Celeiro completa um mês de funcionamento e cerca de quatro mil pessoas já visitaram o local

Inaugurado no início de janeiro, o Celeiro Espaço Criativo, localizado no Altiplano, completou um mês de funcionamento no último sábado (10).

Desde o início das atividades cerca de quatro mil pessoas passaram pelo local. O Celeiro se consolidou como um importante espaço de visitação, inclusive no roteiro turísticos das operadoras de viagem, além de ser um espaço de comercialização de peças de arte e artesanato produzidas por artesãos locais.

o-celeiro-1

O Celeiro é uma grande vitrine para o artesanato paraibano. O local está agregando, está absorvendo os artesãos, para que tenham mais um local de exposição, além das feiras. “O Celeiro tem desempenhado um papel fundamental no que diz respeito à difusão da cultura de nosso estado através da exposição e comercialização do artesanato, artes visuais e literatura paraibana.



Além da relevância cultural, tem sido forte enquanto política de geração de renda. Cada dia mais, artesãos procuram o local para colocar em vitrine seus produtos, com destaque para artesãos vindos do interior do Estado”, disse a primeira-dama, Maísa Cartaxo, e coordenadora do programa João Pessoa Artesã (JPA).

O-celeiro-2

Atualmente, o Celeiro Espaço Criativo está com exposição de peças e obras de 120 artesãos e 22 artistas plásticos de João Pessoa e cidades próximas.

Os trabalhos reúnem, além de artesanato, cultura popular, artes visuais e design. Depois do Carnaval, o local irá ampliar as atividades, recebendo, também, eventos culturais, como lançamentos de livros e sarais poéticos, além de uma programação voltada à capacitação dos artesãos.



De acordo com Lúcia França, curadora do Espaço Criativo, o espaço se consolidou neste primeiro mês de funcionamento e há lugar para crescimento de atividades e fluxo de visitação. “Após o Carnaval vamos promover mais algumas ações como oficias e capacitação para os artesãos. Esse momento foi de consolidação e agora vamos avaliar o que podemos melhorar para oferecer mais uma opção não só de lazer, mas também uma forma de contribuição com a economia e com os artesãos”, disse.

Funcionamento – O Celeiro funciona de segunda à sexta-feira a partir das 9h até as 19h e no final de semana a partir das 10h às 19h.

Peças e exposições – As primeiras coleções ficarão expostas no local por cerca de dois meses, sendo repostas de acordo com a demanda das vendas e com a variedade de peças disponível por cada artista ou artesão.

LEIA TAMBÉM: Arte em parede pode fazer toda a diferença na decoração

Para expor seus trabalhos, os artistas e artesãos devem procurar a curadoria do Celeiro Espaço Criativo, nas terças e quartas, das 9h às 17h, e apresentar uma amostra do seu trabalho. Um corpo curador fará a inscrição e analise das obras e peças, que devem obedecer a critérios de qualidade e acabamento previstos no Programa do Artesanato Brasileiro (PAB), além das tipologias, para que possam entrar na próxima exposição.

Fonte: Secom/JP – Luiz Carlos Lima



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!
Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Quer receber mais conteúdo legal gratuitamente no seu e-mail? Assine a nossa Newsletter!

%d blogueiros gostam disto: