Natura Musical apresenta Rock de Mulher Circuito no Vila do Porto

O Rock Mulher Circuito – Empreendedorismo e Formação para Mulheres na Música nasceu com o intuito de gerar um espaço para o desenvolvimento de novas profissionais no mercado musical. Idealizado pela cantora e compositora potiguar Simona Talma e a cantora baiana Andréa Martins, em março o projeto passa por João Pessoa, Natal e Recife.

O projeto foi selecionado pelo Natura Musical por meio do edital 2018 com o apoio da Lei Rouanet. “Coletivos como o Rock de Mulher Circuito ampliam a voz de movimentos que buscam maior representatividade dentro e fora do mercado musical”, afirma Fernanda Paiva, gerente de Marketing Institucional da Natura. “De uma forma geral, os coletivos promovem impacto cultural, social e econômico que multiplica o alcance de um patrocínio. A gente investe no coletivo e toda uma rede de pessoas conectada a ele também é impactada de forma positiva”, completa.

Em João Pessoa o projeto oferecerá a roda de conversa “Desafios e Enfrentamentos das Mulheres no Mercado de Trabalho”, que trará um diálogo sobre o espaço e o engajamento das mulheres no mercado atual, no dia 17 de março, no Vila do Porto, com participações especiais das produtoras culturais Marcelina Moraes e Fabi Velôso. Ao final do bate-papo, no mesmo local, Ana Morena, Andrea Martins e Simona Talma se apresentam com a banda criada especialmente para o Rock de Mulher Circuito, com participação especial das cantoras paraibanas Val Donato e Nathalia Bellar.



 Sobre o Rock de Mulher

Idealizado pela cantora e compositora potiguar Simona Talma, o projeto Rock de Mulher surgiu pela busca do empoderamento feminino na música, como também em outras vertentes artísticas como o audiovisual, as artes visuais e as artes cênicas.  O projeto agrega diversas linguagens, estimulando o coletivo feminino nas artes e desconstruindo a relação de poderes e hierarquias impostos culturalmente por uma sociedade que ainda vive o machismo velado, inclusive em movimentos culturais e artísticos.

A busca pela representatividade foi o que impulsionou Simona a realizar eventos com predominância feminina em Natal, entre os anos de 2015 a 2018, com a festa Rock de Mulher e como membro da edição potiguar do Festival Sonora (Festival Internacional de Compositoras), que surgiu em 2016 a fim de dar visibilidade e legitimar a mulher como compositora no cenário musical.  Neste período foram realizadas 05 edições da festa Rock de Mulher, de forma independente (sendo 04 em Natal e 01 em João Pessoa), envolvendo um total de 31 artistas mulheres de grande potencial e visibilidade no território que atuam.

 

Sobre Natura Musical

Natura Musical é a principal plataforma de patrocínio da marca Natura. Desde seu lançamento, em 2005, o programa investiu R$ 132 milhões no patrocínio de 418 projetos – entre CDs, DVDs, shows, livros, acervos digitais e filmes. O último edital do programa neste ano selecionou 50 projetos em todo o Brasil, entre artistas, bandas e coletivos. Os trabalhos artísticos renovam o repertório musical do país e são reconhecidos em listas e premiações nacionais e internacionais.

A plataforma digital do programa leva conteúdo inédito sobre música e comportamento para mais de meio milhão de seguidores nas redes sociais. Em São Paulo, a Casa Natura Musical se tornou uma vitrine permanente para a rica e pulsante produção musical brasileira.

 

SERVIÇO

Rock de Mulher Circuito – Empreendedorismo e Formação para Mulheres na Música – João Pessoa

Domingo, 17 de março

Roda de Conversa – Desafios e Enfrentamentos das Mulheres no Mercado de Trabalho – 17h

Show Rock de Mulher – 19h

Participantes: Ana Morena, Simona Talma, Andréa Martins

Convidadas: Marcelina Moraes, Val Donato, Nathalia Bellar e Fabi Velôso

Vila do Porto – Praça São Frei Pedro Gonçalves, 8 – Varadouro, João Pessoa – PB

Produção Local: Miragem

 

*Assessoria de imprensa | Rock de Mulher Circuito

Foto destaque: Divulgação

 

Leia também: St. Patrick’s Day em João Pessoa: saiba onde ir e se divertir

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

 

 

Geraldo Bernardo lança A Doida Paixão De Um Doido em João Pessoa

O livro “A doida paixão de um doido”, do escritor Geraldo Bernardo, já tem confirmado os seus primeiros lançamentos. A novela, cujo selo é da Arribaçã Editora, será lançada, oficialmente, no dia 9 de março de 2019, na Livraria do Luiz, em João Pessoa, às 10 horas. O segundo lançamento programado será para o dia 15 de março deste ano na Biblioteca Pública Municipal Humberto de Campos, no município de Sousa, Sertão da Paraíba, às 19 horas. O livro já pode ser adquirido pelo site.

Ambientada no sertão, com sua aridez, costumes, linguajar e folclore por demais dominados pelo autor, a novela tem como protagonista um “rapazote” que, ainda tão novo e sofrendo um pequeno revés, perdeu o nome próprio como é comum na região, sobretudo nas comunidades rurais. Deixou de ser José (já sem sobrenome), para ser Zé Pimba, como tantos Zés que ganham um apelido por uma característica própria, laço familiar ou qualquer circunstância.

Contada por um narrador-personagem, que interage com outros personagens flutuantes, convidados para escutarem as aventuras e desventuras de Zé Pimba, moleque criado sob os maus tratos físicos e verbais do pai e vítima dos flagelos da seca – inclusive com uma passagem que flerta com “Vidas Secas”, de Graciliano Ramos, com a família precisando se “retirar” de um lugar para outro em busca da mínima sobrevivência.



“O que nos chega às mãos para leitura é uma novela no sentido original da palavra, remontando a própria literatura renascentista no seu rompimento com a tradição literária medieval. Colocando-se entre o conto e o romance, a novela tem como característica um conflito principal, sobre o qual orbitam todas as ações, personagens – em número reduzido – e conclusão do enredo”, afirma o jornalista e poeta Lenilson Oliveira no prefácio da obra.

Geraldo Bernardo Abrantes é sertanejo, nascido na zona rural de Sousa no ano de 1966. Formado em História pela UFPB, campus de Cajazeiras, foi na terra de padre Rolim que se tornou professor. Escreveu, encenou e dirigiu vários espetáculos, com destaque para: “Lucidez Psicossomática” (1992), “A Saga do Corvo” (1996), outro texto bastante premiado, que circulou pelo Nordeste. Como contista lançou: “Noite Lúgubre” (2002); “Meu amigo Pedro” (2003); “Contos Contados” (2008); “Jamili e o especialista em milagres” (2013).

A partir do poema “As arupembas de alumínio”, que circulou pela internet no ano de 1993 sendo bastante elogiado, construiu personagem Arupemba. Além das declamações publicou os folhetos: “Os causos de Arupemba” 1, 2 e 3 (2006/ 2007) e gravou um CD com o mesmo nome.  Na literatura de cordel merece destaque os folhetos: “A Encoberta – a história de uma santa sem altar” (2003); “Quando os bichos falavam” (2011); “O periquito de Zefa” (2017); “Arupemba, o matuto beradeiro/CD” (2017) e, “As aventuras de Chico Socó”, uma lenda verdadeira (2018). Também como ator participou do longa metragem “O sonho de Inacim” (2006) e o curta “O homem e a serra”, projeto Revelando os Brasis.

 

*Secom-PB

Foto destaque: Divulgação

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

As cantoras Céu e Daúde farão show em homenagem as Mulheres em JP

O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana e da Funesc, realiza show em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. O evento vai acontecer no sábado (9), com participação das cantoras Céu e Daúde. A ação faz parte de uma vasta programação que acontece em várias cidades paraibanas durante todo o mês de março. As apresentações acontecem a partir das 20h, no Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa. A entrada é gratuita.

Céu chega à capital paraibana com o álbum “Tropix” (o 5º da carreira). A turnê, que teve início em 2016, já passou pela Europa, Estados Unidos e diversas cidades brasileiras. Entre os destaques desse mais recente trabalho estão canções como “Perfume do Invisível”. “Tropix” é um álbum sintético, noturno, reluzente e conta com a produção musical de Pupillo (Nação Zumbi) e Hervé Salters (vocalista, produtor musical e fundador da banda General Elektriks).

Além de Tropix, a cantora e compositora Céu deve resgatar sucessos de álbuns anteriores, como o primeiro disco, lançado em 2005 sob influência do samba de raiz e música urbana, que lhe rendeu três indicações ao Grammy e vendeu mais de 200 mil cópias só nos Estados Unidos – a mais alta posição no Top 200 da Billboard alcançada por um artista brasileiro desde Astrud Gilberto com “Girl from Ipanema” – e mais de 400 mil cópias pelo mundo.

Seu segundo disco, “Vagarosa” (2009) foi novamente aclamado pela crítica e emplacou o segundo lugar na parada de World Music da Billboard. No mesmo ano foi considerada pela revista Época um dos 100 brasileiros mais influentes de 2009. Em 2010, gravou uma versão de “Tempo de Amar” (Baden Powell) no disco do lendário músico americano Herbie Hancock, “The Imagine Project”. Em 2011, fez sua versão de “It´s a Long Way” (Caetano Veloso) para o álbum“Red Hot + Rio 2”, projeto beneficente para a pesquisa da cura da Aids.



daude
Foto: Divulgação

Daúde chega à capital paraibana com o “Código Daúde”, seu 5º álbum de carreira. Um trabalho em que a artista se auto define como enigmática. São 12 canções em que a artista esbanja ritmo, conhecimento de causa e inventividade, sempre filtrados pela sua forma única de cantar. De acordo com a apresentação do álbum, assinada por Tony Bellotto, “existe um doce enigma no canto de Daúde, que só o seu próprio código pode decifrar”.

Daúde sereia africana, que canta as versões dançantes dos clássicos “Que Bandeira”, de Marcos Valle, e “Babalú” (imortalizada pela sereia mor Angela Maria). As surpresas se sucedem, “O Vento”, de Rodrigo Amarante, “Como Dois Animais”, num dueto antológico com Alceu Valença, “Barco Negro”, um fado que faz pensar numa Black Amália Rodrigues, e “Cala A Boca, Menino”, de Dorival Caymmi, em que Daúde inunda os ouvidos de ginga e sensualidade.

Ao mesmo tempo, o canto de Daúde vai para muito longe também, sugerindo um Brasil futurista. Seu repertório traz “Sobradinho”, de Sá e Guarabyra, numa releitura cheia de ritmo e sons de um sertão pós-apocalíptico, e “Segura Esse Samba” e “Falso Amor Sincero” – com a presença mística de Nelson Sargento, o sambista Jedi – numa mistura de ritmos que acaba por transformá-los num novo ritmo. As revelações continuam com “Minhas Razões”, de Antônio Carlos e Jocafi, “Eu Não Vou Mais”, de Orlandivo e Durval Ferreira, até o grand finale com sabor de cabaret europeu, “J’ai Deux Amours”.

 

Serviço:

Show em homenagem ao Dia Internacional da Mulher

Data: 09/03, às 20h

Local: Espaço Cultural José Lins do Rego

Entrada: gratuita

Realização: Governo do Estado / Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana/ Funesc

 

*Secom-PB

Foto destaque: Divulgação

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

 

 

 

 

 

Viagem: Praias para surfar e perfeitas viajar pelo Brasil

A realização em Saquarema (RJ) da 5ª entre as 11 etapas do campeonato mundial de surf 2019, no próximo mês de junho, reforça a importância do Brasil no cenário internacional do esporte. Afinal, alguns dos maiores nomes do esporte são brasileiros, caso do bicampeão mundial Gabriel Medina e Adriano de Souza, o mineirinho. São cerca de 8 mil quilômetros de litoral com praias que atendem os anseios tanto de iniciantes como de veteranos do surf. O litoral potiguar, por exemplo, é um celeiro de surfistas, principalmente na badalada Pipa e na vizinha Baia Formosa com suas exuberantes falésias e a visita de muitos golfinhos.

Se a subida das marés faz a alegria dos que se aventuram no mar em praias de fundos de areia, pedras ou recifes de corais, fora das ondas a costa brasileira exibe paisagens para todas as tribos que amam o surf. Fernando de Noronha (PE) é o destino dos sonhos dos surfistas de nível avançado e dos turistas que buscam praias paradisíacas. O santuário brasileiro de vida marinha e mergulho é considerado Patrimônio Natural Mundial da Unesco. Ainda em Pernambuco, Maracaípe, na região metropolitana do Recife, é outro destino que associa o surf com passeios inesquecíveis de jangada e mergulho nas piscinas naturais da vizinha Porto de Galinhas.



mata-de-sao-joaoo
Foto: Divulgação/Praia Mata de São João

Mata de São João (BA) já é famosa entre os surfistas pela Praia do Forte e suas ondas com fundo de coral. Nas areias da praia, os projetos Tamar e Baleia Jubarte merecem uma visita. Também ao norte de Salvador, Itacimirim, na Estrada do Coco, movimenta o verão com suas grandes ondas. Na capital, entre um acarajé e uma visita ao casario colorido do Pelourinho, a praia de Aleluia com ondas fortes também devem entrar na lista de surf trip do Brasil. Ao sul da Bahia, Itacaré, na Costa do Cacau, é outro paraíso do surf com paisagens que atraem até quem nunca se aventurou numa prancha.

praia-de-regenciaa
Foto: Divulgação/Praia de Regência

No Sudeste, Linhares (ES) é famosa tanto pelas mais de 60 lagoas como pelas grandes ondas da praia de Regência. Na cidade do Rio de Janeiro, a Prainha, no Recreio dos Bandeirantes é a mais disputada entre os surfistas e Saquarema, na Região dos Lagos, sediará a etapa Brasil do mundial de surf entre os dias 20 e 28 de junho. As ondas fortes do mar agitado da Praia do Tombo, no Guarujá (SP) são ideais para quem surfa no litoral norte paulista que conta com dezenas de praias, a partir de Santos, considerada o berço nacional do surf. São Sebastião, Maresias, Ubatuba e Itamambuca estão entre as mais frequentadas pelos surfistas.

praia-de-joaquinaa
Foto: Divulgação/Praia de Joaninha

Florianópolis (SC) tem a praia da Joaquina como um ícone do surf brasileiro. Já o sandboard é a opção de surfar nas dunas de areia que circundam a praia. As praias Mole e do Campeche também estão entre as favoritas da ilha. Na lista catarinense dos destinos de surf, Garopaba e Ferrugem são famosas pelas grandes ondas e longas noitadas. Em Imbituba, ainda em Santa Catarina, as praias do Rosa e Guarda do Embaú são points dos surfistas. As baleias-franca costumam visitar a região. Já Torres (RS) tem a Praia dos Molhes como o destino dos surfistas mais ao sul do Brasil. No local os turistas também podem avistar lobos e leões-marinhos.

 

*Geraldo Gurgel/Ministério do Turismo
Foto destaque: Eduardo Vessoni

 

Leia também: Descubra os melhores hotéis em João Pessoa para viagens de casal

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

Viagem: Conheça lugares no Brasil com grafites legais para tirar fotos

A paisagem quase monocromática das metrópoles, com o horizonte de arranha-céus em tons de cinza, ganha vida nas expressões de arte pintadas em muros, fachadas e paredes. O grafite – manifestação artística moderna que utiliza sprays para desenhar, colorir e modificar a cena urbana – transforma um simples passeio pelas ruas de grandes cidades brasileiras em uma verdadeira experiência cultural.

O grafite cravou seu nome como arte e se tornou uma importante ferramenta de apoio ao turismo, como destaca o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. “A arte urbana é um dos pilares que compõem o turismo, um atributo que se soma à atratividade do destino para induzir a geração de emprego e renda. Nas regiões onde estão instalados os grafites, é comum perceber a abertura de cafés, restaurantes e atividades culturais que fomentem a chegada de turistas”, explica.

osgemeos
Foto: Divulgação/Grafite dos Gêmeos em São Paulo

A maior metrópole do país, São Paulo (SP), também é uma das maiores quando o assunto é arte de rua. Os desenhos se incorporaram à paisagem em inúmeros pontos da cidade, produzindo verdadeiras “telas” ao ar livre e criando referências para os visitantes. Alguns deles são assinados por artistas mundialmente conhecidos, como os irmãos Gustavo e Otávio Pandolfo, conhecidos como OsGêmeos.



Os grafites do bairro paulistano Vila Madalena são pontos turísticos muito conhecidos para quem é apaixonado por arte de rua. O espaço ganhou fama nos anos 80, quando um desenho do Batman, herói dos quadrinhos e cinema, apareceu grafitado da noite para o dia em uma das paredes do beco. A partir daí, os muros ganharam um colorido que emociona, reflete e anima a “galeria” de arte ao ar livre. 

Fã de viagem e arte de rua, Josiane Bravo tem histórias para contar sobre grafite. Ela já visitou outros países que são tradicionais palcos dessa arte – como Inglaterra, Argentina e Holanda –, mas avalia que o Beco do Batman merece entrar para a lista de roteiros especiais no mundo. “Ali vemos a revitalização de um lugar que era comum e se tornou um grande atrativo turístico. Os gringos que vêm a São Paulo são atraídos pela arte – é o caso do meu namorado, que é holandês e ficou encantado quando conheceu o lugar”, explica a turista, que divide passeios e conhecimentos de viagens no Instagram Uma Turista nas Nuvens.

kobraa
Foto: Divulgação/Grafite do Kobra no Rio de Janeiro

No Rio de Janeiro (RJ), os grafites podem ser comparados a monumentos arquitetônicos, uma vez que viram a própria paisagem devido ao tamanho dos desenhos. Na cidade-símbolo do Brasil no exterior, a zona portuária mescla história e modernidade. No Boulevard Olímpico, grande passarela de turistas durante os Jogos Olímpicos Rio 2016, gigantescos painéis fazem do espaço um dos maiores corredores artísticos a céu aberto do mundo, colorindo o passeio de quem visita a orla e o Museu do Amanhã, a poucos passos dali.

A cidade emplacou, em 2016, recorde no Guinness Book por sediar o maior grafite do mundo: 15 metros de altura por 170 metros de comprimento. Intitulada “Mural Etnias”, o trabalho de Eduardo Kobra carrega a mensagem de união nos rostos de cinco povos do mundo, o que levou o espírito da competição olímpica para o coração da cidade e o eternizou nas paredes do Porto Maravilha.

elza-soaress
Foto: Silvi de Palma/Grafite em Minas Gerais

A capital mineira também é adepta da street art (arte de rua) e incentiva o trabalho e reconhecimento de quem ressignifica esses espaços urbanos. Desde 2017, a paisagem das ruas de Belo Horizonte conta com grafites que chamam atenção pela grandiosidade: são painéis que ocupam laterais inteiras de arranha-céus.

Produzidos por artistas nacionais e internacionais, os grafites do Festival Circuito Urbano de Arte (CURA) têm como objetivo cativar, por meio da arte, quem transita pelo centro da cidade. A iniciativa deu tão certo que já tem data para uma nova edição: entre julho a agosto deste ano.



Os grafites também estão espalhados por diversos bairros, além de pontos estratégicos de grande circulação. Até as lixeiras da capital mineira foram transformadas com os fofos cupcakes da artista Maria Raquel Bolinho. Além dela, os trabalhos dos renomados Zack, Thiago Alvim e Baba Jung, por exemplo, são apreciados livre e gratuitamente pelos turistas.

grafite-recife
Foto: Divulgação/Grafite em Recife

No Recife (PE), os traços típicos que narram o legado do povo pernambucano são marcados com spray. Folclore, expressões regionais e personagens carnavalescos foram criados pelas rajadas de tintas dos artistas Galo, Jota ZerOff, Bozó Bacamarte, Karina Agra, Manoel Quitério e Coletivo Vacilante, e fizeram com que o Recife entrasse para o grupo de cidades que merecem destaque pela incrível arte urbana. Entre os locais onde são encontrados os desenhos, destacam-se as regiões do Centro, Bairro do Recife, Várzea, Avenida Norte e avenida Mascarenhas de Moraes.

 

*Nayara Oliveira/Ministério do Turismo

Pauta e edição: Vanessa Sampaio/Ministério do Turismo

Foto destaque: Reprodução/Blog Uma Turista nas Nuvens

 

Leia também: Viagem: destinos exóticos para conhecer em 2019

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Conheça outros destinos de carnaval aqui no Brasil que valem a pena

Quando se fala em Carnaval, a primeira imagem é das festas realizadas em grandes centros como Rio de Janeiro, Salvador e Recife, e, mais recentemente, dos blocos de rua que movimentam cidades como São Paulo, Belo Horizonte e Brasília. No entanto, a data representa uma das maiores tradições culturais do Brasil e mobiliza o público em pequenos e grandes municípios de norte a sul do país.

O espírito festeiro é uma marca nacional. De 1 a 5 de março, tem folia programada em Balneário Camboriú (SC), Bragança e Óbidos (PA), Oeiras (PI), Castelo (ES) e Corumbá (MS), destinos que são uma amostra da popularidade da festa nas cinco macrorregiões brasileiras.

Carnaval da Família, em Panorama (SP); Cultural, em Macau (RN); Festa Ufológica, em Colares (PA); Carnaboi, em Parintins (AM), terra do embate entre os bois Caprichoso e Garantido; são algumas das denominações utilizadas para batizar a folia nos municípios que inscreveram seus eventos no calendário nacional.



A festa promete também em destinos que, focados em segmentos específicos do turismo, apostaram no Carnaval para turbinar o turismo. É o caso de Brotas, no interior de São Paulo, que este ano adotou o lema “durante o dia, aventura, à noite, folia”. Ouro Preto (MG), patrimônio cultural da humanidade, que ao longo dos anos ganhou fama como cidade foliã, também está pronta para colocar os blocos na rua e atrair multidões, como acontece anualmente.

 

 

Leia também: Conheça novos roteiros para cair na folia de carnaval no Brasil

 

Edição: Vanessa Sampaio/Ministério do Turismo

Foto destaque: João Castellano

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

Cinderela Pop é o destaque desta semana nos cinemas de João Pessoa

Estamos na semana do Carnaval, mas isso não é desculpa para não ir aos cinemas aqui em João Pessoa.  E hoje é quinta-feira e, como de praxe, temos estreias. Novos filmes entram em cartaz esta semana de feriado prologando. Temos o novo filme da Maísa, Cinderela Pop, um conto de fadas moderno nacional, o longa A Caminho de Casa,A Maldição da Freira e Não Olhe, ambos filmes de terror. Então podemos já ir adiantando que os que entrarão em cartaz hoje com certeza irão agradar o gosto do público. Confira a sinopse e os trailers de cada um e faça sua escolha!

 

Cinderela Pop

maisaa
Foto: Divulgação

O filme estrelado por Maísa é uma adaptação da obra literária da escritora Paula Pimenta e conta a história de Cíntia Dorella, uma pré-adolescente independente que após ver o pai traindo sua mãe no dia do casamento, acaba entrando numa grande desilusão sobre o amor. Após o ocorrido, seu pai casa-se com outra mulher e sua mãe resolve viajar, fazendo com que a protagonista vá morar com sua excêntrica tia. A partir daí Cíntia resolve desenvolver melhor suas habilidades como DJ nesta nova abordagem nacional de um conto de fadas clássico.



A Caminho de Casa

a-caminho-de-casaa
Foto: Divulgação

Para as pessoas que gostaram do filme Marley & Eu, com certeza vão adorar A Caminho de Casa. Na verdade a maioria dos longas que falam sobre cachorros acabam atraindo muito o público e fazem todos se emocionarem. Aqui somos apresentados à cadelinha Bella, que assim como na maioria das histórias de cachorros foi encontrada na rua e adotada por um jovem estudante de medicina veterinária. Construindo uma relação cada vez mais amigável e divertida, os dois viram companheiros um do outro. Até que um dia Bella foge de casa e acaba não sabendo como voltar e entrando sem querer numa jornada em que ela acaba passando por vários perrengues e situações de saber vivenciar o mundo. O filme é narrado pela própria Bella, o que acaba o tornando mais emocionante ainda.

 

A Maldição da Freira

a-maldicao-da-freiraa
Foto: Divulgação

Baseado numa história real, A Maldição da Freira se passa em um abrigo católico que abriga mulheres que vivem à margem da sociedade e são renegadas. São elas prostitutas, mulheres grávidas solteiras, mulheres com distúrbios mentais e órfãs, que eram supervisionados por freiras e dois padres que resolvem investigar uma possível atividade exorcista. A narrativa se passa nos anos 60, e as histórias que são mostradas são de um caso peculiar no qual mais uma vez o diabo não está se escondendo e acaba incorporando no corpo de uma das mulheres do local, levando assim para aquelas situações sobrenaturais de exorcismo.

 

Não Olhe

dont-lookk
Foto: Divulgação

Mais um filme de terror na lista de programação, desta vez temos Não Olhe. Uma estudante de colegial insegura, sem amigos, que sofre bullying na escola e devido à solidão que a cerca, ela não tem com quem desabafar ou até mesmo conversar e acaba despertando uma segunda pessoa dentro de si, alguém que faz exatamente tudo o que ela normalmente não faria. Uma outra personalidade que é totalmente diferente do que ela é, e o aparecimento dela acaba acontecendo após as muitas situações embaraçosas tanto no colégio como em casa. Mudando totalmente seus atos, a protagonista acaba desenvolvendo um distúrbio de personalidade dentro dela que acaba se tornando autoritária, fazendo com que tudo acabe saindo do controle, de uma maneira ou de outra.

 

*Isabelle Vasconcelos/Estagiária sob supervisão

Foto destaque: Divulgação

 

Leia também: Crítica: Vice é um retrato vilanesco da política americana atual

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

Exposição fotográfica está aberta ao público no Pavilhão do Chá

A exposição ‘Ações Humanas e Consequências’ está em cartaz no Centro Cultural Pavilhão do Chá, no Centro da Capital. As obras fotográficas, que são de autoria de Vicente de Souza, permanecem no local até o dia 25 de março. A entrada é gratuita e aberta ao público de todas as idades, sendo disponível para visitação de segunda a sexta-feira das 8h às 17h. A iniciativa é da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope).

De acordo com o autor, a intenção das obras é sensibilizar as pessoas para a falta de cuidado em relação ao meio ambiente. “Queremos chamar atenção para o consumo abusivo de substância lícita, sem levar em consideração as consequências destrutivas pelo consumo excessivo de drogas nocivas à saúde humana. Além disso, vai provocar também a conscientização sobre a destruição da natureza, a falta dos cuidados com si mesmo e com o ambiente em que vivemos. ”, destacou Vicente de Souza.

A exposição é composta por 16 fotos coloridas. Nas fotografias, os visitantes vão ter a oportunidade de ver, através do olhar de Vicente de Souza, os prejuízos que são provocados na natureza.



O administrador do Pavilhão do Chá, Neto Lucena, destaca a importância do espaço para a disseminação da arte e da cultural, trabalho este realizado por meio de diversas exposições e outras atividades. “Além de todo o resgate que esse local oferece para a população, também é o resultado de todo trabalho que a PMJP tem feito para desenvolver ainda mais o nosso Centro Histórico”, afirmou.

Revitalizando espaços – Desde que assumiu a PMJP, em 2013, o prefeito Luciano Cartaxo tem feito ações para a recuperação de toda a região central de João Pessoa, incluindo o Centro Histórico. Entre as obras entregues está o Pavilhão do Chá, localizado na Praça Venâncio Neiva. O espaço foi entregue completamente requalificado em agosto de 2017 e desde então passou a ser um Centro Cultural, envolvendo as artes como música, dança e literatura, além de exposições, oficinas e palestras.

 

Serviço –

Exposição ‘Ações Humanas e Consequências’ de Vicente de Souza

Local: Centro Cultural Pavilhão do Chá

Dia: aberto ao público até o dia 25 de março

Hora: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17

Classificação indicativa: aberta para todas as idades

Evento gratuito

 

*Rômulo Teodorico/Secom-JP

Foto destaque: Divulgação

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Viagem: Destinos nacionais famosos que estão em alta em 2019

As listas de viagem para 2019 são tentadoras. A mídia especializada pode ajudar na escolha com a divulgação dos melhores destinos brasileiros, uma vez que os turistas, quando acessam plataformas digitais, deixam indicações das buscas pelos lugares mais cobiçados para as próximas viagens. Os mais acessados e procurados nos sites de reservas podem até variar entre uma plataforma online e outra, mas algo que nunca muda é o fato de que o Nordeste está sempre entre as regiões mais buscadas. Todos os estados nordestinos apresentam destinos desejados por brasileiros e estrangeiros e a tendência indica que a procura continuará crescendo durante o verão, até o carnaval.

canoa-quebrada
Foto: Divulgação

O Ceará, assim como a Bahia, com suas praias paradisíacas, não sai de moda. Fortaleza, é o novo centro regional de conexões, inclusive internacionais e é um dos destinos nacionais famosos. A Costa do Sol Nascente, ao Leste da capital cearense, já é conhecida pela diversidade de praias com opções que vão de parque aquático às dunas e falésias que se estendem até o Rio Grande do Norte. Canoa Quebrada é um dos destinos favoritos desse roteiro. A Oeste, a Costa do Sol Poente segue até Jericoacoara, com seu novo aeroporto, onde chegam turistas do mundo todo ao Parque Nacional de Jericoacoara. O destino de natureza e aventura integra a Rota das Emoções, juntamente com o Delta do Parnaíba (PI) e o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses (MA). Os três destinos integram o roteiro repleto de atrativos naturais e opções de esportes radicais, além da gastronomia e do artesanato.



alter-do-chao
Foto: Divulgação

A vila de Alter do Chão, em Santarém (PA), deverá ser o destino nacionais famosos como a praia fluvial mais procurado da região Norte. O local é conhecido pelos bancos de areias alvas banhadas pelas águas transparentes do rio Tapajós. Na busca dos turistas por destinos alternativos dentro do país, Alter do Chão desponta como tendência. De lá partem expedições de turismo de experiência nas comunidades ribeirinhas que vivem do extrativismo na floresta. Um levantamento feito pelo site Kayak mostra Manaus (AM) entre os destinos que tiveram significativo aumento de buscas de turistas interessados. A procura dos usuários sugere a capital do Amazonas, nas margens do rio Negro, como tendência de turismo doméstico para 2019. Manaus já é um dos principais destinos dos turistas estrangeiros que visitam o Amazonas, tendo recebido 33.627 estrangeiros em 2017.

cataratas-foz-iguaçuu
Foto: Divulgação

Na região Sul, Foz do Iguaçu (PR) é um dos destinos nacionais mais famosos e também se reafirma como um dos destinos mais procurados. O principal atrativo, as Cataratas do Iguaçu, patrimônio natural da humanidade, ficam no Parque Nacional do Iguaçu que recebeu 1.895.508 turistas em 2018, um aumento de 6% em relação ao ano anterior. Já Santa Catarina atrai turistas brasileiros e do Mercosul, tanto pelas belezas do litoral como pelo turismo de montanha. Florianópolis, é o destino mais famoso do estado, com mais de 100 praias. Já Balneário Camboriú está entre os mais badalados. Joinville, Itajaí e Blumenau atraem cada vez mais turistas em busca das tradições alemãs e italianas. Já o parque temático Beto Carrero World, no município de Penha, segue como principal destino de quem desembarca no aeroporto de Navegantes em busca de aventura e diversão.

 

*Geraldo Gurgel/Ministério do Turismo

Foto destaque: Divulgação/Cataratas do Foz de Iguaçu

 

Leia também: Conheça novos roteiros para cair na folia de carnaval no Brasil

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

 

Conheça novos roteiros para cair na folia de carnaval no Brasil

Está chegando o momento em que as serpentinas e confetes tomam contas das ruas no carnaval do Brasil. A tradição do Carnaval, legado deixado pelos povos europeus a partir do século XVII, hoje é uma festa que espalha alegria de norte a sul do país, movimentando a economia e promovendo a geração de renda nas cidades foliãs. Neste ano, a folia será no início de março, com a terça-feira de Carnaval no dia 5. Mas a festança começa mesmo no final de semana que antecede a data, contando com cinco dias praticamente ininterruptos de diversão. A tarefa, agora, é se programar para curtir os dias de folga sem preocupação.

 

Belém (PA) – Os ansiosos para cair na folia já podem embarcar rumo à Belém, capital do Pará. A cidade tem como tradição adiantar os festejos de Carnaval e inicia a temporada das serpentinas trazendo desfiles de Escolas de Samba (este ano, marcado para os dias 22 a 24 de fevereiro). A festa se estende por toda a cidade e seus distritos, quando o Carnaval é celebrado no período tradicional com os famosos blocos de rua, marchinhas, bandas de fanfarra, samba, axé e pagode. Um banho no “mar de água doce” é outro atrativo que ajuda a espantar calorão de 32ºC (média de temperatura no Pará) na região foliã. Após o mergulho, aproveite para deliciar-se com a gastronomia escolhida como a número um pelos estrangeiros que visitaram o Brasil.

 

Guaratuba (PR) – Show em trio elétrico, desfile de escola de samba e festejo de rua é a mistura que compõe a festa de Guaratuba. A cidade, que fica a 120 quilômetros de Curitiba, carrega o título de “maior carnaval do litoral paranaense” e reuniu, em 2018, cerca de um milhão de pessoas em três noites de evento. Além dos atrativos oferecidos pela prefeitura, o município ainda conta com opções de festas mais reservadas e eventos à beira mar. Por falar em mar, o mergulho nas águas salgadas do Sul também é um dos atrativos principais do Carnaval. As praias Central, de Coroados, de Caieiras e Brejatuba estarão esperando os foliões com uma vista de tirar o fôlego.



Brasília (DF) – A capital de todos os brasileiros tem se tornado também a capital do Carnaval. Isso porque, a cada nova edição da festa, Brasília se destaca trazendo shows com o que há de melhor nas paradas de sucesso, se tornando uma nova referência de carnaval no Brasil. Para 2019, a cidade prepara o “Carnaval no Parque”, evento com apresentações de artistas brasileiros conhecidos mundialmente. A programação vai acontecer no Parque da Cidade Dona Sarah Kubitschek e carrega o slogan “O Carnaval mais sustentável do Brasil”. A estadia em Brasília ainda proporciona ao turista uma visita nos mais famosos monumentos cívicos do país: Congresso Nacional, Praça dos Três Poderes e Museu da República, entre outros.

 

São Luís (MA) – O antigo e o novo se encontram no Carnaval de São Luís. Batuques, brincadeiras e personagens que remetem à história da cidade tomam conta das ruas e deixam os dias de festa ainda mais animados. Na capital dos maranhenses, shows, atrações culturais, blocos de rua e desfile de escolas de samba estão garantidos para o feriadão. A cidade já se prepara para o Carnaval e trouxe, no domingo passado (20) um “esquenta”, com um divertido pré-carnaval. Além da folia, a cidade tem como traço as tradições de um Brasil Colônia. Visitar o Centro Histórico, por exemplo, faz com que o viajante tenha a sensação de “viajar no tempo” e reviver a memória dos antepassados.

 

*Nayara Oliveira/Ministério do Turismo

Edição: Vanessa Sampaio/Ministério do Turismo

Foto destaque: Divulgação

 

Leia também: Rolês de Carnaval em João Pessoa para já ir entrando na folia

 

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3