia prático de finanças pessoais, que mostra que não importa o seu salário, nem seu momento na vida ou quando começou a organizar seu patrimônio. Ele compartilha ferramentas que ajudam o leitor a alcançar suas metas financeiras com mais rapidez, com linguagem simples e com histórias inspiradoras.



Desperte o milionário que há em você, de Carlos Wizard Martins
No livro, o empresário aborda que ser rico e ter tudo o que se deseja não é questão de sorte ou acaso. Tudo começa com uma mudança de postura mental, que vai determinar uma nova maneira de pensar, acreditar e agir.



Descubra o craque que há em você, de César Souza e Maurício Barros
Os autores utilizam as estratégias do mundo do esporte que podem levar você ao topo, tanto na profissão quanto na vida, com exemplos inspiradores de nomes como Ayrton Senna e Pelé.



Ponto de Inflexão, de Flávio Augusto da Silva
O best-seller do empresário fundador do Instituto Geração de Valor aborda como as decisões, mesmo que corriqueiras, podem mudar o rumo de tudo.

O Skeelo está disponível para as plataformas Android e iOS, nas lojas Google Play e App Store. Para mais informações acesse www.skeelo.app



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Jandira Pilar: A arte de ler e escrever bem

Você sabia que seja por prazer, para estudar ou para se informar, a prática da leitura aprimora o vocabulário e dinamiza o raciocínio e a interpretação? A leitura é considerada um ato de grande importância para a aprendizagem do ser humano e, além de favorecer o aprendizado de conteúdos específicos, ela aprimora a escrita. E o contato com os livros ajuda ainda a formular e organizar uma linha de pensamento.



Dessa forma, a Literare Books International lança a obra “Ler e escrever bem – um aprendizado importante para vencer no Enem e na vida”, de Jandira Pilar. Um livro, antes de tudo, didático para todos aqueles que se propõem a melhorar suas habilidades de escrita.

Seja para participar do ENEM, de vestibular, concurso ou apenas aprimorar a maneira como escreve, a obra oferece os elementos necessários para que seu texto tenha coerência, coesão e ainda encante quem for avaliá-lo ou lê-lo.



A autora Jandira Pilar coloca anos de experiência como educadora à disposição do leitor em uma obra bem estruturada. Ela começa pelo básico, oferece as ferramentas necessárias para a escrita e, ao longo das páginas, avança em profundidade.

Dentre os assuntos abordados estão: os três pilares que sustentam o texto, o uso do repertório sociocultural na redação, estratégias de progressão temática com exercícios e temas para treinar a redação.



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Livro: Mergulhando de Mochila

Quem viaja sai da rotina e se permite viver outras realidades, de se encantar com vistas paradisíacas e de ter contato com as mais diversas culturas e expressões humanas. E nada melhor do que descobrindo esse novo mundo pelo olhar de quem já passou por diversas experiências ao percorrer mais de 130 cidades por 40 países pelo mundo.

 

<script async src=”//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js”></script>

<!– São João –>

<ins class=”adsbygoogle” style=”display: block;” data-ad-client=”ca-pub-5982467409043115″ data-ad-slot=”6320368186″ data-ad-format=”auto”></ins>

<script>

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

</script>

 

“Mergulhando de Mochila”, de Paulo Milton, tem o prefácio escrito por Vilfredo Schurmann, o capitão da família que se aventura pelo mundo há mais de 36 anos. O livro é uma narrativa de viagem com uma linguagem leve, dinâmica, permeada por aventuras e desafios, em que o autor sugere uma reflexão voltada ao autodesenvolvimento.

 

Não se trata de um guia de viagem nem meras histórias de um viajante sem rumo. A obra contém relato dos lugares pelos quais o autor percorreu, as pessoas com as quais conviveu, os aprendizados conquistados ao longo de cada trajetória. A proposta é despertar no leitor uma realidade que muitas vezes passa despercebida no simples ato de escolha de um roteiro turístico.

 

“É viajando que se rompe a barreira da ignorância, que se abre o horizonte do conhecimento. Há um poder nas viagens que é transformador. Mas é preciso estar disposto para isso. Não basta apenas viajar por viajar, sair no piloto automático. É preciso ousar, se entregar de corpo e alma para perceber que o momento a ser vivido poderá ser único”, afirma Paulo Milton em um trecho do seu livro.

 

<script async src=”//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js”></script>

<!– São João –>

<ins class=”adsbygoogle” style=”display: block;” data-ad-client=”ca-pub-5982467409043115″ data-ad-slot=”6320368186″ data-ad-format=”auto”></ins>

<script>

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

</script>

 

Segundo o autor, pelas suas viagens, percebeu que algo diferente acontecia. “Elas me desafiam e isso me faz querer que nunca acabem. Infelizmente, tudo tem um fim. Mas, internamente, habita um forte sentimento que me move, que me faz querer voltar a viver aquilo novamente. Viajar para mim é sinônimo de felicidade”.

 

Lançado pela Literare Books International, “Mergulhando de Mochila” é uma verdadeira bússola para quem pretende fazer ou já faz do hábito de viajar uma motivação para se encher de autoconhecimento, prazer e alegria ao acumular histórias.

 

<script async src=”//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js”></script>

<!– São João –>

<ins class=”adsbygoogle” style=”display: block;” data-ad-client=”ca-pub-5982467409043115″ data-ad-slot=”6320368186″ data-ad-format=”auto”></ins>

<script>

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

</script>

 

<em>Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!</em>

 

Aproveita e segue a gente no nosso<a href=”https://www.instagram.com/rotaprincipal/” target=”_blank” rel=”noopener noreferrer”><strong> <span style=”color: #00ccff;”>Instagram</span> </strong></a>e<a href=”https://www.facebook.com/rotaprincipal/” target=”_blank” rel=”noopener noreferrer”><strong> <span style=”color: #00ccff;”>Facebook</span> </strong></a>para ver o conteúdo que postamos por lá! &lt;3

Silvio Santos é tema de live com o autor do livro “A trajetória do mito”

Em homenagem aos 90 anos de Silvio Santos, comemorados neste sábado, 12 de dezembro, a jornalista Eliana Camejo, CEO e Founder da Camejo Estratégias em Comunicação, entrevistará o autor do best-seller “Silvio Santos: A trajetória do Mito”, Fernando Morgado, em uma live na segunda-feira, 14 de dezembro no Instagram da agência (@camejocom) às 21h. O encontro vai debater a trajetória do comunicador e a criação de uma das maiores emissoras de TV do país, o SBT.



Fernando Morgado é professor universitário e palestrante, consultor de empresas de mídia e comunicação, com atuação na área de inteligência de mercado e planejamento estratégico de rádios do Grupo Globo. Segundo Eliana, a live será uma oportunidade para debater sobre comunicação na atualidade.



“A comunicação passa por um momento crucial, principalmente agora na pandemia. O objetivo da live é falar sobre a trajetória do Silvio Santos pela ótica de um escritor que estuda marketing e estratégia. Vale a pena acompanhar”, salienta Eliana.



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Soft Skills: competências essenciais para os novos tempos

Você sabia que a revolução digital transformou as relações humanas até mesmo profissionalmente? Um estudo recente realizado pela IBM em 50 países, com 5.800 executivos, corrobora com a afirmativa e aponta que, os próximos três anos, mais de 120 milhões de profissionais deverão se recapacitar para trabalhar nesses modernos ambientes digitais. Ao contrário do que pode parecer, o maior desafio está na ausência de habilidades comportamentais por parte dos candidatos.



Mas o que as Soft Skills têm a ver com essa nova realidade? Tudo. Soft Skills é um termo em inglês usado, sobretudo, por profissionais da área de recursos humanos para definir habilidades comportamentais.

A frase de Peter Drucker permanece uma máxima nos dias atuais: “As pessoas são contratadas pelas suas habilidades técnicas, mas são demitidas pelos seus comportamentos”. Sabe-se que nove em cada 10 profissionais, cerca de 90% das pessoas, são contratadas pelo currículo (Hard Skills) e demitidas pelos comportamentos (Soft Skills). A informação é do levantamento de 2018 da Page Personnel, consultoria global de recrutamento. Os dados destacam que não basta profissionais qualificados tecnicamente, com ótimos cursos e atividades complementares para serem selecionados para uma vaga. Relacionamento interpessoal, comunicação, liderança, negociação, empatia etc., são algumas das Soft Skills mais buscadas pelas empresas nos candidatos e que vão muito além dos bancos de faculdade.



Um recente levantamento da Robert Half, empresa de recrutamento que seleciona profissionais especializados para cargos de média e alta gerência. Na opinião de 56% dos executivos brasileiros, as habilidades comportamentais serão cada vez mais demandadas no mundo pós-pandemia. As cinco soft skills mais apontadas por eles são: pensamento estratégico, comunicação, agilidade, inovação e adaptabilidade.

Do mesmo modo que a tecnologia e a inteligência artificial avançam rapidamente, é fato que as Soft Skills dificilmente serão copiadas pelos robôs. É o que revela o livro Soft Skills: competências essenciais para os novos tempos, que será lançado pela Literare Books International em novembro. Lucedile Antunes coordenadora editorial dessa obra de coautoria, conseguiu, de forma brilhante, reunir grandes especialistas que compartilharão seus conhecimentos e valiosas experiências. Os capítulos são apresentados em um estilo que irá prender a atenção do leitor, do prefácio ao epílogo.



Dentre esse grupo seleto de autores, o livro reúne CEO’s, C-levels da área de desenvolvimento humano, terapeutas, coaches e médicos comportamentais. Lucedile Antunes selecionou criteriosamente esse time multidisciplinar para compor essa obra inédita no Brasil, que traz um conteúdo prático de como desenvolver as principais Soft Skills mais buscadas pelos profissionais no mercado dos tempos atuais e como dar os passos para o seu autodesenvolvimento.

Portanto, se você deseja se destacar pessoal e profissionalmente nos dias atuais, esse livro é para você!



Livro inédito no Brasil

Ao final de cada capítulo o leitor encontrará dicas incríveis de como desenvolver cada Soft Skill.

A obra foi estruturada em 33 capítulos, além da introdução e epílogo. Dentro desse livro, o leitor encontrará tudo o que precisa saber para se tornar um ser humano ainda melhor e, acima de tudo, um profissional destacado no mercado. “Ao longo do livro você entenderá quais são as exigências comportamentais que o mundo nos desafia a aprender, passando pela importância das inteligências emocional, espiritual, lúdica e relacional”, informa a coordenadora editorial Lucedile Antunes.

A autoconsciência, a sensibilidade e uma ampla gama de linguagens do corpo e do coração (emoções e comportamentos) não podem ser facilmente reproduzidas pelos robôs. É por isso que as Soft Skills se tornarão cada vez mais os nossos verdadeiros diferenciais. Uma obra imprescindível para os dias atuais.



Empatia, comunicação intrapessoal, coragem, resiliência, inteligência lúdica, emocional, espiritual e relacional, adaptabilidade, lifelong learning (capacidade de aprendizagem ao longo da vida), trabalho em equipe, autoliderança, atitude positiva, criatividade e aprendizado, sensibilidade, resiliência, resolução de problemas, humor, netweaving, autenticidade, altruísmo, escuta ativa, negociação, pensamento empreendedor, experimentação, colaboração, reflexão sobre os seus pontos fortes, o poder do autoconhecimento e da gestão das emoções e ansiedade, estão entre os temas abordados, em uma brilhante síntese do que precisamos saber para nos reinventar em um mundo que não para de se transformar.

Sobre a coordenadora – Lucedile Antunes – CEO da L. Antunes Consultoria & Coaching, empresa fundada com a missão de atuar para organizações e pessoas que buscam encontrar seu propósito e se transformar para melhor. Mãe da Julia e do Raphael, é apaixonada por pessoas. Palestrante, Coach credenciada pelo ICF International Coach Federation e Consultora em gestão organizacional. Pioneira na utilização de ferramentas que mapeiam com precisão a essência do comportamento humano, elevando projetos e pessoas a outros patamares de maturidade. Coautora de diversos livros sobre desenvolvimento humano e organizacional.

A.T. Sergio: Os clássicos para o Halloween

Semana de Halloween e o que você pode fazer? Revisitar os clássicos do horror, claro! Quem não conhece ainda Bram Stocker, Mary Shelley ou Edgar Allan Poe precisa aproveitar a oportunidade. AT Sergio, escritor romancista com predileção pelas histórias de horror e ficção ajuda a escolher os clássicos. E, de quebra, dá sua opinião pessoal sobre alguns dos escritores mais famosos de todos os tempos. Confira:



Abraham “Bram” Stoker – nascido em Dublin, o escritor conhecido como Bram Stocker foi o criador de uma das obras mais famosas de todos os tempos, lançada em 1897. Drácula tornou-se a mais famosa obra sobre vampiros da história da literatura. Antes de escrever seu clássico, o escritor passou anos imerso em pesquisas sobre folclore, mitologia e, por isso, suas histórias são carregadas de detalhes e simbologias. “Nem todo mundo gosta de Bram Stocker, já que sua escrita não é do tipo dinâmica. Mas não podemos negar que ele é essencial para quem ama ou quer conhecer terror. Eu diria que Bram Stocker, especialmente Drácula, é necessário”.

Mary Wollstonecraft Shelley – A escritora londrina é, nada mais nada menos, do que a criadora de outro personagem clássico do terror, Frankenstein. Além de autora, também teve suas incursões pelo teatro, pelas biografias e até mesmo pela literatura de viagens, pasmem. Mas seu romance gótico Frankenstein: ou O Moderno Prometeu, de 1818, é considerada a primeira obra de ficção científica da história e, além disso, ainda ajudou a lançar um novo modelo de história de horror, que mistura o romantismo, também! “Mary é mais dinâmica que Bram, e seu monstro é uma criação essencial na literatura de terror. Eu diria até que a parte de drama da história de Frankeinstein é referência para a literatura de entretenimento até hoje. Um monstro com coração”, lembra AT.



Clive Barker – quem não conhece Hellraiser e Pinhead? Sim, Clive Barker, um artista inglês multifacetado (dramaturgo , romancista , diretor de cinema e artista visual) teve seu primeiro sucesso com a série de contos Os Livros de Sangue, na década de 1980. É do tipo que gosta de fazer tudo, inclusive ilustrar os próprios livros e, talvez esse seja o maior motivo por eles ganharem notoriedade tão visual. Para AT, Clive é o “cara do sangue, da ação, de nos tirar no chão! É um mestre na arte de descrever cenas com vísceras e muita crueldade com os personagens e com o leitor. Fundamental para quem escreve e gosta do gore”.

P. Lovecraft, escritor americano que, segundo muitos autores, revolucionou o gênero de terror, atribuindo-lhe elementos fantásticos típicos dos gêneros de fantasia e ficção científica. “Não sou dos seus maiores fãs, mas não posso negar a importância de suas histórias para o desenvolvimento do terror cósmico, fora da caixa total. Sua escrita não é nada dinâmica, mas precisa estar na lista dos que merecem ser lidos e apreciados”, revela AT Sergio. O próprio Lovecraft chamava seu princípio literário de “Cosmicismo” ou “Horror Cósmico”, pelo qual a vida é incompreensível ao ser humano e o universo é infinitamente hostil aos seus interesses.



Edgar Allan Poe, autor poeta, editor e crítico literário, integrante do movimento romântico – sim! Foi um dos primeiros escritores norte-americanos de contos e é, geralmente, considerado o inventor do gênero ficção policial, também recebendo crédito por sua contribuição ao emergente gênero de ficção científica. Foi um influenciador da literatura ao redor do mundo, e suas obras mais conhecidas são góticas, um gênero que ele seguiu para satisfazer o gosto do público. Para AT Sergio, um mestre: “sua escrita abriu as portas para o policial, o terror, com pitadas de drama na dose certa. Ele escreve com a alma e nos faz mergulhar em suas histórias a ponto de nos fazer sofrer com cada cena, cada sentimento dos personagens”.

F. Lucchetti, conhecido como o “Papa da Pulp fiction” no Brasil, é paulistano de Santa Rita do Passa Quatro, e trabalhou como ficcionista, desenhista, articulista e roteirista de filmes, histórias em quadrinhos e fotonovelas. São 1547 títulos publicados, 300 quadrinhos assinados, mais de 25 roteiros de filmes, três programas de televisão, centenas de artigos divulgados em revistas e jornais, e produções para rádio. “Lucchetti é um mestre do pulp nacional, com seus personagens cheios de sensações e descrições perfeitas de cenas de ação e suspense. Ele sabe envolver, mesmo usando às vezes uma linguagem mais afastada do que hoje usamos como usual. Não há literatura pulp/terror/horror no Brasil se não citarmos ou considerarmos o mestre Lucchetti”, finaliza AT.



Quem é AT Sergio

A.T. Sergio é um escritor pernambucano, romancista, organizador e participante de antologias nos gêneros terror, suspense, mistério e policial, publicado por diversas editoras nacionais e através da plataforma independente da Amazon. Autor Hardcover, plataforma de aperfeiçoamento da escrita desenvolvida pela Vivendo de Inventar, depois de publicar contos em mais de 25 antologias, estreia em romances com essa publicação, “Eles”, após ter sido finalista no prêmio SweekStars, edição 2018. Redator da revista eletrônica “A Arte do Terror”, é também colunista do portal literário “Literanima”, onde publica textos periódicos sobre criatividade e forma de escrita.



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Wanicleide Leite: Como falar de sexo pode ajudar na sua carreira?

Sucesso na carreira, nas finanças e no sexo. Alcançar a tão sonhada plenitude. Parece missão impossível? A médica e sexóloga Wanicleide Leite garante que não. Não há como negar que a proposta é instigante, ainda mais nos dias de hoje, já que as mulheres acumulam inúmeras funções e assumem cada vez mais papéis na sociedade. Com isso, sobra pouco tempo para pensar até na própria feminilidade. Mas, independentemente da rotina de cada uma, ao conhecer o Ser Plena sua vida nunca mais será a mesma.



Já pararam para pensar sobre a multiplicidade de papéis que a mulher tem que dar conta diariamente? Desde ser mãe, esposa, profissional, empreendedora, empresária… Sabia que essa sobrecarga pode afetar diretamente o bem-estar emocional e a autoestima da mulher?

Sabia que falar abertamente sobre sexo é o primeiro passo para combater uma série de doenças físicas e emocionais, assim como afeta a carreira profissional? Sabia que livrar-se de mitos e preconceitos ligados à sexualidade faz bem para o corpo e a mente?



Pensando nisso, a obra Ser Plena foi escrita com a proposta de trazer uma reflexão e entendimento sobre a vida atual, para que a mulher olhe para si e busque a mudança.

Em seu primeiro livro, Wanicleide Leite faz uma análise dos seus 27 anos como médica ginecologista e obstetra, conta suas experiências como sexóloga e terapeuta de casais, e de todas as vezes que sentiu a necessidade de se reinventar.



O livro não traz uma fórmula mágica, mas sim diversas reflexões: “Aos 40 anos, a maioria das mulheres estão estáveis na carreira, mas infelizmente continuam a ter o que eu chamo de crença da escassez. Elas não se acham merecedoras de serem felizes no sexo, nos relacionamentos. Pensam que se estão felizes na profissão, não podem ser plenas em outras áreas. Meu livro vem para quebrar esse pensamento, pois eu mostro, trazendo como exemplo a minha própria história de vida e a minha vasta experiência com as mulheres, que é possível, sim, administrar tudo e ser uma mulher plena”, explica.



As leitoras aprenderão como quebrar o tabu em diversos sentidos, como:

Se tornar poderosa no gerenciamento da vida;
Se sentir livre das barreiras que lhe limitam para o sucesso;
Ser elegante e resiliente em todas as situações;
Vivenciar a autoconfiança dos nobres;
Ser amorosa consigo mesma e com o mundo;
Ser plena em todas as áreas da vida.
Em consequência da baixa qualidade de vida, a sexualidade também pode ser afetada. “Pois, para a mulher estar plena na sua sexualidade é necessário que exista um equilíbrio das preocupações. Hoje a grande causa da baixa de libido e baixa frequência na atividade sexual para as mulheres é decorrente do estresse e cansaço excessivo provocado pelo excesso de horas trabalhadas. Preocupações com dívidas e estresse de trabalho não combinam com desejo sexual, especialmente para a mulher. Costumo dizer que o homem faz sexo para relaxar e a mulher precisa estar relaxada para fazer sexo”, diz trecho do livro.

Como médica ginecologista e terapeuta de casais e da sexualidade, Wanicleide tem sentido na pele as angústias e os sofrimentos das mulheres, não apenas na esfera física/ginecológica, mas principalmente na emocional. O projeto Ser Plena nasceu da necessidade de trazer para as mulheres um alerta para que elas pudessem ter a oportunidade e a escolha de sair da zona de conforto e tomar uma atitude perante sua vida.

O livro é um despertar para uma nova atitude, de forma que a mulher irá ressignificar a sua história de vida e aprender a contar uma nova história de sucesso para a sua carreira, finanças e sexo!



Sobre a escritora

Wanicleide Leite, nascida na cidade de Fagundes (PB), é filha de uma família de 15 irmãos, sendo a 11ª da casa. É casada e tem três filhos. É médica ginecologista e obstetra formada há quase 30 anos e terapeuta de casais e da sexualidade há dez anos. Sempre priorizando o seu autoconhecimento, investe constantemente em cursos e treinamentos para o seu desenvolvimento pessoal e profissional. Nos últimos anos tem se dedicado à missão de palestrante e há seis anos participa do quadro semanal “Papo Íntimo”, da TV Cabo Branco, filiada à Rede Globo, com assuntos voltados para a saúde e bem-estar da mulher.

Mais informações sobre o livro:

Ser Plena
Autora: Wanicleide Leite
Editora: Literare Books International – Edição: 1
Idioma: Português
Versão física 
Versão digital

 

Por Débora Luz / Imagem de Gerd Altmann por Pixabay

 



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3