Dicas simples para mudar a decoração do banheiro gastando pouco

Esse cômodo onde passamos momentos de cuidados íntimos não pode ficar de fora da decoração. O banheiro pode e deve ser aconchegante para uma melhor experiência ao usá-lo. Mas se você não quer gastar muito nem aguenta quebra-quebra dentro de casa, se liga nas nossas dicas para mudar a decoração do banheiro!

 

Plantas

Usar plantinhas no banheiro é uma super tendência. Dê preferência àquelas que não precisam de muito Sol, e que suportam ambientes úmidos. Uma opção é usar plantas artificiais. Hoje, é possível encontrar algumas bem realistas.

foto1-3
CasaCor Rio Grande do Norte / Foto: arquiteta Paloma Dantas, do escritório Grand Arquitetura

 

Tintas

Uma coisa que pode mudar rapidinho a aparência do banheiro é mudar a cor do ambiente. Mas para não fazer aquela reforma, uma saída é pintar com tinta Epóxi. É possível encontrá-la à base de água, o que facilita a aplicação e diminui o cheiro forte. A arquiteta Paloma Dantas, do escritório Grand Arquitetura, diz que não é aconselhável aplicar a tinta no box, mas num lavabo é certeza de sucesso! Ela ainda explica que não é uma tinta muito barata, então coloque na ponta do lápis se é melhor pagar pelo produto e pela mão de obra da aplicação, ou por um revestimento novo mesmo.

tinta



Quadrinhos

Quem disse que não pode no banheiro? Especialmente se ele tiver uma parede revestida de azulejo até o meio apenas, fica lindo colocar um quadrinho para dar uma cara mais pessoal à decoração do banheiro.

quadros

 

Fita isolante, washi tapes e adesivos

Um produto super simples como uma fita isolante pode fazer um efeito lindo na parede, ou num armário, se você acrescentar um pouco de criatividade. Padrões geométricos podem mudar bastante a decoração do seu cantinho. Mas cuidado com os espaços pequenos. Muitas cores e formas podem diminuir um banheiro que já for bem pequeno. Há no mercado, alguns adesivos que imitam azulejos e pastilhas. São uma boa sugestão para as áreas secas!

adesivos



Porta-trecos e caixas organizadoras

O que incomoda na decoração do banheiro geralmente é aquela bagunça. Cremes, maquiagem, embalagens de remédio, roupa usada… Talvez alguns porta-trecos e caixas estilosos possam fazer toda a diferença que você procura!

organizadores

 

Leia mais – 5 objetos de decoração baratinhos que qualquer pessoa consegue fazer

 

Por Larissa Rodrigues: desenhista do @be.my.type, internacionalista e mestranda de Relações Internacionais da UEPB. Adora falar de política, espiritualidade e coisinhas que amenizam nossa experiência de vida: filmes, moda, viagens e comida!!!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

Quer receber mais conteúdo legal gratuitamente no seu e-mail? Assine a nossa Newsletter!

Como usar quadrinhos na decoração da casa

Algo que está na moda já há um bom tempo são os quadrinhos na decoração. E esperamos que permaneçam assim! Eles dão personalidade e vida ao ambiente. Paredes nuas não são exatamente sinônimo de decoração minimalista ou clean. Pelo contrário, o ambiente de paredes vazias pode ficar com ar triste e impessoal. Para ter uma boa combinação de quadrinhos, digna do Pinterest, tem uns truques que nós vamos contar só pra vocês!

Existem alguns aspectos que precisam ser considerados. O primeiro deles é o estilo do ambiente. É uma sala, um quarto, corredor? Quem usa o espaço? Quais são os gostos dos usuários do lugar? Escolha quadrinhos que combinem com a decoração já existente. Isso vai dar uma aparência harmoniosa quando o mix de quadrinhos estiver pronto.

Agora é hora de decidir os formatos dos quadrinhos. Podem ser de formatos diferentes, ou todas as molduras iguais. Um mix de quadrinhos todos do mesmo formato e molduras iguais vai ser bem mais fácil de distribuir no espaço da parede. Outra vantagem é poder ousar mais nas imagens emolduradas. Como o equilíbrio está garantido pela uniformidade das molduras, dá pra usar cores, desenhos e letterings diferentes.

foto1



 

Já no caso de quadrinhos de tamanhos e formas diferentes, é necessário mais cuidado para compor uma combinação legal. Sugiro que desenhe uma cruz na parede, de lápis, e tente distribuir os quadrinhos nos quatro quadrantes. É importante que os desenhos combinem também. Cuidado com a paleta de cores, para que haja uma “conversa” entre elas. Da mesma forma que nós pensamos nas cores das nossas roupas.

Uma boa ideia é seguir um estilo de imagens. Um estilo que está em alta é o botânico. Aquarelas de folhagens viraram febre. Desenhos de insetos também estão valendo.

foto-2



 

Outro estilo bacana é o lettering. Mas nesse caso, acho interessante intercalar letras e imagens. Pode colocar até uma fotografia legal no meio deles.

Alguns artistas têm um estilo mais conceitual, com o uso de rabiscos e formas abstratas. Ou ainda imagens oníricas, aquelas que parecem saídas de sonhos.

foto3

Agora é só ir às compras! Marca o @rotaprincipal quando postar seu mix de quadrinhos na decoração!

 

Curtiu? Acesse também 6 Instagrams de decoração para seguir e se inspirar!

 

Por Larissa Rodrigues: desenhista do @be.my.type, internacionalista e mestranda de Relações Internacionais da UEPB. Adora falar de política, espiritualidade e coisinhas que amenizam nossa experiência de vida: filmes, moda, viagens e comida!!!

 



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

Quer receber mais conteúdo legal gratuitamente no seu e-mail? Assine a nossa Newsletter!

Decoração: a técnica Montessori de decorar o quarto do bebê

Larissa Rodrigues*

 

Uma das primeiras preocupações que os pais têm durante a gravidez é com o quarto para receber o novo integrante da família. É um momento especial a escolha de cada detalhe. Mas quanto mais a gente pesquisa, mais descobre a infinidade de cuidados a serem tomados com o bebê. Para os pais que estão querendo algo além de um quartinho bonito, existe uma técnica baseada no método Montessori.

foto3-3

Uma teoria desenvolvida pela médica e educadora Maria Montessori, que defendia a influência do ambiente na capacidade de livre expressão das crianças. A pesquisadora nasceu em 1870, em Chiaravalle, na Itália. Formou-se em 1896, como médica, e passou a trabalhar na Psiquiatria. Dra Maria Montessori envolveu-se no tratamento de crianças com necessidades especiais em uma escola especial para elas. Chegou a inscrevê-las numa competição italiana de educação, e para sua surpresa, suas crianças tiveram um desenvolvimento muito superior às que não tinham nenhuma dificuldade cognitiva e que haviam estudado em escolas tradicionais.



 

foto1-4

Investigando o motivo de suas crianças terem sido tão superiores às outras, apesar delas terem maiores obstáculos em virtude de suas dificuldades cognitivas, Dra Montessori chegou à conclusão de que as crianças da escola especial tinham se desenvolvido melhor devido às salas preparadas para estimula-las. Uma série de objetos eram dispostos na altura das crianças para que elas pudessem sentir e se desenvolver adequadamente.

Essa descoberta foi tão importante, que já influenciou muitas escolas pelo mundo. Chegou também na decoração. A ideia é transformar o quarto dos meninos e meninas num lugar que estimule seu aprendizado através dos sentidos.



 

foto2-3

Sendo assim, a mobília deve ser menor, para que eles possam alcançar. Também devem estar disponíveis brinquedos e atividades estimulantes. Isso vai ajudá-los a se tornarem mais independentes. Roupas e sapatos precisam estar à mostra, para que os pequenos possam pegar e vestir sozinhos. Espelhos são importantes para que eles vejam seu próprio reflexo.

Leia também:

6 Instagrams de decoração para seguir e se inspirar!

Decoração: como organizar a casa para um jantar romântico

 

Por Larissa Rodrigues: desenhista do @be.my.type, internacionalista e mestranda de Relações Internacionais da UEPB. Adora falar de política, espiritualidade e coisinhas que amenizam nossa experiência de vida: filmes, moda, viagens e comida!!!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Decoração: como escolher a cor para as paredes do ambiente

Larissa Rodrigues*

 

Você sabia que as cores do ambiente influenciam e muito o nosso humor? A escolha da paleta de cores de um cômodo da sua casa pode ir muito além do seu gosto pessoal. É claro que o mais importante é o morador gostar das cores dos móveis e paredes, mas pra ter uma casa com cara de capa de revista tem uns segredinhos! A cor das paredes é um pano de fundo muito importante pra montar um ambiente dos sonhos. São as paredes que vão servir de base para os outros elementos que vão compor a decoração. Por isso, o Rota vai revelar alguns segredos para escolher a cor perfeita!

 

Assim como cada cômodo da casa tem uma função, a escolha das cores deve seguir essa ideia também. Dependendo da cor e da textura da parede, você pode ter um espaço mais aconchegante, alegre, tranquilo, moderno, despojado… Enfim, tem como dar a cara que você quiser ao lugar.

 

A escolha das cores pode ser um processo bem mais gostoso do que você imagina. Preste atenção nos seguintes detalhes:



1 – Pense numa paleta de cores para o ambiente

 

Não adianta ter várias cores preferidas e mistura-las de qualquer jeito, né? O resultado pode ser desastroso. O ideal é ver quais cores combinam entre si e usa-las nos elementos da decoração. Fique atenta(o) ao clima que você quer criar em cada cômodo. Por exemplo, se quer que o quarto seja um lugar mais calmo, pense em cores que passem essa sensação, como cinza, azul claro e rosa. Na sala de estar, um tom de amarelo pode ser uma boa opção, pois essa cor traz alegria e energia para o ambiente.

1-1

 

2 – As paredes podem ser o plano neutro

 

Uma ideia legal para quem tem medo de enjoar facilmente da decoração é pintar as paredes de tons neutros e acrescentar pontos de cor nos objetos. Assim, dá pra mudar as almofadas, um vaso ou um quadro e ter outra decoração bem diferente.

2-1



3 – As paredes podem ser o elemento-chave da decor

 

Dá pra fazer o contrário também, jogar uma cor vibrante na parede e equilibrar a decoração com móveis e objetos neutros. A questão é ter equilíbrio.

3-1

4 – Busque inspirações

 

Na era da internet, temos um vale encantado de inspirações criativas chamado Pinterest. Faça uma pasta com todos os pins que te agradam. Depois vai ficar fácil ver quais são os elementos que se repetem nas fotos e identificar o seu estilo.

4-2

 

5 – Se liga nas tendências

 

Não é só uma questão de estar na moda. Saber o que é tendência vai te dar uma noção do que vai encontrar nas lojas, já que elas geralmente oferecem o que está em alta.

5
Cores que combinem com os objetos que são tendência na decoração vão facilitar a montagem do ambiente



6 – Cuidado com os tons!

 

Nem sempre a cor que você viu no computador é a cor que vai ficar na parede. Isso acontece porque o processo de formação da cor na tela do computador é diferente das tintas. É importante ver como será o resultado final antes de comprar galões e galões de tinta, por isso as casas de material de construção têm catálogos de cor que se aproximam mais do tom final.

6

 

 

Larissa Rodrigues é desenhista do @be.my.type, internacionalista, mestranda de Relações Internacionais da UEPB, que adora falar de política, espiritualidade e coisinhas que amenizam nossa experiência de vida: filmes, moda, viagens e comida!!!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3