5 coisas sobre economizar na viagem que ninguém te conta

Larissa Rodrigues*

 

O que a gente mais ama fazer? Sim! Dar uns rolês pelo mundo à fora! Mas a gente tem dinheiro? Bem, aí já é outra história. Por isso, nós trouxemos dicas para dar aquela esticada no budget. Todo mundo sabe aqueles macetes mais comuns de conseguir economizar na viagem, como evitar a alta temporada e comprar pacotes, por exemplo. Mas nós temos alguns segredinhos que talvez você ainda não conheça. Vamos às dicas!

 

Uma mala de mão e nem uma meia a mais!

O problema da bagagem não é só pagar caro na hora do despacho. Isso se arrasta por toda a viagem, na hora de carregar aquele trambolho grande. Com pouca bagagem, se movimentar na cidade vai ser bem mais fácil. Se houver um bom transporte público na cidade, não será necessário pegar táxi, metrô e ônibus serão suficientes. E é claro, andar a pé. Para conseguir a proeza de levar só uma mala, planeje os looks antes de colocar na mala, pensando nos passeios que serão feitos. Use o calçado e o casaco mais pesados no voo, para poupar espaço.

mochila

 

Roupas térmicas

Casacos de frio custam uma pequena fortuna. Se você mora no nordeste, o preço de um trench coat dá para alimentar uma pequena comunidade carente. Então, uma saída bacana é ter um bom casaco e comprar roupas térmicas. Uma espécie de segunda pele que conserva o calor do corpo. Assim você vai poder usar as peças que já tem por cima das roupas térmicas.



Viagem de balada é uma coisa, viagem turística é outra

Se você vai conhecer a Itália, por exemplo, planeje os pontos turísticos que quer conhecer e não dê uma esticadinha para a balada. Se fizer isso, provavelmente vai gastar mais do que o previsto e vai estar morto no dia seguinte. Portanto, não misture as coisas. Ou programe uma viagem de festas e bebedeira com os amigos em Bali, Las Vegas, Amsterdã, ou planeje uma viagem de atividades diurnas. E siga o plano!

 

Comida local de verdade

Fuja dos restaurantes mais famosinhos. Certamente serão caros e não serão um retrato fiel da culinária local. Procure saber quais são os bons restaurantes que os moradores locais frequentam. Com certeza, passar a viagem inteira comendo McDonalds vai sair mais barato, mas uma das melhores coisas é experimentar os sabores.

 

Compras no último dia

Deixe as compras para os últimos dias, assim você não estoura o orçamento antes do final da viagem. Se sair comprando qualquer bugiganga que passar na sua frente, durante os passeios, não vai nem sentir o dinheiro ir embora. Por isso, a melhor coisa é separar um dia de compras.

 

Leia também:

Viagem: qual a melhor opção de hospedagem em Nova York?

Dica: 4 formas de estudar inglês de graça na internet!

 



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!
Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Deixe seu comentário!
%d blogueiros gostam disto: