Com dólar e euro altos, viajar para o Egito é um ótimo negócio

viajar para o Egito

Um velho conhecido dos tempos de escola. O Egito é um país do nordeste da África, numa região que engloba a península do Sinai, na Ásia. O território é predominantemente desértico. O país faz fronteira com a Líbia, o Sudão, a Faixa de Gaza e com Israel. Ao norte, o litoral é banhado pelo mar Mediterrâneo e ao leste pelo mar Vermelho. A península do Sinai é banhada pelos golfos de Suez e de Acaba. As principais cidades são o Cairo, a capital, e Alexandria. Cairo é a maior e mais populosa cidade da África. As cidades se formaram nas margens do rio Nilo. Viajar para o Egito é uma verdadeira viagem no tempo.

O que não falta por lá é história para se ver. Essa área é povoada continuamente desde dez milênios antes de Cristo. Apesar das grandes cidades serem bem modernas atualmente, muitos monumentos e lugares históricos estão preservados. É o caso das pirâmides Gizé e da Grande Esfinge, por exemplo.



egito2

Além de conhecer os monumentos históricos e os costumes antigos, como o culto aos deuses egípcios e o funcionamento da sociedade do Egito Antigo, é possível conhecer o país de hoje, a cultura muçulmana, a música, o cinema e a TV egípcia. São mais de 12,8 milhões de turistas ao ano, em média. As praias do Mar Vermelho têm águas calmas, recifes de corais e peixes coloridos. No Golfo de Aqaba, é comum a prática de esportes aquáticos. Outra parada obrigatória é o canal de Suez. Uma das rotas de passagens de navios mais importantes do mundo.

Uma capital de 10 milhões de habitantes, num país periférico, não seria livre de problemas. O trânsito é caótico, há muitos vendedores nas ruas e protestos. Cairo é uma cidade que nunca para, como São Paulo. Dá pra fazer praticamente qualquer coisa à noite, porque boa parte do comércio permanece aberta por 24h, ou pelo menos até as 2h da madrugada. A Tahrir Street é a rua mais animada à noite, com bares e restaurantes.



egito3

Para comprar 10 libras egípcias, você vai desembolsar R$1,87. A hospedagem pode ser muito barata. Albergues custam entre R$20 e R$190. Para ficar num hotel, gasta-se pelo menos R$93 por noite. Cada refeição custa no mínimo R$4,50 e R$27. É bom evitar viajar para o Egito no período do Ramadã, que muda a cada ano, porque muitos estabelecimentos fecham antes do pôr do Sol.

Os brasileiros não precisam tomar nenhuma vacina especificamente para viajar para o Egito. É preciso apenas ter um passaporte válido e um visto, tanto para turismo, quanto para negócios.



egito1

 

Leia mais Conheça 5 pontos turísticos mal assombrados pelo mundo

 

Por Larissa Rodrigues: desenhista do @be.my.type, internacionalista e mestranda de Relações Internacionais da UEPB. Adora falar de política, espiritualidade e coisinhas que amenizam nossa experiência de vida: filmes, moda, viagens e comida!!!

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

%d blogueiros gostam disto: