Saiba onde encontrar restaurantes veganos em João Pessoa

O veganismo é um estilo de vida que só cresce no Brasil, e claro que isso também se reflete no mercado! Muitos restaurantes com o menu totalmente vegano estão sendo abertos nas grandes cidades e aqui em João Pessoa não é diferente! A variedade de opções veganas na gastronomia é cada vez maior por aqui. 

Sabemos que nem todo mundo gosta de cozinhar e se arriscar na cozinha. Por isso, muita gente acaba não saindo da zona de conforto e não provando pratos veganos. Outro agravante é que antigamente quando se falava sobre comida vegana e até mesmo vegetariana, muitas pessoas torciam o nariz por achar que era só salada ou uma comida sem sabor. Mas isso está longe da realidade! Os pratos veganos conseguem ser bastante saborosos, e há muitas releituras de comidas que normalmente teriam o uso de carne ou de algum derivado animal, mas que a substituição faz com que fique igualmente saboroso e até melhor.

Muitos estudos apontam que a agropecuária é um dos principais responsáveis pelo lançamento de CO2 no planeta. O veganismo busca não somente respeitar os animais que sofrem com os abusos das indústrias, mas também ser uma das opções mais saudáveis e que acaba contribuindo para o ser humano e o meio ambiente. Então se você ficou com vontade de pelo menos experimentar algum prato vegano, fica ligado neste post porque resolvemos listar restaurantes veganos em João Pessoa para você conhecer e virar um cliente assíduo!



 

CASA DE NARA

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Laís mandou avisar que já estamos abertos esperando vocês com muitas delícias! 😍 #comidaboavegana #casadenara

Uma publicação compartilhada por Casa de Nara (@casadenara) em

A Casa de Nara é um restaurante 100% vegano! Todo o menu da casa é pensado para que os ingredientes como carne, ovos e leite não sejam inseridos. Os destaques vão para as pizzas veganas, a de marguerita e a de abobrinha, a torta de banana, cacau e nozes, o pãozinho com requeijão de castanha, Tartelete com geléia de morango com chocolate, bolo de cacau com ganache, a Focaccia que vem acompanhada com molho pesto de manjericão, além dos refrigerantes naturais que são feitos e adoçados com o suco da fruta e as sodas artesanais. Ou seja, tem muitas opções saudáveis, super saborosas e com preços acessíveis. A Casa de Nara também é Pet Friendly, então toda vez que você estiver com vontade de comer por lá pode levar seu bichinho sem problema. O espaço fica localizado na Avenida João Maurício, na orla de Manaíra, e fica aberto de Quarta, quinta e domingo, das 16h às 21h, e sexta e sábado das 16h às 22h. Vocês poderão entrar em contato com eles através do número (83) 3508-2256.

 

PAPOULA CULINÁRIA SAUDÁVEL

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Quinta tem pirão de maxixe e mais um monte de delícias! #ComidaVegana #JoãoPessoa

Uma publicação compartilhada por Papoula Culinária Saudável 💚 (@papoulaveg) em

Aberto de terça a domingo, das 11:30h às 14h, o restaurante Papoula fica localizado na Rua João de Pessoa, no Miramar, e você pode entrar em contato através do número (83) 9.8853-6800. Com a ideia de mais nutrientes e menos aditivos, o Papoula busca sempre colocar na mesa do cliente os melhores e mais saudáveis alimentos possíveis, e que principalmente sejam provenientes da agricultura familiar. Ah, eles também não fazem o uso de temperos prontos, sempre pensando em oferecer pratos com os vegetais sendo protagonistas. No menu da casa temos o amassado de grão de bico, quibe assado com berinjela, torta de milho, quiabo ao alho e óleo, estrogonofe de berinjela e grão de bico com creme de castanha de caju, legumes assados com creme de castanha. Esses são alguns dos exemplos dos ingredientes que são servidos nos pratos do dia da casa. Com um clima bem natureza e intimista, o restaurante é ótimo para quem procura uma alimentação balanceada e com um ambiente de boa harmonia. Fiquem de olho que eles estão sempre atualizando as redes sociais, colocando qual o destaque do prato do dia, os eventos que irão acontecer por lá e também mostram o que eles tem de novidade na lojinha!    

 

FLAMBOYANT

flamboyant
Foto: Divulgação

Outro restaurante com opções veganas em João Pessoa é o Flamboyant, que fica localizado na avenida Umbuzeiro, em Manaíra. Ele fica aberto de quarta a segunda, nos horários de 11:30h até às 15h. Com ótimas recomendações, o restaurante tem um cardápio que abrange comidas veganas, vegetarianas e incluem carne branca. Essa opção dá certo para quem for levar alguém que queira experimentar comidas veganas e também para quem não está a fim. O almoço acaba sendo democrático para todos e saudável. O Flamboyant é uma casa com espaço verde arejado, que condiz com o menu da casa. Eles ainda têm disponíveis sucos verdes, Isotônicos e outras variedades de sucos da fruta.

 

OCA RESTAURANTE NATURAL   

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Bom dia com esse prato lindo e colorido! Depois de tanta comilança nesse feriado Pascal que tal desintoxicar comendo comidinhas mais leves e saudáveis? #saude #ocarestaurantenatural #desintoxicar #detox #feriado #pascoa2019 #borabora

Uma publicação compartilhada por OCA Restaurante Natural (@ocarestaurantenatural) em

O Oca é um lugar muito aconchegante que fica localizado no Centro da cidade, mais precisamente na Rua Almirante Barroso. O horário de funcionamento deles é de segunda a sexta, das 11h às 14h30. O cardápio é feito especialmente de comidas com alimentos orgânicos, sem glúten e sem lactose, e ainda servem sucos detox. Com uma decoração simples, o espaço ainda disponibiliza redes para os clientes descansarem após o almoço, e uma vitrola para tocar discos de vinil. Por lá também é servido no cardápio frango, peixes e às vezes carne de bode, mas não carne bovina. Democratizando o menu, o Oca Restaurante Natural é mais uma opção de refeições veganas em João Pessoa. Dentre os destaque que podemos citar são: almôndegas veganas ao molho de tomate caseiro, bolinhos de arroz, saladas e por aí vai. Detalhe que lá também tem uma lojinha que vende produtos naturais. Para quem mora perto do Centro ou está por lá e procura um local para almoçar, o Oca é uma excelente opção. Para saber mais informações ou fazer pedidos de delivery é só ligar no número (83) 3241-6101 ou 9.8860-0008.

 

PADOCA DO CICICO   

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Foram meses de testes, acertos e muitos erros até chegar, no que imaginamos, como o croissant ideal. Mas acho que conseguimos 🙂 Gratidão ao nosso padeiro Val por insistir nessa busca e a toda a equipe pelas contribuições visando fazer cada vez melhor. #vemparapadoca #padocadocicico #paobrasileiro #croissant

Uma publicação compartilhada por Padoca do Cicico (@padocadocicico) em

Esta não é a primeira vez que mencionamos a Padoca do Cicico aqui no site! Antes falamos sobre lugares para tomar café da manhã em João Pessoa e citamos o lugar! Desta vez vai ser diferente, vamos falar um pouco sobre o cardápio vegano da Padoca. No menu deles, vale a pena destacar as sopas! Há sopa de cebola, sopa de tomate e feijão branco, e outras infinidades de pães que eles produzem, além dos cafés que tem a opção de colocar leite vegetal, as tapiocas e os sanduíches e por aí vai. A Padoca do Cicico é nova na cidade, mas até agora é só elogios. O local fica aberto de terça a sexta, das 06h às 10h e das 16:30h até 20:30h, e no sábado e domingo das 08:30h às 11h e das 17h às 21h. A Padoca do Cicico está localizada na rua Marcionila da Conceição, em Cabo Branco.   

 

ESPAÇO KARRANKA CULINÁRIA

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

😀 Nós do Karranka ficamos muito felizes com suas palavras Bianca!! ❤🍃🍒 #Gratidão 🙏 #karrankavegetariano #alimentacaosaudavel #govegan #veganfood #cozinhavegetariana #veganosemjp #Repost @dantas.bianca • • • • • Após um final de semana na praia, levantei ao meio dia e queria me alimentar bem. Eu sempre quis conhecer o Karranka, mas nunca ia, mesmo sendo aqui pertinho de casa. Até que hoje chamei as amigas e fui. Não deu outra: pratão com feijão azuqui, arroz com semente de mostarda, farofa no azeite com proteína de soja, salada crua e moqueca de banana, acompanhado de suco de uva e mousse de chocolate 😋. Estava tudo uma delícia, além do restaurante ser um espaço muito agradável, daqueles que a gente fica sem ver o tempo passar. Enquanto almoçávamos, conversamos sobre nossos hábitos alimentares. Os meus nunca foram dos melhores, principalmente quando era criança, mas agora isso só depende de mim. Perceber que nem sempre me dou bem com carne fez com que eu olhasse para o meu corpo de maneira diferente, com mais atenção. Foi aí que decidi adotar o #SegundaSemCarne. Eu sei que não dá pra comer fora todos os dias, assim como há quem goste de cozinhar a própria comida. O que importa é buscar o equilíbrio: você vai se sentir melhor. 🙏🏻✨✌🏻🌎 #karrankavegetariano #considereovegetarianismo #alimentaçãosaudável

Uma publicação compartilhada por Karranka Culinária Vegetariana (@karrankavegetariano) em

O Karranka é uma casa charmosa cheia de plantinhas, localizada na Av. Cmte. Matos Cardoso, no Castelo Branco, que funciona de segunda a sexta das 11h às 14h30. O restaurante serve não somente comida vegetariana, como também vegana, com um cardápio simples, mas bem temperado. O almoço custa R$18, a quentinha R$16, as sobremesas R$5 e os sucos R$4. O pessoal do Karranka também aceita encomendas de feijoada vegana, vatapá vegano e bolo sem ovos. Além de tudo, o espaço é pet friendly! Caso queiram saber mais informações detalhadamente, é só ligar para o número (83) 9 9838 9212. Eles também aceitam pedidos pelo iFood.  

 

SALSA IT

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Já provou da nossa caponata? A caponata é um prato tipo da culinária italiana. O salsa it leva o sabor da Itália até você. Ainda vai perder essa oportunidade? Venha nos visitar! #comerbem #saudavel #salsaitseudia

Uma publicação compartilhada por Salsa It (@salsa.it) em

O Salsa It possui um menu bastante diversificado, com comidas veganas, vegetarianas e também pratos com carne. Como a maioria dos restaurantes que citamos, eles buscam utilizar produtos orgânicos. Outro diferencial é que o Salsa It trabalha com delivery pelo iFood e UberEats. No menu, pratos como o falafel com creme de castanha, couve-flor assada com maionese de castanha, vários tipos de saladas, massas e risotos, além de espaguete de legumes a bolonhesa vegano. Através dos números (83) 9.8654-3291 e (83) 3216 8844 você pode saber mais informações de preços. Ah, e eles abrem todos os dias!

 



 

GATO DOCE

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Hoje a foto do bolo foi tirada no Rio de Janeiro….com a ajuda especial da minha sobrinha Luiza, fizemos e decoramos um delicioso bolo de chocolate com frutas vermelhas para a comemoração de mais um aniversário da minha mãe ❤❤❤❤ Sempre maravilhoso poder levar o que fazemos na Gato Doce para outros lugares e surpreendermos as pessoas 😍😍😍😍 🎂🎂🎂🎂🎂 #família #aniversário #mãe #gatodoce #riodejaneiro #sobrinha #bolodechocolate #bolodeaniversario #bolovegano #vegan #vegano #docevegano #confeitaria #confeitariavegana #govegan #veganlife #veganfood 🌱🌱🌱🌱🌱🌱❤❤❤❤❤❤

Uma publicação compartilhada por Gato Doce (@gato_doce) em

Esta daqui é para quem ama comer doces! A Gato Doce é uma confeitaria vegana, logo eles não fazem o uso de ovos, leite e mel, além de não utilizar glúten na suas produções. Na parte dos doces eles produzem brownies, bolos, docinhos e cookies, que utilizam chocolate com porcentagens altas de cacau, tornando-os mais saudáveis e sem componentes químicos. É tudo orgânico! A empresa também prepara comidas salgadas, como a torta de palmito, bacalhoada de shitake e o rocambole de lentilha, mas o foco mesmo é a confeitaria. Sempre pensando em fazer comidas livres de qualquer conservantes, essa é mais uma dica para quem está à procura de lugares que fizessem doces veganos. Através do número (83)99643.5234 você pode entrar em contato para encomendas!

 

DELÍCIAS DA ANINHA

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Cardápio de terça feira Marmitas low carb Frango com brócolis Frango com queijo cremoso de castanha Frango com bacon Marmitas veganas 3 queijos com brócolis 3 queijos com palmito 3 queijos com espinafre Lowcarb Kibe funcional Sem glúten. Feito com carne moída patinho, linhaça dourada e manteiga de coco Kibe recheado com bacon Bolo fatia super recheafo Chocolate Misto Doce de leite Morango Crocante Doce no pote gelado. Paixão: mousse de morango Sedução: mousse de Limão Felicidade: mousse de Maracujá Todos com creme de castanha e Nutella vegana Orgulho: chocolate +morango+creme de castanha+Chocolate Sabedoria:doce de leite+morango+creme de castanha+doce de leite Explosão de amor: Nutella vegana +creme de castanha + Nutella vegana….esgotou Traição: chocolate +creme de Castanha + Chocolate Amor: doce de leite +Creme de castanha+doce de leite Pecado: doce de leite+abacaxi+creme de castanha Luz: doce de leite+creme de castanha+chocolate Gratidão: goiaba+creme de castanha+goiaba Kombucha Limão e curcuma Abacaxi e cravo Hibisco e mate

Uma publicação compartilhada por Delícias da Aninha (@deliciasdaaninha_) em

Comida natural, vegana, sem glúten, sem lactose, sem açúcar e low carb: esse é o restaurante da Aninha, que fica localizado no Parque Cabo Branco. Com massas caseiras, eles produzem quiches, salgados, doces e tortas. O restaurante fica aberto nas terças, quartas e quintas das 18h às 23h, na sexta e no sábado das 18h até 00h e no domingo das 17h às 23h. Para quem prefere delivery, o restaurante está disponível no iFood. Mais informações através do número (83) 9.8803-9641.

 

SAPORE D’ITÁLIA

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Quer conferir as delícias produzidas pela nossa @chefsilvanamozzini? Pois então aproveita que hoje é segunda-feira e vem iniciar a sua semana no nosso restaurante! As nossas pastas e massas de pizzas, com farinha integral, são uma delícia 😉 #Repost @chefsilvanamozzini (@get_repost) ・・・ Pastas e massas de pizzas com farinha integral produzidas por mim! Muito saborosas! Você pode degustar no @famigliamuccini e na @saporeditaliajp 👩🏻‍🍳🍜🍕 ⠀ ⠀ ⠀ #famigliamuccini #saporeditaliajp #pizza #pizzaria #massas #pizzaemjoaopessoa #farinhaintegral #massasintegrais #joaopessoa #restaurantesemjoaopessoa

Uma publicação compartilhada por Sapore D’Itália JP (@saporeditaliajp) em

Uma das poucas pizzarias na cidade que possui pizzas veganas no cardápio, a Sapore D’Itália fica localizada na Avenida Cabo Branco. O restaurante, à beira-mar, fica aberto todos os dias das 18h até 0h. Com o cardápio bastante variado, a pizzaria optou por incluir também sabores veganos e vegetarianos. Bastante conhecida na cidade, Sapore D’Itália é uma das pizzarias mais bem classificadas no Trip Advisor. Para entrar em contato com eles é através do número (83) 33247-3322.

 

NONNA ANAIA  

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma das especialidades da Nonna! Pizzas veganas. degustar 🍕😋 Delivery: 3578-2070 ou abrafood. www.nonnaanaia.com

Uma publicação compartilhada por Nonna Anaia Pizzaria – (@nonnaanaiapizzaria) em

Mais uma pizzaria com pizzas veganas no cardápio! A Nonna Anaia fica na Avenida João Maurício, em Manaíra. Eles oferecem pizza de palmito, rúcula, abobrinha, brócolis, berinjela, champignon e algumas outras variações. Os valores variam de R$58 até R$60. Eles fazem entregas no iFood, o que acaba facilitando muito a vida de todo mundo. Caso você queira saber mais informações, é só ligar para o número (83) 3578-2070.

 

*Isabelle Vasconcelos/Estagiária sob supervisão

Foto destaque: Pixabay

 

Leia também: Descubra onde comer em João Pessoa por até R$ 20,00

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

  

Casa da Pólvora recebe espetáculos de dança e teatro nesta terça-feira

Três espetáculos – dois de dança e um de teatro – serão apresentados nesta terá-feira (30), a partir das 19h, no Centro Cultural Casa da Pólvora. O evento é realizado pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) por meio de sua Fundação Cultural (Funjope) e faz parte da programação do AnimaCentro. A entrada é gratuita

A primeira atração será “Lebenskraft”, espetáculo da Cia. Paralelo, que propõe rascunhos de uma dança política em cena, onde o conteúdo de espacialidade e territorialidade são utilizados para abordar a identidade do nosso próprio fazer artístico. Em cena estão Joyce Barbosa, Lília Maranhão, Mylla Maggi e Nídia Barbosa.

dança
Foto: Rafael Passos

Depois será a vez de “Cruxis”, do Balé Popular da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), com direção de Maurício Germano. “Cruxis” é um poema Sacro inspirado nas Escrituras Sagradas, a partir de uma releitura das 12 estações vividas por Jesus. O elenco conta com Lidiane Albuquerque, Fabíola Magalhães, João Vitor da Paz, Heleina Melo e Rogério Gomes.

A última atração da noite será “O bode”, de Everaldo Vasconcelos, com José Maciel. Trata-se de um poema dramático que conta a estória de João (personagem principal), que amaldiçoado por um velho mendigo foi transformado em bode. João escuta a voz do diabo que lhe diz que a única forma de recuperar a sua humanidade é tocando uma flauta.



 

Serviço

Expetáculos “Lebenskraft”, “Cruxis” e “O bode”

Local: Centro Cultural Casa da Pólvora (Ladeira de São Francisco, s/n – Centro)

Dia: Terça-feira (30)

Hora: 19h

Classificação: 16 anos

Evento gratuito

 

*Juneldo Moraes/Secom-JP

Foto destaque: Rafael Passos

 

Leia também: Confira a programação completa do mês de maio do Cinema Francófono

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Confira o trailer de Obsessão, novo suspense da Chloë Grace Moretz

A Galeria Distribuidora acaba de divulgar o trailer e cartaz do suspense psicológico “Obsessão”, que tem a direção do vencedor do Oscar Neil Jordan (“Traídos pelo Desejo” “Entrevista com o Vampiro”, “Fim de Caso”).

Com a aclamada Isabelle Huppert (“A Professora de Piano”, “Amor”, “Elle”), vencedora dos Prêmios de Melhor Atriz em Festivais como Cannes, BAFTA e César, o trailer de “Obsessão” mostra a amizade incomum entre Frances McCullen, interpretada por Chloë Grace Moretz (“Kick-Ass: Quebrando Tudo”, “A Invenção de Hugo Cabret”, “Carrie: A Estranha”), que acabou de perder a mãe, e a enigmática viúva solitária Greta Hideg (Isabelle Huppert).

A medida em que elas vão se tornando amigas, Frances descobre que os planos da viúva se revelam cada vez mais obscuros, para desespero de sua melhor amiga Erica Penn, interpretada por Maika Monroe (“Independence Day: O Ressurgimento”, “A Quinta Onda”, “Corrente do Mal”), que está ajudando Frances a se inserir em Nova York e a alerta sobre as verdadeiras intenções de Greta.

Com distribuição da Galeria Distribuidora, “Obsessão” estreia nos cinemas brasileiros no dia 13 de junho nas versões dublada e legendada.



greta
Foto: Divulgação

 

SINOPSE

A jovem Frances (Chloë Grace Moretz) se torna amiga de uma senhora (Isabelle Huppert). O que ela ainda não sabe, é que a viúva solitária reserva planos sombrios e mortais para ela.

 

Ficha Técnica:

Obsessão

Título Original: Greta

Gênero: Suspense.

País: EUA – Irlanda.

Duração: 97 minutos.

Diretor: Oscar Neil Jordan.

Elenco: Chloë Grace Moretz, Isabelle Huppert, Maika Monroe e Stephen Rea.

Roteiro: Ray Wright e Neil Jordan.

Distribuidora: Galeria Distribuidora.

 

CONFIRA O TRAILER DO FILME:

 

*TZM Entretenimento assessoria de imprensa

Foto destaque: Divulgação

 

Leia também: Homecoming, documentário da Beyoncé, é um manifesto da cultura negra

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Confira a programação completa do mês de maio do Cinema Francófono

Em sua segunda edição, projeto ligado à UFPB expande atividades para o campus do IFPB (Jaguaribe); primeira sessão apresenta o filme “Morrer aos trinta anos”, em sessão seguida por debate com o professor Fernando Trevas; evento é gratuito e aberto para o público em geral. O projeto de extensão “Estética, poder e relações interculturais no cinema francófono” inicia sua segunda edição com a exibição do filme; Morrer aos trinta anos (Mourir à trente ans, França, 1982), de Romain Goupil.

Após o suicídio de seu amigo, Michel Récanati, Goupil se interroga acerca de seu passado militante na extrema esquerda da CAL. Em meio as imagens das assembleias gerais e manifestações em torno de 1968, o diretor insere documentos íntimos e depoimentos de companheiros que partilharam aquele momento, formando um retrato geracional vencedor da Camera d’Or no Festival de Cannes concedido a filmes de diretores estreantes.

Marcada para a próxima quinta-feira, 2 de maio, às 18h, no Auditório José Marques (IFPB), a sessão  do Cinema Francófono será seguida por debate com o professor Fernando Trevas, coordenador do curso de Cinema e Audiovisual da UFPB e Mestre em Cinema pela ECA-USP, com a dissertação A Crítica Paraibana e o Cinema Brasileiro – Anos 50/60. A mediação será de André Dib, jornalista, pesquisador, crítico de cinema e mestrando em Comunicação pela UFPB.

MAIO DE 68 – O ciclo de filmes e debates consiste em dez sessões ao longo do ano, sendo que em maio toda a programação será voltada para discussões em torno do Maio de 68 e sua pertinência em temas atuais, com os filmes “Loucuras de uma primavera’’ (Milou em mai, (1990), de Louis Malle, seguido de sessão dupla com “Os Panteras Negras” (Black Panthers, (1968), de Agnès Varda e “Eu, um negro” (Moi, un noir, 1958), de Jean Rouch.

Além da mostra, o projeto iniciará em maio, no campus da UFPB, um curso em dez módulos que se relacionam com os filmes e leituras afins. A certificação de participação nas duas atividades (mostra de filmes e curso) para membros internos e externos à UFPB e IFPB serão feitas via lista de presença, sem necessidade de inscrição prévia. O certificado só será emitido com o preenchimento do requisito de 70% de frequência.



Serviço:

Morrer aos trinta anos (Mourir à trente ans, França, 1982), de Romain Goupil

Quando: Quinta-feira, 2 de maio, às 18h;

Onde: IFPB Jaguaribe (Avenida 1º de Maio – Jaguaribe)

Entrada franca

 

PROGRAMAÇÃO DE MAIO

Quinta, 2 de maio, 18h

 

Título: Mourir à trente ans / Morrer aos trinta anos

França, 1982, 95’, pb, 35mm

Direção: Romain Goupil

Sinopse: Após o suicídio de seu amigo, Michel Récanati, Romain Goupil se interroga acerca de seu passado militante na extrema esquerda da CAL. Em meio a imagens de assembleias gerais e manifestações em torno de 1968, o diretor insere documentos íntimos e depoimentos de antigos companheiros que partilharam desse momento. Em forma de filme, Goupil traça o retrato de uma geração. Câmera de Ouro no Festival de Cannes de 1982.

Debatedor-Fernando-Trevas
Foto: Divulgação

Debatedor: Fernando Trevas Falcone é coordenador do curso de Cinema e Audiovisual da UFPB, Mestre em Cinema pela ECA-USP, com a dissertação A Crítica Paraibana e o Cinema Brasileiro – Anos 50/60 e será o debatedor do filme Morrer aos Trinta Anos do Cinema Francófono. Organizador de Cinema e memória: o super-8 na Paraíba nos anos 1970 e 1980 (Editora da UFPB, 2013). Coordenador do projeto. Participante do Colóquio Internacional de Cinema Documentário com a comunicação Cinema engajado: a temática social como marco da produção paraibana dos anos 60, 70 e 80 (João Pessoa, 2016). Foi redator-chefe da Revista TVA (São Paulo).

Mediador: André Dib – jornalista, pesquisador, crítico de cinema e mestrando em Comunicação pela UFPB.

 

Quinta, 16 de maio, 18h

Título: Milou en Mai / Loucuras de uma primavera

França, 1990, 35mm

Direção: Louis Malle

Sinopse: Em um casarão do sudoeste da França, cercado de vinhedos, a avó acaba de falecer. Estamos em maio de 1968. Apesar das greves, a família virá para o enterro. Milou, o neto da falecida, vai contra o resto da família, que deseja vender a propriedade. Entre conflitos de ideias e gerações, Malle compõe uma visão crítica e bem humorada sobre as ilusões e valores burgueses.

Debatedora: Miqueli Michetti é professora do Departamento de Ciências Sociais e do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal da Paraíba. Tem doutorado em Sociologia pela UNICAMP, com foco na área de Sociologia da Cultura, e pós-doutorado pela Columbia University of New York;

Mediador: A definir.

 

Quinta, 30 de maio, 18h

Black-Panthers-free_breakfast_program
Foto: Divulgação

Título: Black Panthers / Os Panteras Negras

França, 1968, cor, 35mm

Direção:AgnèsVarda

Sinopse: Em homenagem à  pioneira da Nouvelle Vague,  Agnès Varda (1938-2019). No verão de 1968, os Panteras Negras de Oakland (Califórnia) organizaram vários debates de conscientização em torno do processo de um de seus líderes, Huey Newton. Eles queriam, e conseguiram, chamar a atenção dos americanos e mobilizar as consciências durante esse processo político. Neste sentido, deve-se realmente datar este documento: 1968.



Título: Moi, un noir / Eu, um negro

França, 1958, 35mm

Direção: Jean Rouch

Sinopse: Uma semana da vida de jovens nigerianos que chegam à capital da Costa do Marfim em busca de trabalho. O herói, que conta sua própria história, se autodenomina Edward G. Robinson, em honra ao ator americano. Da mesma forma, seus amigos escolhem pseudônimos para simbolizar uma personalidade ideal. Eles realizam trabalhos servis como estivadores, carregando sacos e suprimentos úteis para a Europa. À noite, bebem suas mágoas em bares enquanto sonham com vidas idealizadas. Cada dia é introduzido por uma narração de Jean Rouch, considerado o pai da etnoficção.

Debatedores: A definir;

Mediador: A definir

 

 

*Assessoria de imprensa Renata Lima

Foto destaque: Divulgação

 

 

Leia também: De Repente no Espaço acontece no dia 1º de Maio no Espaço Cultural

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

De Repente no Espaço acontece no dia 1º de Maio no Espaço Cultural

A cultura popular nordestina tem encontro marcado, na próxima quarta-feira (1º), feriado do Dia do Trabalhador, na edição de maio do projeto De Repente no Espaço. Os convidados são Helânio Moreira (RN) e Erasmo Ferreira (PB), que prometem uma noite de improvisos e violadas. O evento acontece no mezanino do Teatro Paulo Pontes do Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa, a partir das 19h e a entrada é gratuita. A apresentação é de Iponax Vila Nova, declamador oficial do evento.

Quem já conhece a dinâmica das apresentações sabe que o público também tem o seu momento de interação com os convidados, sugerindo temas e rimas. O apresentador é uma atração à parte, com sua memória infalível ao declamar versos de poetas que são referência na arte do repente.

Para o público fiel do projeto é a oportunidade de conferir a performance desses dois nomes da arte do repente. Poetas que trazem consigo o dom que os permite trazer o verso no improviso. Rápidos no raciocínio e no gatilho mental, os dois têm sempre a resposta de imediato ao oponente.

Erasmo Ferreira – É natural de Aroeiras e reside há sete anos em Serra Branca. Desde os seus 15 anos de idade, canta e encanta os amantes da poesia popular, dedilhando a sua viola, parceira de muitas alegrias de norte a sul do Brasil.

É destaque em festivais e encontros de violeiros pelo País. Com três CDs, participações em álbuns de festivais e parceiros de poesia, é autor de “Pedindo perdão” em parceria Heraldo Salviano, e “Apaixonado por essa mulher”, ambas regravadas por bandas de forró.

Já conquistou vários prêmios como o 3º lugar no festival em homenagem ao poeta Pinto de Monteiro e 1º lugar no Festival de Violeiros, na cidade de São Vicente, no Rio Grande do Norte (RN).



Helânio Moreira – Ele decidiu ser repentista ainda na pré-adolescência. “Eu assistia ao programa ‘Poesia, verso e viola’. Meu pai era ouvinte do programa e gostava muito de cantoria. Cresci achando que seria ouvinte de cantoria, mas aos 13 anos vi que eu tinha facilidade para compor”, contou ele.

Iponax Vila Nova – Nascido na cidade de Cajazeiras no Sertão paraibano, filho do pernambucano Ivanildo Vila Nova, o maior dos repentistas da atualidade, Iponax cresceu com a poesia no seu dia a dia. A poesia e a viola de Ivanildo estavam em todos os lugares da casa, e aos poucos foi despertando no menino o desejo de participar dessa disseminação da cultura popular. Fez da poesia a régua e compasso no seu projeto de vida. Ainda muito jovem, levou sua arte para os mais distantes grotões do país. Um verdadeiro ativista da cultura matuta, é um grande articulador da arte do repente, considerado um dos grandes nomes da poesia e da declamação dos nossos dias.

Sobre o projeto – O “De Repente no Espaço” é um evento mensal da Funesc lançado em julho de 2015 e faz parte das ações de ocupação do Espaço Cultural. Os encontros acontecem na primeira quarta-feira do mês. A cada nova edição, o público conta com diferentes atrações da Paraíba e de outros Estados da região. Em janeiro e julho de 2016 foram realizados o 1º e 2º “Desafio De Repente”, com várias duplas de repentistas da Paraíba e de outros Estados.

 

Serviço:

De Repente no Espaço

Convidados: Erasmo Ferreira (PB) e Helânio Moreira (RN)

Apresentação: Iponax Vila Nova

Data: quarta-feira, 1º de maio

Hora: 19h

Local: Mezanino 2, Espaço Cultural José Lins do Rego

Entrada: gratuita

 

*Secom Paraíba

Foto destaque: Rafael Passos

 

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Praça da Independência traz programação infantil neste domingo  

A diversão já tem um lugar confirmado na Capital. É que neste domingo (28), o grupo teatral Imaginart se apresenta na Praça da Independência, com o espetáculo ‘Páscoa Aqui, Páscoa Acolá, Pirulim Vai te Ensinar’. O local já se tornou espaço garantido para peças gratuitas. O evento inicia às 16h e tem duração de 60 minutos. A iniciativa é da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope).

O espetáculo conta a história de uma mãe (coelha Margarida) que pede a ajuda do filho na produção dos ovos. Mas esse filho só pensa em jogar no celular e com isso ele não ajuda a mãe. No decorrer na história, a coelha vai ensinando o jovem sobre a importância da páscoa e mostrando que a vida não se resume apenas a tecnologia. Com isso, o rapaz vai aprendendo a importância de ajudar o próximo.

Flávio Lira, diretor e ator do espetáculo, revela ainda que durante a narrativa outro personagem aparece. “Logo após os ensinamentos da mãe, aparece outro filho, que acredita que é famoso por ser o coelho da páscoa, mas aos poucos ele vai descobrindo que a cada ano um coelho é escolhido”, disse o diretor.

A programação é aberta para os públicos de todas as idades e faz parte da programação do AnimaCentro, que é o maior projeto de intervenção cultural já realizado em João Pessoa, eleita pela Unesco como Cidade Criativa. A iniciativa une revitalização e traz ocupação ao Centro da Capital, dando destaque ao Centro Histórico.



Serviço –

Apresentação da peça ‘Páscoa Aqui, Páscoa Acolá, Pirulim Vai te Ensinar’

Local: Praça da Independência  

Dia: domingo (28)

Hora: a partir das 16h

Classificação indicativa: Livre

Evento gratuito

 

*Rômulo Teodorico/Secom-JP

Foto destaque: Divulgação

 

Leia também: Cabruêra finaliza temporada de shows dos 20 anos do primeiro disco

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Renata Arruda lança CD e grava DVD neste domingo no Casa da Pólvora

A cantora Renata Arruda se apresenta neste domingo (28), a partir das 16h30, no Centro Cultural Casa da Pólvora, no lançamento do CD – e gravação do DVD – “Nordeste in Natura”, encerrando a programação do Pólvora Cultural do mês de abril. O evento é realizado pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope) e faz parte do AnimaCentro.

No show deste domingo, haverá a participação especial de Vó Mera e Meire Lima, com abertura do Maracatu Nação Pé de Elefante. Na apresentação, Renata será acompanhada por Marcelo Macedo (guitarra), Chico Correia (programação), Pablo Ramires, Cassicobra (percussão), Lucas Dan (acordeon), pianos e sintetizadores), Geno Costa, Graziele Vilanueva, Polyana Resende e Meire Lima (vocal).

O disco “Nordeste in Natura” traz músicas autorais de Renata Arruda e Paola Tôrres, médica, cordelista e escritora, e conta com participações de Ney Matogrosso, Elba Ramalho e Chico César. O projeto é patrocinado por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet), apresentando um recorte do Nordeste resgatando o prazer genuíno de cantar e festejar os ritmos e crenças.

As 12 faixas que compõem “Nordeste in Natura” foram feitas há cerca de dez anos e ficaram guardadas à espera do momento certo de serem mostradas ao público. O disco incorporou em sua linguagem os tambores, as congas, as alfaias, os ganzás e os pandeiros. O pisado do coco, o grito do maracatu, o bailado das yabás, a felicidade do Mateus e a simbologia da “Calunga”, são o mote desse novo trabalho de Renata Arruda.



A artista – Cantora, compositora e poetisa, Renata Arruda, nascida na Paraíba, cantou e foi influenciada ao longo de sua carreira por vários compositores nordestinos, entre eles, Chico César, Jackson do Pandeiro, Zé Ramalho, Luís Ramalho, Vital Farias, Dominguinhos, Luís Gonzaga, Nando Cordel e Lenine, entre outros, alguns dos quais, ainda hoje, são seus amigos.

Lançou oito CDs, Traficante de Ilusões (1993), Renata Arruda (1996), Um do Outro (1999), Por Elas e Outras (2003), Pegada (2005), Deixa (2008), Roda de samba (2013) e Marcas e sinais (2014), que deu origem ao DVD homônimo, o segundo de sua carreira. Antes, ela tinha lançado o DVD “Pegada” (2005). Renata publicou o livro de poesias “Nua” (2016), que inclui CD e DVD, com participação de vários artistas.

 

Serviço

Pólvora Cultural

Atração: Renata Arruda

Local: Centro Cultural Casa da Pólvora (Ladeira de São Francisco, s/n – Centro)

Dia: Domingo (28)

Hora: 16h30

Classificação: 16 anos

Evento gratuito

 

*Juneldo Moraes/Secom-JP

Foto destaque: Divulgação

 

Leia também: Conheça as principais galerias e exposições de arte em João Pessoa

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Grupo Florescer traz espetáculo infantil ao Parque da Lagoa

O fim de semana no Parque da Lagoa Solon de Lucena, no Centro da Capital, continua em clima de Páscoa. É que neste domingo (28), a partir das 16h, o grupo Florescer traz para o local o espetáculo “Quem Sumiu com os Ovos de Páscoa”. A iniciativa é da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope).

O intuito da diretora Flávia Suzana é conseguir, através da peça, aguçar a curiosidade da plateia que, por sua vez, tentará descobrir quem foi o causador do sumiço dos ovos de Páscoa, fazendo com que haja a participação de todos no deslinde do caso. A programação é gratuita e aberta para todos os públicos.

A personagem Coelhinha é a responsável por tomar conta dos ovos para distribuição na Páscoa. Porém, ela acaba cochilando na guarda e os ovos desaparecem. A personagem Dona Coelha, mais esperta, busca solucionar o problema e acaba entrando nas aventuras juntamente com os fantoches.

Participam do teatro infantil as atrizes Alice D’ Moura, que interpreta a “Dona Coelha”, Flávia Suzana, que será a “Coelhinha”, e Inês Miguel, que toca as músicas em sua guitarra. Durante o espetáculo dois fantoches também são utilizados para a interlocução entre as atrizes.



Serviço –

Apresentação do espetáculo “Quem Sumiu com os Ovos de Páscoa”

Local: Parque da Lagoa Solon de Lucena  

Dia: domingo (28)

Hora: A partir das 16h

Classificação indicativa: Livre

Evento gratuito

 

*Rômulo Teodorico/Secom-JP

Foto destaque: Rafael Passos

 

Leia também: Cine Bangüe exibe filmes independentes com ingressos em conta

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Grupo Porta do Sol é a atração do Sabadinho Bom na Praça Rio Branco

O grupo Porta do Sol se apresenta neste sábado (27), a partir das 12h30, na Praça Rio Branco, no último Sabadinho Bom do mês de abril. O projeto é realizado pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) por meio de sua Fundação Cultural (Funjope) e faz parte da programação do AnimaCentro. A apresentação é gratuita.

Embora toque outros gênero, o repertório do show deste sábado será de muito samba e choro para animar o público. O Porta do Sol surgiu em 2005 dentro do Carnaval de João Pessoa e procura sempre caminhar na direção da autêntica música brasileira, dando referência para os grandes nomes que construíram páginas de grandes destaques no cenário musical nacional.

O grupo Porta do Sol é formado por Kecio Lima (vocal), David Martins (violão7 cordas e baixo), Alisson Dionísio (cavaquinho), Emanoel Barros (trompete) e eimison Bronzeado (percussão e trompete).

O projeto – O Sabadinho Bom faz parte do AnimaCentro, que tem como objetivo ocupar os espaços históricos revitalizados pela atual gestão com uma programação cultural diversificada no Parque da Lagoa, Praça da Independência, Hotel Globo, Praça Rio Branco, Pavilhão do Chá, Centro Cultural Casa da Pólvora, Casarão 34 e Praça Antenor Navarro.



Serviço:

Sabadinho Bom

Atração: Porta do Sol

Local: Praça Rio Branco

Dia: Sábado (27)

Hora: 12h30

Classificação indicativa: 14 anos

Evento gratuito

 

*Antonio Vicente Filho/Secom-JP

Foto destaque:Adriano Franco

 

Leia mais: Cabruêra finaliza temporada de shows dos 20 anos do primeiro disco

 

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Joabi Dantas e Trinca do Forró se apresentam na Feirinha de Tambaú

Na Feirinha de Tambaú deste sábado (27) tem como atração principal o cantor Joabi Dantas, que levará ao público grandes sucessos de artistas como Dominguinhos, Flávio José, Alceu Valença e Luiz Gonzaga. A apresentação tem início às 19h30 e conta com a participação especial do trio Trinca do Forró.

Joabi Dantas se apresentará acompanhado por quatro músicos tocando sanfona, triângulo, zabumba e contrabaixo. O músico elogia o projeto Forró na Feira e diz que o espaço valoriza e enaltece o trabalho dos artistas locais.

O Trinca do Forró é formado por Divane (vocal), Izabella (sanfona), Kelsio (triângulo e vocal), Gutemberg (baixo) e Geimison (zabumba). O trio foi fundado nos anos 1980 e já se apresentou em várias cidades da Paraíba.

O projeto Forró na Feira foi lançado no final de 2017 pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope) e da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), e leva atrações gratuitas para a população na Feirinha de Tambaú, incentivando o trabalho de artistas locais e fomentando a cultura regional.

 

*Mônica Melo/Secom-JP

Foto destaque: Divulgação

 

Leia mais: O cantor pernambucano Geraldo Azevedo fará show em João Pessoa

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3