Destinos para curtir o inverno pelo Brasil

Oficialmente o inverno só começa no dia 21 de junho, mas as baixas temperaturas já permitem que os turistas vistam o casaco para curtir o friozinho das serras e de outros locais que oferecem atrativos naturais e festivais de música e gastronomia. Até agosto, os meses mais frios do ano movimentam os viajantes que curtem temperaturas amenas em várias regiões do Brasil.



No Sul e Sudeste são encontrados tradicionais destinos da estação. Bento Gonçalves, no Vale dos Vinhedos, a dobradinha formada por Gramado e Canela, na serra gaúcha; São Joaquim e suas vizinhas da neve, na serra catarinense; a trinca Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo, na região serrana do Rio de Janeiro e Campos do Jordão (SP), na Serra da Mantiqueira, são alguns deles.

gramado

Gramado – RS

A histórica Ouro Preto (MG) realiza entre os dias 6 e 22 julho, o 51º Festival de Inverno, um dos mais tradicionais do Brasil. A festa de Ouro Preto conta com shows e exposições nas ruas de casario colonial e igrejas barrocas, além da tradicional cozinha mineira. A estação termal de Poços de Caldas, também em Minas Gerais, é outro destino de inverno para quem gosta de relaxar nas águas quentes ou se aquecer nas noites com música e vinho. O Blues & Jazz Festival, entre os dias 19 e 22 de julho, terá como palco a Antiga Estação Ferroviária de Poços de Caldas com os tradicionais chocolates, queijos e vinhos.



Já a catarinense Joinville realiza seu 36ª Festival de Dança entre 17 e 28 de julho. O roteiro turístico integra dança, cerveja, gastronomia e arquitetura alemã. Em Blumenau, também de cultura europeia, o Festitália, em julho, e Sabores de Santa Catarina, em agosto, são dois festivais dedicados à culinária durante o inverno, e seguem o clima do Internacional Beer Festival, no final de junho, para quem quiser antecipar o espírito da Oktoberfest, a maior de todas as festas do estado, que será realizada em outubro.

fest-talia

Festitália – Blumenau SC

No Nordeste, onde as quatro estações do ano se confundem com o verão, também há destinos para se curtir o friozinho do inverno. Guaramiranga, no Maciço do Baturité, a 100 km de Fortaleza, tem uma agenda de eventos o ano inteiro. A temporada de inverno começa com os festejos juninos e continua com a virada cultural, mostra de teatro e shows folclóricos. A vizinha Pacotí encerra a temporada, em agosto, com o festival Café, Chocolate e Flores. O roteiro de clima ameno e paisagem singular na região serrana cearense tem atrativos históricos, culturais, de natureza e aventura.

sao-joao

Festejos Juninos – Campina Grande  PB

O turista que gosta de fugir do óbvio também poderá subir as serras de Gravatá e Garanhuns, em Pernambuco, e se deliciar com o clima frio e atrações quentes nas noites do inverno pernambucano. Em sua 28ª edição, o Festival de Inverno de Garanhuns, de 19 a 28 de julho, é considerado um dos principais eventos culturais de Pernambuco e atrai turistas de todo o Brasil. Já no Centro Oeste, Bonito (MS) também é um dos paraísos de inverno para quem busca temperaturas amenas em contato com a natureza, além de poder nadar com os peixes nos rios e piscinas naturais. A serra do Tepequém (RR), a 200 km de Boa Vista, está entre os destinos mais frios da região Norte.

 

Leia também: A magia de visitar o Instituto Ricardo Brennand, em Recife

 

Banhos de cachoeiras e cavalgadas são alguns dos programas favoritos dos turistas que visitam Penedo (RJ), além de queijos e vinhos com um toque nórdico são as principais características da antiga colônia finlandesa. O turismo romântico também faz parte dos dias frios de Visconde de Mauá (RJ) e Monte Verde (MG), ambas na Serra da Mantiqueira. Entre as capitais, Curitiba (PR) é uma das mais frias e oferece atrações como parques urbanos, atividades culturais e gastronomia diversificada. A descida da Serra do Mar de trem até a histórica Morretes para degustar o barreado, prato típico local, é um dos programas de inverno favoritos de quem visita Curitiba.

Fonte: MTur



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!
Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Quer receber mais conteúdo legal gratuitamente no seu e-mail? Assine a nossa Newsletter!

Banda Triinca faz show nesta sexta (01) e público paga quanto quiser

O Centro Cultural Espaço Mundo abre as portas mais uma vez para realizar uma edição do projeto “Quanto Vale o Show?” recebendo a banda pernambucana Triinca, nesta sexta (01), a partir das 22h. Nesse projeto, o público é quem decide o quanto acha justo e pode pagar pela apresentação do artista.

A banda Triinca dá forma de canção aos amores líquidos em seu repertório dançante, entre levadinhas marotas de guitarra, pulsações rítmicas eletrônicas, sintetizadores e barulhinhos de videogame. Composta por Joanna D’arc Cinta (Vocais), Alcides Vespasiano (Guitarra) e Rogério Lins (Sintetizadores, Baixo e Percussões Eletrônicas) a banda pernambucana formou-se em meados de 2016, numa ponte virtual entre Recife e Chã Grande.

A banda já acumula participações em festivais como Sonoridades do Fábrica, Revelita e Janeiro de Grandes espetáculos no Recife, no festival Na Tora em Olinda, no encerramento do 41º congresso da UPE em Nazaré da Mata e no palco alternativo do Carnaval de Vitória de Santo Antão; além de apresentações regulares no circuito alternativo da cidade do Recife.

 

O “Quanto Vale o Show?” se inspira na tradição da arte de rua, em que o público oferta o quanto pode e acha justo pagar pela apresentação, de forma livre e consciente, através de um chapéu que é passado durante o show. O projeto visa contribuir com a formação de público para os artistas e democratizar o acesso à cultura, além de provocar uma reflexão sobre a valorização do produto artístico e a continuidade de projetos culturais como esse.

 

Centro Cultural Espaço Mundo – Praça Antenor Navarro, 53, Varadouro (Centro Histórico)

 

Clique aqui e confira mais eventos em João Pessoa na nossa agenda cultural!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

O que fazer em João Pessoa no feriado de Corpus Christi

O feriado de Corpus Christi é nesta quinta-feira (31) e claro que a gente não iria deixar de trazer algumas dicas para curtir a folga. Seja para quem está sem grana, ou para aqueles que querem mesmo é curtir uma balada, opções não faltam de o que fazer em João Pessoa. Confere as dicas:

 

Bica

O Parque Zoobotânico Arruda Câmara (Bica) abre normalmente neste feriado, das 8h às 16h, sendo permitida a permanência no local até as 17h. No Parque, os visitantes poderão contar com espaços para caminhadas, parquinho infantil, lanchonetes e áreas para piquenique, como também opções de passeios em pedalinhos e triciclos, que ficam na área do Lago das Cinco Fontes, e ainda conhecer animais exóticos e silvestres como onça pintada, elefante, jacarés, gaviões, raposas e araras, entre outros.



Esquenta Empório Café

Para quem quer festa, o Esquenta para o Fim de Semana do Empório Café acontece nesta quinta (31) em dois espaços separadamente. A pista Under traz show de Chico Limeira e Titá Moura para se despedir de maio com muita música boa e uma galera massa. O valor da entrada para o show é de R$15, apenas em espécie.

Na pista Secondfloor a entrada é gratuita com Karaokê + Batalha de Djs para quem quiser curtir o feriado com muita diversão.

 

Tramonto Wine Bar

Neste feriado o Tramonto Wine Bar recebe o show do cantor Victor Brizeno, em uma noite regada a boa música e vinhos de qualidade!

 

Quinta do Camarão no Bessa Grill

Nesta quinta (31), o Bessa Grill terá música ao vivo no terraço em frente ao mar com show de Beto Magno & Fabiana, acompanhado dos mais variados petiscos de Camarão, todos em promoção, a partir das 20h.

 

Gostou das dicas? Confira mais eventos em João Pessoa na nossa agenda cultural!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

Clube de leitura Rota Literária debate “Drácula” em João Pessoa

Com a proposta de promover o debate literário e reunir o público amante de livros em João Pessoa, o clube de leitura Rota Literária promove mais um encontro em João Pessoa. O projeto reúne o público para conversar sobre obras literárias, todos os meses, na Livraria Leitura do Mangabeira Shopping. O encontro do mês de junho, que acontece na sexta (08), às 19h, deve debater o clássico do terror “Drácula”, de Bram Stoker.

O evento é organizado pelo site de turismo e cultura Rota Principal, em parceria com a Livraria Leitura. “A ideia é reunir o público que gosta de ler para conversar sobre literatura e trocar opiniões sobre os livros. Por outro lado, também queremos conhecer as pessoas que gostam de cultura na cidade, trazer a experiência de troca de informações virtual que temos através do site para o âmbito da ‘vida real’”, explica o empresário Albertino Bezerra, um dos sócios do Rota Principal.

O clube de leitura já funciona há quase um ano e antes se reunia na Livraria Leitura do Manaíra Shopping, mas agora está de casa nova. “Decidimos migrar o projeto para a Leitura do Mangabeira Shopping, pois ela dispõe de uma área para eventos que nos proporciona mais conforto e privacidade. Estamos muito felizes com essa nova fase do Rota Literária, que tem se mostrado uma iniciativa de grande valor no âmbito cultural da cidade”, comenta Bezerra.



Drácula

Quem comparecer ao evento poderá trocar opiniões sobre um dos maiores clássicos do terror, o livro “Drácula”, do autor Bram Stoker. Escrito em 1897, esse romance de ficção gótica se imortalizou como a mais famosa história de vampiros da literatura. Após pouco mais de 120 anos da publicação, o personagem Drácula tornou-se também um ícone do cinema, com diversas adaptações de sua figura na telona.

No livro, um romance epistolar, a história é contada através de cartas, diários, notícias de jornais e documentos náuticos. Aos poucos vamos conhecendo o mistério que envolve a figura do Conde Drácula, que vive em um sombrio castelo na Transilvânia.

 

AGENDA DO CLUBE DE LEITURA*

08/06 – Drácula

06/07 – O Guia do Mochileiro das Galáxias

10/08 –  O Corcunda de Notre Dame

*todos os eventos vão acontecer na Livraria Leitura do Mangabeira Shopping

 

Mais informações:

Instagram do evento: @rotaliteraria

Clique aqui para confirmar presença no evento no Facebook!

 

Leia mais sobre livros clicando aqui!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

Saiba quais são os documentos necessários para viajar para a Europa

Depois da data da viagem marcada, uma das coisas mais importantes é a documentação. É preciso estar bem ciente de tudo o que é necessário, para evitar transtornos. Imagina ter sua entrada no país barrada, após viajar por horas de avião? Como cada país define a sua política de entrada e saída de pessoas, isso pode se tornar bem confuso. Para facilitar o trânsito de pessoas, os países fazem acordos para padronizar os processos de entrada. Pra descomplicar, vamos dizer quais são os documentos necessários para viajar para a Europa de um modo geral. As regras mostradas aqui serão as mais comuns. O ideal é se certificar junto ao consulado do país de destino aqui no Brasil.

Primeiro, certifique-se de que seu passaporte esteja dentro da validade. É necessário que ele tenha validade mínima de pelo menos 90 dias após o término da viagem. Ou seja, no dia da volta para o Brasil, o passaporte ainda deve ter validade de 90 dias. Depois, vamos ao visto. Para brasileiros, em viagens de turismo por até 3 meses não há necessidade de visto para viajar para os países da União Europeia. No entanto, nem todos os países da Europa fazem parte da União Europeia, mas quase todos os países fora do bloco também não exigem visto para brasileiros.



viagem1

O Tratado de Schengen é um acordo internacional que permite a livre circulação de pessoas dentro dos países membros. Ou seja, o viajante só passa pela imigração uma vez, no aeroporto de chegada no primeiro país da viagem e pode se deslocar entre os países membros sem burocracia. Veja abaixo a lista de países que compõem o Tratado de Schengen e a União Europeia:

 

Tratado de Schengen:

Áustria, Bélgica, República Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Islândia, Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos, Noruega, Polônia, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça, Grécia, Hungria, Mônaco e San Marino.

 

União Europeia:

Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Chipre, Croácia, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Hungria, Irlanda, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Polônia, Portugal, República, Tcheca, Romênia e Suécia.

O Tratado de Schengen exige que o visitante tenha um seguro com cobertura mínima de € 30.000 cobrir custos de assistência médica. É preciso ter em mãos também, para entrar na Europa, uma passagem aérea de volta comprada e com data marcada. Comprovantes de hospedagem também são solicitados pelos oficiais da imigração. Se você for ficar na casa de um amigo ou parente, precisa de uma carta convite. A carta convite precisa ser escrita por um cidadão europeu, ou estrangeiro com visto permanente. Ela deve ser escrita em inglês ou na língua local do país e registrada em um órgão oficial.



viagem3

Em alguns casos, será necessário comprovar a sua capacidade financeira de se manter durante a viagem. Isso pode ser feito mostrando o extrato da sua conta bancária, ou o extrato do seu cartão pré-pago, ou o extrato do limite do seu cartão de crédito ou ainda a quantia em espécie. Varia bastante de país para país, mas gira em torno de 65 Euros por dia de viagem. Não esqueça de reunir toda a documentação e deixá-la separada para o momento do desembarque. Essas dicas servem para os países da UE e do Tratado de Schengen, mas com a crise migratória, a Europa pode mudar alguns detalhes a qualquer momento. Por isso, antes de embarcar, certifique-se de que não há uma nova regra em vigor! Boa viagem!

 

Leia mais Quanto custa viajar para Paris? A viagem dos sonhos!

 

Por Larissa Rodrigues: desenhista do @be.my.type, internacionalista e mestranda de Relações Internacionais da UEPB. Adora falar de política, espiritualidade e coisinhas que amenizam nossa experiência de vida: filmes, moda, viagens e comida!!!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

Estação Cabo Branco promove mais uma Roda de Leitura

A escritora Vânia Rocha é a atração do projeto Roda de Leitura nesta terça-feira (29), às 14h, na Sala de Convenções 1, localizada no prédio administrativo da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, no Altiplano. A atividade tem entrada gratuita e recebe uma instituição escolar convidada para participar da atividade.

Leia também:
Resenha: Grande Magia, de Elizabeth Gilbert

A roda deste mês trabalhará com o capítulo do livro “A Fada de Luz” da obra literária “Meu livro de histórias preferidas”. O capítulo conta a história de Lua Maria, uma criança especial, que não fala, mas nasceu com o dom da luz. Ela é uma fada da luz que trazia em sua varinha de fada elementos como o amor, alegria, paz e respeito. Ela nasceu em uma noite linda de céu azul e estrelado, com uma lua prateada enorme, por isso lhe deram o nome de lua.



Francisca Vânia Rocha Nóbrega – É graduada e mestre em Letras pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Membro da União Brasileira de Escritores (UBE), da Academia Paraibana de Poesia (APP), da Associação Internacional de Escritores e Artistas (Literarte) e da Rede de Escritoras Brasileira (Rebra).

Tem quatro livros publicados: Das palavras à imagem fílmica; A cartomante pelo viés da psicanálise; Eu e as Borboletas nas Assas do Vento; Tecendo Poemas nos Ecos do Eu e Ponto e Contraponto: Releituras. Além de vários artigos, Vânia Rocha tem crônicas e contos publicados em coletânea. Hoje leciona na rede de ensino da Paraíba.

Roda de Leitura:

É um projeto criado pelo Setor de Gestão Educacional da Estação Cabo Branco, coordenado pela professora Denise Paz, e nasceu com o intuito de incentivar os estudantes que tenha prazer diário pela leitura.

A atividade é destinada ao público das escolas. Para participar basta entrar em contato com o setor, no horário comercial, e agendar sua visita com a turma. Os telefones de contato da Estação são: 3214-8270 ou 3214-8303.

Secom JP / Adriana Crisanto



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!
Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Quer receber mais conteúdo legal gratuitamente no seu e-mail? Assine a nossa Newsletter!

Live it up: Você gostou da música da Copa 2018?

Faltam 19 dias para o mundial de futebol mais famoso do mundo e estamos na contagem regressiva. A Copa do Mundo sempre representou um momento de festa por aqui no Brasil. Apesar dos nossos problemas sócio-econômicos, reunir os amigos no bar pra ver o jogo e gritar juntos é sagrado. A tradição do amor pelo futebol já faz parte da nossa cultura e mesmo em tempos difíceis como o 7X1 ou a crise atual não precisam mudar isso. Foi no calor da ansiedade para o início do mundial que a música da Copa foi lançada.

Quem canta a canção tema é o ator e rapper Will Smith, o cantor de reggaeton porto-riquenho Nicky Jam e Era Istrefi. Não tem participação de um artista russo, mas conta com a cantora Era Istrefi, do Kosovo, país que se tornou independente da Sérvia em 2008. Essa região já pertenceu à antiga União Soviética.

A grande apresentação ao público será antes da final, no dia 15 de julho. O hit tem uma pegada eletrônica dançante e letra positiva. Chama-se Live in Up que quer dizer “viva” em português. Como era esperado, pela presença do porto-riquenho Nicky, uma das estrofes é cantada em espanhol.



Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh

One life, live it up, ‘cause we got one life
One life, live it up, ‘cause we got one life
One life, live it up, ‘cause you don’t get it twice
One life, live it up, ‘cause you don’t get it twice

straighten the numbers, is a force we can mix
We raise our flags
and put our pride on our back
We feelin’ like a champion when we shine our light
We got the power, make condition correct

One life, live it up, ‘cause you got one life
One-one-one life, live it up, ‘cause you got one life
One-one-one life, live it up, ‘cause you don’t get it twice
One-one-one life, live it up, ‘cause you don’t get it twice

Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh

One life, one dream
One moment, one team
One youth, lights high
Thousand road blocks, one shot
One truth, no fears
One flag, oh yeah
We’ve been waiting for this all year
Where y’all at? we’re right here!

Ya empezó la rumba y estamos celebrando
Todo el mundo que me levante la mano
‘Tamos vivos, hay que disfrutarlo
Hoy nadie me detiene porque yo no sé parar, no, no

One life, live it up, cause we got one life
One life, live it up, cause we got one life
One life, live it up, cause you don’t get it twice
One life, live it up, cause you don’t get it twice

Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh

Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh

For the love, I’m a rebel I’m coming from
Every nation under the sun
Elevating their favourite song when we hit and run
You own it, you got it
The whole world it’s watching
So let’s get this pumping
Where y’all at? we’re right there!

Only one life to live, got so much to give
Fighting for the nation now, that is my gift
Run like a champion and win like a king
That’s my only gold my everything
Living up now, now

Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh-oh-oh-oh (living up now, now)
Oh-oh, oh-oh-oh-oh
Oh-oh, oh-oh-oh-oh

A música da Copa foi lançada, os estádios estão a postos, o desafio agora é a crise diplomática entre a Rússia e os 20 países que expulsaram diplomatas russos de seus territórios. Isso aconteceu devido às posições divergentes desses países em relação ao conflito na Síria e ao caso do espião russo vítima de tentativa de homicídio em Londres, Serguei Skripal. Certamente, sem o funcionamento de 20 embaixadas na Rússia, alguns transtornos podem atrapalhar a ida de turistas desses países para a Copa.

 

Leia mais Clipes com crítica social põem fogo no parquinho!

 

Por Larissa Rodrigues: desenhista do @be.my.type, internacionalista e mestranda de Relações Internacionais da UEPB. Adora falar de política, espiritualidade e coisinhas que amenizam nossa experiência de vida: filmes, moda, viagens e comida!!!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

Nova temporada de 13 Reasons Why perde oportunidade de melhorar

Confesso que fui assistir à segunda temporada de 13 Reasons Why com um misto de dúvida se ela era mesmo necessária e esperança de que as coisas fossem diferentes. A primeira temporada da série sofreu muitas críticas por mostrar de forma explícita a cena do suicídio de Hannah Baker, servindo quase de um manual de como se matar. Porém, ao terminar de ver os novos episódios, constatei que a história tomou um rumo no mínimo discutível.

A continuação da trama se passa meses após o suicídio de Hannah, quando os pais da garota movem um processo para responsabilizar a escola pelo acontecido. Vemos o depoimento de cada um dos personagens principais guiar o rumo dos episódios, e descobrimos muitos detalhes que não foram abordados nas fitas deixadas por Hannah.

Um risco de se criar uma continuação para uma história teoricamente encerrada é que há chance de deixar pontas soltas. Em minha opinião, foi o que aconteceu com 13 Reasons Why. Muitas das descobertas que ficamos sabendo nesta temporada tornam a história um pouco incoerente, considerando que eram importantes demais para não serem abordadas nas fitas.

Um ponto forte é o aprofundamento da história de alguns personagens, como Justin e Jessica. Podemos entender um pouco mais do que passa uma sobrevivente de estupro que precisa conviver diariamente com o agressor nos corredores da escola, e percebemos o quanto o ambiente escolar é tóxico. Também entendemos um pouco dos conflitos de um adolescente viciado em drogas, com uma família completamente desestruturada.



13-reasons-why-bathroom-scene

O tempo todo, a série levanta a questão de se a escola é culpada pelo que aconteceu com Hannah. Fica claro, ao longo dos episódios, que há muito mais questões do que imaginávamos por traz do suicídio da garota e que cada pequeno detalhe pode influenciar uma pessoa psicologicamente abalada.

Porém, o maior erro desta temporada é sem dúvidas insistir em apresentar cenas explícitas de violência física e, principalmente, sexual. Apesar dos criadores de 13 Reasons Why afirmarem que precisamos mostrar o que as vítimas de bullying e estupro passam no dia a dia, a forma como as cenas são apresentadas pode chocar até os mais acostumados à selvageria no cinema. Isso sem contar o que podem fazer a alguém com problemas psicológicos, depressão etc.

A série nos dá vários avisos de que os episódios podem conter gatilhos, além de expor contatos para ajuda psicológica a quem necessitar. Mas como garantir que os avisos vão de fato parar aqueles que não têm condições psicológicas de vê-la? Ainda mais quando os personagens em cena, contraditoriamente, continuam a não conversar sobre os problemas que enfrentam. Me parece uma aposta arriscada de se fazer.

*por Érica Rodrigues

 

Leia mais – Dica: você precisa assistir estas quatro séries de época!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

 

Vila do Artesão em ritmo de São João realiza mais um Forró na Vila neste sábado

O projeto Forró na Vila, da Prefeitura de Campina Grande, realizado pela Agência Municipal de Desenvolvimento (Amde) realiza neste sábado mais uma edição, tendo como atração o trio Forró Sombra do Juazeiro. O arrasta pé gratuito que começa às 14h na Praça de Alimentação da Vila.

Através de uma reforma promovida pela Amde na Praça de Alimentação, o espaço se tornou maior, mais iluminado, arejado e acolhedor, por isso no último sábado cerca de 500 pessoas estivaram no local para aproveitar o arrasta pé que marcou a reinauguração do espaço.



Além das programações artísticas, o público que visitar a Vila do Artesão pode aproveitar o espaço público para conhecer o artesanato produzido em Campina Grande, degustar a melhor comida regional e usufruir de serviços de beleza. São mais de 200 artesãos produzindo e comercializando seus produtos.

A Vila do Artesão funciona das 10h às 18h da segunda-feira ao sábado.



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!
Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3

Quer receber mais conteúdo legal gratuitamente no seu e-mail? Assine a nossa Newsletter!

Confira dicas pra comemorar o dia dos namorados em João Pessoa

O dia dos namorados está chegando e, para os mais precavidos, é hora de planejar a comemoração com o seu amor. É bem verdade que todos os dias são dias de demonstrar o nosso carinho por quem está ao nosso lado, mas pra quem curte festejar essas datas, vai aí algumas dicas para comemorar o dia dos namorados.

Se você mora em João Pessoa, ou estará de passagem por aqui, pode levar o seu amor para jantar num restaurante romântico. Essa é sempre uma opção segura. Um momento especial para comer boa comida, tomar um bom vinho e aproveitar a melhor companhia. Nós já fizemos uma lista de restaurantes românticos pra visitar em João Pessoa, dá uma olhada lá!

Para quem curte praia, uma viagem rápida no fim de semana pode ser muito especial. A nossa dica é uma praia afastada dos grandes centros urbanos, onde o casal possa aproveitar o clima descontraído. Pipa, no Rio Grande do Norte, é uma praia da cidade de Timbau do Sul, que fica a 85km de Natal, 152km de João Pessoa-PB e 251km de Recife-PE. Veja essa listinha de pousadas paradisíacas para se hospedar em Pipa!



dia-dos-namorados2

Mas como os tempos são de crise, quem está com pouca grana não precisa deixar de comemorar o dia dos namorados. Afinal, se você tem um mozão pra chamar de seu, já tem o mais importante, né? Por isso, mostramos algumas atrações que custam pouco ou nada para visitar num post aqui do site.

Ainda há a possibilidade de se jogar na cozinha pra impressionar a cara metade, né? Um jantarzinho a dois em casa, com velas e vinho aquece qualquer coração! Mas se você não tem muito talento na culinária, não tem problema, tem vários aplicativos que te ajudam nisso. Veja essa lista de apps pra te salvar na cozinha.



dia-dos-namorados3

Nossa última dica, mas não menos especial, é tomar um café farto de hotel e curtir as praias de João Pessoa com o(a) crush. Alguns hotéis da cidade têm café aberto para o público. Por um preço razoável vocês podem fazer uma boa refeição e aproveitar as praias da capital depois.

 

Por Larissa Rodrigues: desenhista do @be.my.type, internacionalista e mestranda de Relações Internacionais da UEPB. Adora falar de política, espiritualidade e coisinhas que amenizam nossa experiência de vida: filmes, moda, viagens e comida!!!



Gostou do conteúdo? Então não esquece de ativar as notificações no sininho, no canto inferior da tela do desktop!

Aproveita e segue a gente no nosso Instagram e Facebook para ver o conteúdo que postamos por lá! <3