Belém sedia abertura da Rota Cultural Raízes do Brejo

A 3ª edição da Rota Cultural Raízes do Brejo vai ser aberta oficialmente nesta sexta-feira (20), a partir das 19h, na cidade de Belém, a 123 km de João Pessoa. O evento de abertura é um musical e também estão confirmadas apresentações culturais em praça pública.



As atividades culturais e ecológicas se prolongam até domingo (22) com uma programação que contempla visitas a engenho e restaurante rural, caminhada ecológica, exposições de arte, eventos esportivos, shows musicais, oficinas artísticas e gastronômicas.

A rota cultural reúne nove municípios do Brejo paraibano que buscam incrementar o turismo regionalizado, incentivando o empreendedorismo nas áreas da gastronomia e da cultura, elevando assim a autoestima e a renda dos moradores.



Programação – Na sexta-feira pela manhã, está prevista uma visita ao engenho Retiro, localizado na fazenda Retiro e distante 13 km do centro da cidade. A saída em direção ao engenho está prevista para as 7h da manhã. O engenho produz a cachaça D’Dil. Ainda pela manhã, estão previstas oficinas sobre modelagem com material reciclável e argila. Na parte da tarde, acontece uma oficina sobre Sustentabilidade e Criatividade com garrafas de vinho, nas dependências da biblioteca municipal. Está confirmada uma exposição fotográfica: Belém, Retratos contemporâneos.

No sábado, está prevista uma visita ao Restaurante Rural Cantinho Verde da Fran, no sítio Mufumbo, e uma oficina sobre Gastronomia Regional com a professora Genilda. Esse evento vai ocorrer nas dependências do antigo pelotão da PM, das 13 às 17h.



O domingo inicia com uma caminhada ecológica pelo Parque São Luís. A saída está prevista para as 7h, na praça 6 de setembro. Ainda pela manhã acontece um Festival de Pipas, no Campo da Cerâmica. À tarde ocorre uma corrida Kids, na praça 6 de setembro, às 15h. O encerramento do evento acontece na praça 6 de setembro, às 20h, com apresentação da Banda Filarmônica 26 de novembro.

Por Assessoria / Foto: Divulgação



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Gastronomia do Centro-Oeste é um dos itens mais bem avaliados

A grande maioria dos turistas estrangeiros que visitaram estados do Centro-Oeste e o Distrito Federal em 2018 aprovou a gastronomia da região, com um índice de 96,9%. A culinária teve maior destaque em Goiás e no Mato Grosso do Sul, onde 98% e 97,2% dos visitantes, respectivamente, avaliaram positivamente o item.

No Distrito Federal e em Goiás, os norte-americanos foram os principais turistas estrangeiros em 2018. Já no Mato Grosso do Sul, os nossos vizinhos bolivianos representaram uma importante parcela dos visitantes no estado.



Entre os destinos líderes em procura para lazer, as cidades mais visitadas foram Alto Paraíso de Goiás, Bonito (MS), Brasília (DF), Campo Grande (MS) e Goiânia (GO). A maioria se hospedou em casas de amigos e parentes, com um índice superior a 45%, enquanto hotéis, flats e pousadas responderam por índices de 16,8% a 37,7% das escolhas.

Mais de 93,6% dos turistas estrangeiros que estiveram no Centro-Oeste manifestaram intenção de retornar ao Brasil, sendo que pelo menos 66,5% deles já haviam estado no país anteriormente.



DADOS NACIONAIS

A pesquisa, realizada ao longo de 2018 com 39 mil turistas de outras nacionalidades, revelou que a experiência turística no Brasil superou ou atendeu plenamente a expectativa de 87,7% dos entrevistados, e 95,4% pretendem voltar ao país.

O número de visitantes provenientes das quatro nações então beneficiadas com a adoção do visto eletrônico – Austrália, Canadá, Estados Unidos e Japão – cresceu 15,73%. Os canadenses foram os que mais aproveitaram a vantagem, com um salto de 45,3%, seguidos dos australianos (24,7%), norte-americanos (13,3%) e japoneses (5,5%). Desde 17 de junho de 2019, cidadãos desses países estão isentos da exigência do documento.

Por Victor Alves / Foto: Pablo Regino/MTur



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Parque da Bica abre no feriado do Dia do Comerciário

O Novo Parque da Bica abre ao público, excepcionalmente, nesta segunda-feira (16), feriado comemorativo ao Dia do Comerciário, em horário normal, fechando apenas na terça-feira (17) para realização de manutenção do local.



Recentemente reaberto, após passar por obras de requalificação, o Parque conta com nova estrutura de portaria, estacionamento, bilheteria, salas administrativas e melhorou a acessibilidade para idosos e cadeirantes. Atualmente está em fase de conclusão a construção de novos recintos para os felinos.

A Bica é um espaço de lazer de fácil acesso, com áreas para brincadeiras, caminhadas, praça de alimentação, parquinho infantil e belos locais para registrar os momentos em fotos e até mesmo realizar piqueniques.



O Parque está localizado na Avenida Gouveia Nóbrega, Róger, normalmente aberto de terça a domingo, das 8h às 17h, com bilheteria até as 16h. Ingressos custam R$ 2,00, por pessoa, porém crianças com até 7 anos e idosos não pagam.

Por Patrícia Cantisani / Foto Cleide Texeira



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Destino Fortaleza será apresentado ao trade espanhol em Madri

O grupo Globalia irá apresentar o destino Fortaleza ao trade espanhol em evento com o CEO da empresa, Javier Ilidalgo. A apresentação será realizada no próximo dia 3 de outubro, no Hotel Westin Palace, em Madri. O evento faz parte das ações do grupo para impulsionar o início dos voos da Air Europa entre Fortaleza e Madri, que já estão à venda e começam a operar em 20 de dezembro.



O Ceará passará a contar com três frequências da Air Europa, duas com início em dezembro e uma com início em junho. “Essa conquista fortalece o destino como centro de conexões do Nordeste. Esses novos voos têm tudo pra ter boa ocupação e ajudar o Ceará a manter os bons números no turismo”, destaca Arialdo Pinho, titular da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur).

Em julho, o Ceará foi mais uma vez o estado com maior crescimento em volume de atividades turísticas, apresentando crescimento de 8,5% no acumulado do ano em comparação com o mesmo período de 2018. Se forem considerados os últimos 12 meses, o Ceará também está no topo, com 11,7% de aumento. Os dados são da Pesquisa Mensal de de Serviços, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).



O Ceará vem se mantendo como o estado que mais cresceu desde o ano passado, quando fechou o ano com 6,6% de crescimento, três vezes maior que o crescimento do Brasil. “Temos investido na busca de novos voos e também em fortalecer os nossos destinos, para que o turista venha, fale para os familiares e amigos e também queira voltar”, completa o secretário.

Por Yanna Guimarães / Imagem destaque de Marcelino Saraiva Mota Marcelino por Pixabay



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Turismo sustentável: O que é e quais os melhores destinos

Vivemos uma época em que a conservação ambiental e o cuidado com a natureza estão cada vez mais em pauta. Afinal, basta ligar a televisão para ouvir diversas consequências provocadas por milhares de anos de exploração indiscriminada dos recursos naturais em troca do lucro.



Diversos setores do mercado já estão buscando alternativas que possibilitem o exercício de suas atividades econômicas de uma forma mais sustentável. Um deles é o turismo.

A seguir, descubra o que é turismo sustentável e como se tornar um turista mais consciente.

A importância do turismo
Ao longo dos anos, o turismo se tornou uma importante e lucrativa atividade econômica. Certamente um dos motivos é a capacidade de transformar mesmo os lugares mais remotos, em destinos turísticos potencialmente atrativos.



É possível dizer que não há região alguma, seja ela em regiões montanhosas, matas, desertos, áreas urbanas ou qualquer outra, em que a atividade turística não seja explorada em certo nível. Não é à toa que, de acordo com SIPRI Yearbook e United Nations, o turismo só perde, em números, para o comércio internacional de armas.

A ascensão do turismo sustentável
Sim, o turismo é lucrativo e por muitos anos foi visto apenas como uma atividade econômica. No entanto, com o passar do tempo, devido às consequências já visíveis em várias regiões do planeta, provocadas pelos milhares de anos de exploração de recursos, a consciência de que algo precisava ser feito começou a despertar também nesse mercado.



Com isso, em alguns lugares do mundo surgiram novas perspectivas sobre como conduzir esse tipo de atividade econômica de forma saudável, tanto para a natureza e como para a comunidade local. Foi aí que surgiu o turismo sustentável.

Veja a seguir 3 opções de destinos para quem busca o turismo sustentável:

Portugal

azores-2580225_1280 Imagem de alexanderfriedrichmsc por Pixabay

Antes que você se espante por ver Portugal na lista, saiba que o país é muito mais do que Porto e Lisboa. Localizado no sul da europa, o país lusitano também é considerado um destino de turismo sustentável devido às regiões portuguesas onde a preocupação com a preservação é alta. São elas: Cascais, Açores, Águeda, Alto Minho e Lago.

Cascais, por exemplo, é palco de um grande evento chamado Eco Cascais, que este ano comemora sua 2ª edição. O Eco Cascais tem como objetivo promover consciência ecológica por meio da divulgação de marcas de produtos artesanais, feitos com matéria prima sustentável, workshops que ensinam sobre reciclagem e preservação, além de palestras com especialistas sobre o assunto.

Ilha de Páscoa, Chile

rapa-nui-2411800_1920 Imagem de Walkerssk por Pixabay

Marcada por um passado de uso exagerado de recursos naturais, a Ilha de Páscoa, um dos destinos mais remotos do planeta, já passou por períodos de muita escassez e disputas territoriais. Quem conhece as famosas estátuas moais, marca registrada da ilha, pode não imaginar, mas no passado, as cabeças gigantes simbolizavam poder.

Ou seja, para afirmarem o seu poder, antigos clãs que habitavam a ilha não mediam esforços para construir um número cada vez maior de estátuas. O que significa o uso indiscriminado de recursos naturais, mão de obra e riquezas, tudo para colocar as estátuas em pé.

Para se ter ideia do tamanho da obsessão por essas estátuas, hoje existem cerca de 900 moais na ilha, todas herança de tempos passados. Lembrando que cada uma delas pesa cerca de 14 toneladas e mede, aproximadamente, de 4 a 6 metros de altura.

Como consequência disso, a Ilha de Páscoa perdeu boa parte da sua vegetação nativa. Hoje, o Chile trabalha incessantemente para reflorestar o local, trabalho que deve levar alguns anos.

Malta

grotto-4414405_1280 Imagem de Rene Gossner por Pixabay

Localizado no sul da europa, a 93 km da Sicília, na Itália, o arquipélago de Malta é, em tamanho, um dos menores países do continente. Apesar disso, sua riqueza cultural, gastronômica e turística é imensurável.

Malta já foi território dominado por fenícios, romanos, bizantinos, árabes, franceses e ingleses, e hoje esse passado reflete na gastronomia, na arquitetura, nos costumes e até no idioma falado por lá – o inglês é uma das línguas oficiais do país.

Agora que você está por dentro do contexto do país e sabe onde fica Malta, saiba que existem 3 ilhas quase inabitadas no arquipélago, uma delas chama-se Gozo. O local é marcado por seu deslumbrante mar azul – onde é possível fazer passeios de barco –, belíssimas formações rochosas e alguns santuários.

Além disso, a comida por lá é quase 100% orgânica e há locais protegidos pela UNESCO. Por consequência, o destino não comporta turismo em massa e se preocupa muito com a preservação ambiental. Vale lembrar que por se tratar de uma ilha remota, é necessário comprar euro antes de embarcar, pois nem sempre é fácil encontrar comércios que aceitam outra forma de pagamento que não seja o dinheiro em espécie.
Como ser um turista consciente
Se a ideia de conhecer lugares lindos, com a certeza de que a atividade turística não está prejudicando a natureza, parece atrativa para você, saiba que existem dicas que podem lhe ajudar a ser um turista consciente em qualquer lugar do mundo. Veja:



● Na busca por hospedagem, verifique se o hotel ou pousada faz o correto descarte de lixo, reaproveita água de chuva e conta com sistema de energia limpa.

● Durante a viagem, prefira comprar itens de produtores locais e frequentar restaurantes de pequenos empreendedores.

● Tenha respeito pelo patrimônio público e pela natureza local.

Você já tinha ouvido falar no termo turismo sustentável? Compartilhe o conteúdo com os seus amigos que também adoram viajar.

Imagem destaque de Hermann Traub por Pixabay

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Grupo de stand-up comedy ‘4 Amigos’ faz show na Domus

O grupo de stand-up comedy ‘4 Amigos’ retorna à capital paraibana no dia 29/09, para apresentação única no Domus Theatre, novo formato da Domus Hall que conta com poltronas no padrão das grandes casas de apresentações teatrais.

O show faz parte das comemorações de 10 anos da Domus Hall e tem início às 19 horas. Os interessados podem adquirir os bilhetes no site Ingresso Digital.



O quarteto, formado por Thiago Ventura, Afonso Padilha, Márcio Donato e Dihh Lopes, traz para João Pessoa um espetáculo que aborda as situações do cotidiano de forma leve e descontraída.

Durante o show, os comediantes se revezam no palco, por cerca de 20 minutos cada, e mostram ao público uma visão bem-humorada dos acontecimentos do dia a dia.

Foto: Divulgação



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Casa da Pólvora apresenta musical ‘Eternamente Bibi’ nesta terça-feira

O Centro Cultural Parque Casa da Pólvora apresenta nesta terça-feira (10), a partir das 20h, o espetáculo “Eternamente Bibi”. A entrada é gratuita e a classificação é livre. O musical é interpretado pelo ator paraibano Romildo Rodrigues.



O musical é dirigido por Maria Rita, com texto de Geraldo Fidelis e rende uma homenagem a cantora Bibi Ferreira, falecida em fevereiro de 2019, no Rio de Janeiro, vítima de uma parada cardíaca. A escolha por Bibi Ferreira, segundo o ator Romildo Rodrigues, se deu por sua inquietação na arte do transformismo.

No espetáculo o ator canta e ao mesmo tempo dubla músicas das décadas de 1960, 1970 e 1980. O musical começa com a canção Gota D´água (Chico Buarque), A noite do meu bem, passando por “Piaf” e outras. “Mas, não é apenas um espetáculo de dublagem, pois possui textos escritos pelo mineiro Geraldo Fidelis.



A caracterização da personagem é realizada por seu irmão gêmeo Romilson Rodrigues. “É tudo muito minucioso, onde eu saio literalmente da minha zona de conforto”, disse o ator.

A montagem conta com a iluminação e Italo Romany, sonoplastia de Bruno Delfino, contra-regra de Robson Oliver e supervisão de Sidney Rufino.



Quem foi Bibi Ferreira? – Abigail Izquierdo Ferreira, mais conhecida como Bibi Ferreira, nasce e morreu no Rio de Janeiro (1922/2019). Foi apresentadora, atriz, cantora, compositora e diretora brasileira. De ascendências portuguesa e espanhola, era filha do ator brasileiro Procópio Ferreira e da bailarina argentina Aída Izquierdo.

Por Adriana Crisanto / Fotos Divlgação



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Som nas Pedras: Circuito reúne jovens e músicos antigos em Matureia

Localizado aos pés do Pico do Jabre, na cidade de Matureia, o lajedo da Pedra do Caboclo recebeu no último sábado (7) um público de aproximadamente 400 pessoas, na segunda etapa do circuito Som nas Pedras. O evento reuniu pessoas de várias idades, inclusive os artistas mais jovens que se apresentaram com músicos mais experientes da região.



Ao anoitecer, o Quarteto de Cordas Cantos do Sertão, formado por professores do Programa de Inclusão através da Música e das Artes (Prima), apresentou músicas do imaginário nordestino, a exemplo de Lamento Sertanejo, Ave Maria, Asa Branca e Assum Preto. Em seguida, o músico Escurinho e o guitarrista Júnior Espíndola embalaram o público com ciranda, coco de roda e forró.

som-nas-pedras-1

A noite terminou com a apresentação de sanfoneiros da região, a exemplo de Seu Zé Vasco. Aos 88 anos, o sanfoneiro mais antigo de Matureia festejou a iniciativa. “Foi muito bom poder conhecer e tocar um pouco do que eu sei com essa juventude”, ressaltou.



A empreendedora Dalvanete Dantas, proprietária da Pousada Casarão do Jabre, ressaltou o propósito de desenvolvimento econômico do projeto. “Nesse fim de semana recebemos uma excursão que veio de João Pessoa exclusivamente para o Som nas Pedras e isso garantiu a lotação da pousada”, explicou.



O Circuito Som nas Pedras contemplará ainda outros oito municípios: Monteiro, Teixeira, Princesa Isabel, Congo, Cabaceiras, Serra Grande, Queimadas e Boqueirão.

Secom/PB Fotos: Divulgação

Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Berimbaobab Brasil se apresenta na Casa da Pólvora neste domingo

Após temporada na França, o grupo Berimbaobab Brasil se apresenta neste domingo (8), 16h, no Centro Cultural Casa da Pólvora, no Centro Histórico da Capital. O show marca o retorno do grupo após turnê, no mês passado, e está incluído na programação do AnimaCentro.

Nesta apresentação, haverá ainda o Show das Tribos, com Gláucia Lima, Soraia Bandeira e Izzah Ribeiro; e Mistérios de Cabôco, com Erivan Araújo. O músico Adeildo Vieira, componente do grupo, contou que este domingo funcionará como uma espécie de prestação de contas da turnê.



A cantora Gláucia Lima comentou que, além do enriquecimento artístico, a turnê serviu como uma oxigenação para todos do grupo e estreitou os laços. Foram para a turnê 13 pessoas e lá realizamos uma série de oficinas em terras francesas.

Neste show, haverá ainda apresentação do corpo de dança, formado por Karla Oliveira, Ayleen Vant e Vant Vaz, que compõem a Tribo Ethnos. “Eu acho que o que enriquece mais são os encontros que a gente consegue fazer a partir da arte, as pessoas que a gente consegue tocar através do movimento.



No local, também será apresentado um coletivo com 10 empreendedores criativos que deverão expor seus produtos das 16h até 19h, em uma ocupação artística e colaborativa inédita. A expectativa é conectar o público visitante a essas pessoas, agregando valor e fortalecendo parcerias.

Além das apresentações musicais, no local, haverá outras atividades de 14h até 17h, como a Mostra fotográfica “Mudando de Lugar”, de Walfredo Rodriguez, que resgata a discussão sobre o momento em que a capital paraibana passa a assumir contornos de cidade.



A partir das 15h, haverá a ocupação pacífica do projeto “No Balaio” com feira criativa, árvore dos sonhos, brechó Berimbaobab, Ibeji Ateliê Afro, entre outros expositores. Também haverá apresentação de maculelê, coco de roda e roda de capoeira com o grupo Axé Capoeira.

Outra atração do dia será o DJ Looparina, um projeto do produtor musical e percussionista Felipe Ceará, que mistura fragmentos da cultura popular e ritualística brasileira com loops, sintetizadores, theremins e outros instrumentos construídos por ele mesmo.

Por Adriana Crisanto / Foto Divulgação



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Alunos do Ação Social pela Música abrem concerto em São Paulo

Com clássicos do repertório armorial e músicas que fizeram sucesso nas telas do cinema e da TV, 42 crianças e adolescentes do projeto Ação Social pela Música de João Pessoa, se apresentam neste domingo (8), às 12h, no Theatro Municipal de São Paulo, abrindo o concerto da Orquestra Bachiana Filarmônica, regida pelo maestro João Carlos Martins, que convidou o grupo para participar do evento.

O convite para a apresentação foi feito pelo próprio maestro João Carlos Martins, quando esteve em João Pessoa como convidado especial da 6ª edição do Festival Internacional de Música Clássica, em 2018.



Os 42 alunos – 14 da unidade do Alto do Mateus e 28 da unidade de Mangabeira –, que estudam instrumentos de corda (violino, viola, violoncelo e contrabaixo), serão regidos pelos maestros Samuel Galvez Espinosa e Hector Rossi, coordenadores das unidades de Mangabeira e Alto do Mateus, respectivamente, e pelo maestro João Carlos Martins.

Nesta apresentação no Theatro Municipal de São Paulo, a primeira que fazem fora Estado, os alunos vão executar músicas que fizeram sucesso nas telas do cinema e TV como “Games of Thrones” (Ramin Djawadi), “The Avengers” (Alain Silvestri) e pérolas do repertório Armorial, como “No Reino da Pedra Verde” (Clóvis Pereira) e “Toada e Desafio” (Capiba), dentre outras composições.

O projeto Ação Social pela Música funciona em João Pessoa desde 2015 e atende atualmente cerca de 300 crianças nas quatro unidades da Capital. Além das aulas práticas e teóricas de segunda à sexta-feira, das 13h às 17h, os alunos têmaulas de reforço escolar (Português e Matemática).



Na Unidade 1 (Alto do Mateus) e na Unidade 2 (Mangabeira) os alunos aprendem a tocar instrumentos de corda (violino, viola, violoncelo e contrabaixo). Já na Unidade 3 (Gervásio Maia), estudam flauta doce, e na unidade 4 (Bairro dos Novais), estudam metais (trompete, trombone, tuba e trompa).

Por Juneldo Moraes / Foto Divulgação



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3